Tecnologia inovadora traz benefícios empresariais e ambientais às infraestruturas mineiras

A capacidade de produção de uma mina em Portugal foi aumentada através do projeto SOMINCOR, graças à utilização de um novo processo de manipulação e armazenamento de resíduos.

Outras ferramentas

 

O objetivo do projeto SOMINCOR era aumentar a produção de zinco e de cobre ao mesmo tempo que permitia a nova mineração de chumbo na mina de Neves Corvo. O projeto foi dividido em dois: um focado no aumento da capacidade de produção do sistema de lavaria de zinco e na produção de concentrados de chumbo e prata e o outro focado na procura da criação de depósitos de resíduos sob a forma de pasta através do desenvolvimento de uma unidade de produção de pasta. Esta última inovação torna possível o armazenamento de resíduos em aterros próximos sem aumentar a sua altura ou parâmetros, minimizando, assim, qualquer impacto ambiental.

Incentivo à viabilidade económica

O projeto possibilitou a expansão da capacidade de tratamento de minério de zinco até um nível economicamente viável.

A expansão do sistema de lavaria de zinco pedia a aquisição de equipamento, incluindo um triturador de pedra primário, ciclones e células de flutuação. Diversos trabalhos de construção civil, engenharia e elétricos foram levados a cabo no âmbito do processo de instalação.

O subprojeto de produção de pasta centrou-se no desenvolvimento de um método alternativo de armazenamento, através do qual os rejeitados eram engrossados no sistema de lavaria SOMNICOR antes de serem colocados na Barragem de Rejeitados de Cerro do Lobo. Os rejeitados são os resíduos deixados pelo processo de separação do minério da rocha e da terra.

O produto obtido com o processo de engrossamento é uma pasta mais densa do que a polpa original. A sua consistência possibilita que seja depositada em terra, em vez de em lagoas. A capacidade de armazenamento subaquático nestas instalações ficaria esgotada antes do fim da vida útil da mina, portanto a necessidade de encontrar um modo de armazenar os resíduos acima do nível do solo tornou-se uma prioridade essencial. A pasta engrossada é armazenada em células criadas através da construção de paredes e vigas a partir de escombros da mina.  Entretanto, a água produzida pelo processo de transformação da pasta pode retornar à mina para ser reutilizada em variados processos industriais.

Benefícios comerciais

Este investimento foi considerado essencial para a viabilidade contínua da mina, tendo em consideração o limitado espaço para o depósito de resíduos em lagoas. A implementação do projeto criou cerca de 40 empregos. Os trabalhos foram supervisionados pelo Lundin Mining Corporation Group, que emprega mais de 800 pessoas em Portugal.

Investimento total e financiamento da UE

O investimento total para o projeto «SOMINCOR – Expansão da capacidade de produção da mina de Neves Corvo» é de 76 891 130 EUR, tendo o Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional da UE contribuído com 14 908 426 EUR do Programa Operacional «Fatores de Competitividade» para o período de programação de 2007 a 2013, sob o eixo prioritário da «Inovação e renovação do modelo empresarial e do padrão de especialização».

Data do projecto

04/08/2014