Notícias sobre o portal

Centenas de trabalhadores espanhóis a caminho da Suíça

Mais de 4000 trabalhadores da construção provenientes de toda a Espanha juntaram-se em Madrid, em Março de 2011, por altura das Jornadas do Emprego, o evento de recrutamento da EURES. Os trabalhadores esperavam conseguir uma das centenas de vagas anunciadas pelas quatro maiores empresas de recrutamento presentes. 
 
As Jornadas do Emprego de Madrid, uma iniciativa conjunta organizada pela EURES em Espanha e na Suíça, teve como objectivo específico o recrutamento de trabalhadores da construção espanhóis para trabalhar na Suíça.
 
“Foi um evento coroado de êxito. Recebemos imenso feedback positivo das empresas de recrutamento para as quais a EURES realizara uma pré selecção de potenciais candidatos,” afirmou Maria José Arias Fernàndez, gestora da EURES em Espanha.  
 
Os conselheiros EURES tinham percorrido o portal EURES à procura de candidatos a emprego nas respectivas regiões, que correspondessem à descrição das funções. Após um primeiro telefonema, os candidatos potenciais foram convidados para uma sessão de informação com o respectivo conselheiro EURES. Os que possuíam competências e experiência adequadas foram depois encaminhados para as empresas de recrutamento presentes nas Jornadas do Emprego, em Madrid.
 
“Há falta de trabalhadores da construção na Suíça, pois muitos dos jovens candidatos a emprego preferem empregos fisicamente menos exigentes. Os trabalhadores da construção espanhóis são bem formados e muito trabalhadores, motivo pelo qual são muito procurados na Suíça,” explica Paulo Mendes, Chefe de Recrutamento de Pessoal na Personal Liga, uma das empresas de recrutamento presentes em Madrid.
 
A Manpower, a maior empresa de recrutamento presente no evento, pretende contratar cerca de 200 pessoas nos próximos meses. A Personal Liga e a Almobau pretendem recrutar 20 pessoas.  
 
O recrutamento leva o seu tempo. É necessário obter autorizações de trabalho, já que a Suíça não é um Estado-Membro da UE. O pessoal recrutado também precisa de procurar alojamento. No entanto, somente duas semanas após as Jornadas do Emprego, 18 trabalhadores já se tinham mudado para a Suíça. Os nossos serviços não ficam concluídos com a pré-selecção. Um conselheiro EURES não se dá por satisfeito antes de o candidato a emprego ter encontrado um bom emprego e condições de vida adequadas no novo país de acolhimento,” acrescentou Maria José Arias Fernàndez.  
 
Leia mais:
Saiba onde são as próximas Jornadas do Emprego perto de si em Calendário de eventos EURES

« Atrás