Glossário

Outras ferramentas

 

    A-Z 
  • A 
  • B 
  • C 
  • D 
  • E 
  • F 
  • G 
  • I 
  • M 
  • N 
  • O 
  • P 
  • R 
  • S 
  • T 
  • U 

Alargamento

O termo alargamento refere-se às sucessivas vagas de adesão de novos membros à UE. São vinte e dois os países que, até à data, se juntaram aos seis membros fundadores das Comunidades Europeias (Alemanha, Bélgica, França, Itália, Luxemburgo e Países Baixos):

  • 1973: Dinamarca, Irlanda e Reino Unido
  • 1981: Grécia
  • 1986: Espanha e Portugal
  • 1995: Áustria, Finlândia e Suécia
  • 2004: Chipre, Eslováquia, Eslovénia, Estónia, Hungria, Letónia, Lituânia, Malta, Polónia e República Checa.
  • 2007: Bulgária e Roménia
  • 2013: Croácia

A Antiga República Jugoslava da Macedónia, a Islândia, o Montenegro, a Sérvia e a Turquia têm o estatuto de países candidatos. Atualmente, estão em curso negociações de adesão com o Montenegro, a Sérvia e a Turquia; as negociações com a Islândia encontram-se suspensas. Os restantes países dos Balcãs Ocidentais são países potencialmente candidatos (Albânia, Bósnia e Herzegovina, Kosovo*).

Durante o período 2014-2020, o Instrumento de Assistência de Pré-adesão (IPA) constitui o instrumento financeiro da UE para apoiar o processo de pré-adesão. A assistência é prestada com base em Parcerias de Adesão com os países candidatos e Parcerias Europeias com os países potencialmente candidatos.

* Esta designação não prejudica as posições sobre a questão do estatuto e está em consonância com a Resolução 1244 do CSNU e o Parecer do TIJ sobre a declaração de independência do Kosovo.