Domínios de intervenção

  • Criar oportunidades de negócio e emprego

    Criar oportunidades de negócio e emprego

    Um em cada sete postos de trabalho na Europa depende das exportações para outros países de todo o mundo. A UE visa reduzir ou eliminar os obstáculos às trocas comerciais com outros países e regiões, o que pode traduzir-se em grandes poupanças para os consumidores e as empresas europeias. Os acordos comerciais podem ajudar as pequenas empresas europeias que se confrontam com regras complicadas quando pretendem exportar os seus produtos.

  • O comércio livre tem de ser justo

    O comércio livre tem de ser justo

    A UE ajuda a proteger as indústrias e os postos de trabalho europeus de práticas comerciais desleais. A UE assegura-se em permanência de que dispõe de todos os meios necessários para fazer face à evolução dos desafios da globalização.

  • Controlar a globalização em consonância com os valores da UE

    Controlar a globalização em consonância com os valores da UE

    A UE continua a garantir o equilíbrio e a regulação do comércio e do investimento. Esta abordagem não só abre mercados com os nossos parceiros comerciais como também reforça a influência global da UE em questões como os direitos humanos, as condições de trabalho e a proteção do ambiente.

  • Tornar as negociações mais transparentes

    Tornar as negociações mais transparentes

    Para garantir acordos comerciais efetivos, são necessárias negociações atempadas, transparentes e inclusivas. Os países da UE mandatam a Comissão para negociar acordos comerciais em nome da UE e analisam as várias etapas das negociações em conjunto com o Parlamento Europeu. A Comissão promove a transparência dos debates com todas as partes interessadas, como os representantes de empresas, os sindicatos, as ONG e as associações de consumidores.

Atualidade

Contexto

O título desta prioridade - Uma política comercial equilibrada e progressiva para controlar a globalização - foi atualizado e neutralizado do ponto de vista geográfico, para ter em conta o novo contexto político e o novo dinamismo nas conversações comerciais com outras regiões do mundo importantes. A Comissão repercutiu esta realidade na alteração do nome do Grupo de Comissários sobre a Parceria Transatlântica de Comércio e Investimento com os Estados Unidos para Grupo de Comissários sobre Comércio e Controlo da Globalização.

A política comercial confere à UE a oportunidade de configurar a globalização de acordo com os valores e interesses europeus.

Objectives
  • Reforçar a influência da UE no mundo, atraindo mais investimento, estabelecendo normas elevadas no comércio mundial e projetando os valores da UE
  • Criar emprego e crescimento através de acordos comerciais equilibrados e progressistas
  • Garantir condições de concorrência equitativas para as empresas e os trabalhadores europeus contra práticas comerciais desleais
  • Ajudar as empresas europeias, especialmente as empresas mais pequenas, a ser competitivas no estrangeiro
  • Apoiar uma maior variedade de bens e serviços
  • Tornar a proteção do investimento mais justa, inclusiva e transparente
  • Assegurar que o comércio e o desenvolvimento sustentável sejam complementares

A Comissão apoia o trabalho da Organização Mundial do Comércio e lidera os esforços para a sua modernização no âmbito das suas negociações com parceiros mundiais.

A UE tem acordos comerciais com 71 países, nove dos quais foram celebrados durante o mandato da Comissão Juncker. Entre estes últimos, destacam-se o Acordo de Parceria Económica com o Japão e o Acordo Económico e Comercial Global com o Canadá. A UE ratificou acordos com Singapura e o Vietname, chegou a um acordo político com o México e prossegue negociações com uma série de outros países e organizações, incluindo o MERCOSUL (Argentina, Brasil, Paraguai, Uruguai).

Em julho de 2018, teve início uma nova fase das relações comerciais entre a UE e os EUA, tendo ambas as partes decidido reforçar a cooperação e esforçar-se por eliminar direitos aduaneiros aplicáveis aos produtos industriais.

Documentos