A necessidade de um desenvolvimento sustentável

O desenvolvimento sustentável visa satisfazer as necessidades das gerações atuais sem comprometer a capacidade das gerações futuras para satisfazerem as suas próprias necessidades. Isto implica uma abordagem global, que reúna as dimensões económica, social e ambiental de forma a permitir o seu reforço mútuo.

O quadro geral

A Agenda 2030 das Nações Unidas, adotada pelos dirigentes mundiais em 2015, estabelece 17 objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS), constituindo o novo quadro mundial para o desenvolvimento sustentável. O compromisso assumido visa erradicar a pobreza e alcançar um desenvolvimento sustentável até 2030 em todo o mundo, garantindo que ninguém fica para trás.

Os objetivos de desenvolvimento sustentável estabelecem metas concretas para os próximos 15 anos, assegurando o equilíbrio entre as três dimensões do desenvolvimento sustentável - económica, social e ambiental, e centrando-se, nomeadamente:

  • na dignidade humana
  • na estabilidade regional e mundial
  • num planeta saudável
  • em sociedades justas e resilientes
  • na prosperidade económica.

Os objetivos ajudam a promover a convergência entre os países da UE, no interior das sociedades e com o resto do mundo.

O empenhamento da UE para com o desenvolvimento sustentável

A UE está numa boa posição de partida no que se refere ao desenvolvimento sustentável e está plenamente empenhada, juntamente com os seus Estados-Membros, em assumir uma posição de liderança na execução da Agenda 2030 das Nações Unidas. Os objetivos de desenvolvimento sustentável estão integrados nas dez prioridades da Comissão Europeia.

Em novembro de 2016, a Comissão Europeia apresentou a sua abordagem estratégica para a aplicação da Agenda 2030 da ONU, nomeadamente dos objetivos de desenvolvimento sustentável.

Ligação: Próximas etapas para um futuro sustentável na Europa

Principais ações com vista à aplicação da Agenda 2030:

  • incluir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável nas políticas e iniciativas da UE, fazendo do desenvolvimento sustentável o princípio orientador de todas as políticas da Comissão Europeia
  • publicar relatórios regulares sobre os progressos realizados pela UE a partir de 2017
  • impulsionar a aplicação da Agenda 2030 juntamente com os governos dos países da UE, o Parlamento Europeu, outras instituições europeias, organizações internacionais, organizações da sociedade civil, cidadãos e outras partes interessadas
  • lançar uma plataforma multilateral de alto nível, que apoie o intercâmbio de boas práticas em matéria de aplicação da Agenda 2030 em todos os setores, a nível nacional e europeu
  • lançar uma visão a mais longo prazo com uma perspetiva pós-2020.

A fim de promover o desenvolvimento sustentável em todo o mundo, a UE continuará a colaborar com os parceiros externos, utilizando todos os instrumentos disponíveis no âmbito das suas políticas externas, e a apoiar, em especial, os esforços dos países em desenvolvimento.

Documentos