Redes Jean Monnet para as escolas e os institutos de EFP

Perfil dos candidatos

Escolas e prestadores de EFP em todos os Países do Programa Erasmus+.

Uma rede deve incluir, pelo menos, 5 organizações de, pelo menos, 3 países do Programa Erasmus+ diferentes.

Não disponível para particulares.

Duração: 3 anos

Subvenção máxima por rede: 300 000 EUR (representando, no máximo, 80 % do custo total)

Em que consiste uma Rede Jean Monnet para as escolas e os institutos de EFP?

O intercâmbio de boas práticas e o ensino conjunto entre escolas e prestadores de EFP, num grupo de países, a fim de facilitar um entendimento comum relativo aos métodos de aprendizagem de temas relacionados com a União Europeia (UE).

Esta vertente das Ações Jean Monnet destina-se a apoiar atividades que não podem ser realizadas a nível nacional, bem como as que têm uma dimensão multinacional.

O que se espera de uma Rede Jean Monnet?

Cabe às escolas/prestadores de EFP definir os temas a que se dedicarão. Eis alguns exemplos:

  • formas novas ou inovadoras de abordar o ensino de vários temas relacionados com a UE, incluindo a proposta de novas metodologias e a criação de instrumentos de apoio aos aprendentes.
  • intercâmbio de boas práticas e de experiências em matéria de ensino de temas relacionados com a UE, incluindo a forma de enfrentar desafios específicos.

Os professores poderão beneficiar de experiências de mobilidade por alguns dias para organizar e realizar atividades de ensino conjunto ou tutoria conjunta com os seus pares.

Prazos e formulários de candidatura

Guia do Programa Erasmus+

Guia passo a passo sobre o processo de candidatura

Agência de Execução Europeia da Educação e da Cultura (EACEA)

Compartilhe esta página