Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT)

O Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia procura reforçar a capacidade de inovação dos países da UE, promover o crescimento económico sustentável e a competitividade e responder aos grandes desafios societais com que se confronta a UE.

O que é o Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia? 

Com sede em Budapeste, na Hungria, o Instituto Europeu de Inovação e Tecnologia (EIT) tem como missão:

  • promover e integrar o ensino superior, a investigação e a inovação do mais alto nível
  • fomentar a cooperação e as sinergias entre o ensino superior, a investigação e a inovação
  • contribuir para o crescimento económico sustentável, a competitividade e o empreendedorismo, reforçando a capacidade de inovação dos países da UE 
  • responder aos grandes desafios com que se confronta a UE

O EIT faz parte do Horizonte 2020, o programa-quadro de investigação e inovação da UE, o que lhe permite funcionar em parceria com outras iniciativas e programas europeus.

Quais os resultados obtidos até à data?

O EIT criou oito Comunidades de Conhecimento e Inovação (CCI), estando prevista a criação de mais duas. Estas comunidades apoiam a inovação e o empreendedorismo e exploram novas formas de colaboração entre o ensino superior, a investigação e as empresas. 

CCI existentes:

  • alterações climáticas (EIT Climate-KIC)
  • energia sustentável (EIT InnoEnergy)
  • tecnologias digitais (EIT Digital)
  • vida saudável e envelhecimento ativo (EIT Health)
  • matérias-primas (EIT Raw Materials)
  • alimentos para Futuro (EIT Food)
  • transportes urbanos inteligentes, ecológicos e integrados (EIT Urban Mobility)
  • indústria transformadora europeia (EIT Manufacturing)

Desde a sua criação, o EIT e as suas CCI reuniram mais de 1000 parceiros de toda a Europa e de outras partes do mundo, apoiaram mais de 300 jovens empresas inovadoras, incubaram mais de 1200 ideias empresariais e lançaram mais de 400 novos produtos e serviços. 

Mais de 1200 estudantes concluíram programas de mestrado e doutoramento com o rótulo do EIT, prevendo-se que, até 2020, mais 5000 lhes sigam o exemplo. Para mais informações sobre o EIT, consulte a ficha informativa.

Quais as próximas etapas?

A proposta da Comissão que cria o Horizonte Europa para o período 2021-2027 estabelece o orçamento proposto para o EIT para esse período, bem como a sua razão de ser (incluindo o seu valor acrescentado a nível da UE,) as áreas de intervenção, as grandes linhas de atividade e os indicadores de desempenho. 

No entanto, a proposta que cria o Horizonte Europa não define a base jurídica para o prolongamento do funcionamento do EIT para além de 2020. Em 11 de julho de 2019, a Comissão propôs uma atualização do Regulamento EIT e um novo Programa Estratégico de Inovação do EIT para o período 2021-2027. 

O Regulamento EIT, que aborda os princípios fundamentais do funcionamento do EIT e das suas CCI, assegurará uma maior clareza jurídica em relação ao Programa-Quadro de Investigação e Inovação da UE e consagrará o princípio da sustentabilidade financeira das CCI.

Além disso, o Programa Estratégico de Inovação proposto para 2021-2027 está em consonância com os objetivos do Horizonte Europa e introduz as seguintes novidades principais:

  • aumentar o impacto regional das CCI através de uma maior abertura a potenciais parceiros e partes interessadas e uma melhor articulação das suas estratégias regionais, incluindo ligações com as estratégias de especialização inteligente relevantes
  • reforçar a capacidade de inovação do ensino superior para integrar um maior número de instituições de ensino superior em cadeias de valor e ecossistemas de inovação
  • lançar novas CCI em domínios prioritários a selecionar em função da sua relevância para as prioridades políticas do Horizonte Europa, a primeira das quais, com lançamento previsto para 2022, deverá ser no domínio das indústrias culturais e criativas