Percurso de navegação

A igualdade entre homens e mulheres a nível mundial - 08/03/2010

Logótipo do Dia Internacional da Mulher ©EU

Capacitar as mulheres nos países em desenvolvimento é um factor crucial para a igualdade entre os sexos.

O novo plano de acção Englishfrançais da UE em matéria de igualdade entre homens e mulheres prevê a utilização da ajuda ao desenvolvimento para promover os seus objectivos nos países terceiros. Anunciado no Dia Internacional da Mulher (8 de Março), este novo plano destina-se a dar um novo impulso às promessas feitas na Conferência das Nações Unidas sobre as Mulheres realizada em Pequim em 1995, que representou um marco na luta pelos direitos das mulheres. No entanto, os progressos realizados desde então são limitados.

A nova iniciativa reflecte o empenhamento da UE na igualdade entre homens e mulheres, quer no interior, quer no exterior das suas fronteiras. Esta questão está associada à igualdade de direitos, ao acesso a recursos naturais e intelectuais (como a terra e a educação) e à participação no processo de tomada de decisões. Sendo a UE o maior patrocinador do mundo da igualdade entre homens e mulheres, enquanto responsável por 60% da ajuda mundial anual ao desenvolvimento, o seu empenhamento nesta causa tem repercussões no mundo inteiro.

A ajuda concedida pela UE abrange o financiamento do trabalho a nível das comunidades de base para melhorar as condições de vida das mulheres nos países em conflito. No Botsuana, por exemplo, a UE contribuiu com 370 000 euros para a associação sem fins lucrativos Women Against Rape English , que luta pela elaboração de leis que protejam as mulheres contra os maus tratos e pela instauração de processos judiciais contra os infractores.

A igualdade entre homens e mulheres é também um dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio Englishespañolfrançais , ou seja, as metas fixadas para a ajuda aos países mais pobres, subscritas por 192 países e 23 importantes organizações no domínio da ajuda ao desenvolvimento.

A UE procura igualmente sensibilizar o mundo para os direitos das mulheres por outros meios. É o caso, por exemplo, de um concurso de desenho Englishfrançais anual aberto a rapazes e raparigas que vivem noutras regiões do mundo. Um painel de 50 crianças da UE seleccionará, por cada região participante, os seus desenhos preferidos. Cada vencedor receberá 1000 euros para a sua escola. As crianças participantes devem ilustrar dois temas de uma forma artística: a igualdade entre homens e mulheres e a forma como homens e mulheres podem, em conjunto, tornar o mundo melhor.

Esta iniciativa parte da ideia de que sensibilizando as crianças para as questões da igualdade entre os homens e as mulheres se preparam os adultos de amanhã para defender a paridade entre homens e mulheres à escala mundial.

Os direitos das mulheres na política externa da UE English

Ver página em alto contraste Texto tamanho normal Aumentar texto 200 % Enviar esta página a um amigo Imprimir esta página

 

Encontrou a informação que procurava?

Sim Não

O que procurava?

Tem alguma sugestão?

Ligações úteis