Percurso de navegação

Outras ferramentas

  • Visualização pré-impressão 
  • Reduzir texto 
  • Ampliar texto 

Comportamento

Existem algumas coisas muito simples que todos podemos fazer para aumentar a segurança nas estradas. Se toda a gente utilizasse o cinto de segurança, respeitasse os limites de velocidade e não guiasse depois de beber, poder-se-iam salvar mais de 12 000 vidas por ano nas estradas europeias.

Distracção
Para garantir a sua própria segurança, a dos seus passageiros e a dos outros utentes da estrada, os condutores devem estar permanentemente atentos ao trânsito.
Motoristas profissionais
O cansaço e o excesso de velocidade são causas comuns dos acidentes de viação com camiões, autocarros e carros de empresa. Nos países industrializados, os acidentes rodoviários são o tipo de acidente de trabalho com mais vítimas mortais.
Carta de condução
Formação dos condutores
Alguns condutores devem receber formação adicional para obter a carta de condução. Os condutores profissionais, por exemplo, necessitam de uma formação especial para poderem trabalhar na União Europeia. E os infractores reincidentes devem seguir programas de reabilitação para melhorar o seu comportamento ao volante.
Aplicação das regras de trânsito
É preciso fazer respeitar as regras de trânsito, não só para sancionar as infracções mas também para dissuadir os potenciais infractores e promover a condução responsável.
Aptidão para conduzir
Cintos de segurança
Usar cinto de segurança é o modo mais fácil e barato de evitar lesões graves em caso de acidente. A instalação de cintos de segurança não requer nenhuma tecnologia especial e o seu uso é obrigatório na UE desde 2006 em todos os veículos.
Excesso de velocidade
O excesso de velocidade aumenta muito o risco de acidente, desempenhando um papel determinante em cerca de 30 % dos acidentes mortais. Trata-se de um dos maiores problemas para a segurança rodoviária.