Apresentação

Na maioria dos casos, para se poder beneficiar de financiamento da UE é necessário colaborar com organizações de outros países. Existem vários serviços que o podem ajudar a encontrar parceiros, isto é, organizações interessadas em participar em propostas, ou a publicar as suas próprias ofertas de colaboração.

Onde procurar parceiros no domínio da educação

Agências nacionais Erasmus+

As agências nacionais Erasmus+, que estão estabelecidas em países que participam no programa, podem ajudá-lo a encontrar parceiros para projetos. 

Mais informações sobre a forma como as agências nacionais o podem ajudar a encontrar uma organização parceira

Base de dados de resultados dos projetos Erasmus+

A base de dados dos resultados dos projetos Erasmus+ contém informações sobre projetos Erasmus anteriores e os dados de contacto das organizações participantes.

Parceiros para projetos no domínio da juventude

A plataforma Otlas permite-lhe procurar organizações e grupos informais que trabalham em projetos no domínio da juventude e que podem estar interessados em formar parcerias internacionais.

Parceiros para projetos de escolas

A eTwinning é uma comunidade em linha de professores e outros membros do pessoal escolar onde pode encontrar parceiros potenciais para projetos em linha e fora de linha.

O portal School Education Gateway é uma plataforma colaborativa dirigida ao pessoal educativo onde pode procurar parceiros para

Parceiros para projetos de educação de adultos

A plataforma de procura de parceiros EPALE permite-lhe trocar ideias e encontrar oportunidades de colaboração com pessoas ou organizações ativas na educação de adultos. 

Parceiros para projetos de formação profissional

A Aliança Europeia para a Aprendizagem é uma rede que visa melhorar a aprendizagem na Europa e que lhe permite procurar parceiros potenciais para projetos no domínio da formação profissional.

A Semana Europeia da Formação Profissional apoia a ligação em rede e a cooperação entre aprendentes, encarregados de educação, empresas, prestadores de serviços de ensino e formação, organizações de educação de adultos, câmaras e outras associações profissionais, investigadores, conselheiros de orientação profissional e autoridades públicas.