Percurso de navegação

Durão Barroso congratula-se com os compromissos assumidos nos domínios da energia e da evasão e fraude fiscais - 23/05/2013

Edifício Justus Lipsius, onde se realizam as cimeiras dos dirigentes da UE em Bruxelas, Bélgica. © UE

Durão Barroso congratulou-se com o compromisso assumido no Conselho Europeu de realizar progressos nos domínios da energia e da evasão e fraude fiscais.

Em matéria de política energética, o Presidente Durão Barroso congratulou-se com o apoio dado à abordagem da Comissão, que se insere numa ótica de precação e prevê medidas em cinco domínios: conclusão do mercado interno da energia, investimento na inovação e nas infraestruturas, empenhamento no aumento da eficiência energética, utilização de fontes de energia renováveis de forma menos onerosa e diversificação do aprovisionamento.

Durão Barroso deixou bem claro que «embora não exista nenhuma receita mágica para dar resposta aos desafios estratégicos em matéria de energia com que se confronta a Europa, muito mais poderá ser feito se agirmos em conjunto a nível europeu. Não é possível ficar de braços cruzados, sendo por isso indispensável pôr em prática aquilo que foi acordado hoje».

No que respeita à luta contra a fraude e a evasão fiscais, o Presidente da Comissão salientou que «é igualmente uma questão de equidade, uma vez que, segundo as estimativas, todos os anos se perde um bilião de euros devido à fraude e evasão fiscais, o que equivale a um ano de financiamento das despesas de saúde em todos os países da UE».

«Estou satisfeito por terem sido tomadas determinadas decisões. Congratulo-me, nomeadamente, com a referência a um princípio que considero de extrema importância, o princípio do intercâmbio automático de informações a nível da União Europeia», declarou.

«A realidade é que os cidadãos têm grandes expectativas em relação à obtenção de um acordo fiscal mais justo para todos. O mundo globalizado em que vivemos está a sofrer uma evolução que nos obriga a abordar estas questões com muito mais cuidado. As recomendações específicas por país que a Comissão apresentará na próxima semana assinalam as possibilidades de que dispõem os Estados-Membros para melhorarem os respetivos sistemas fiscais».

Mais informações sobre energia e fraude fiscal

Declaração do Presidente Durão Barroso após a reunião do Conselho Englishfrançais

Infografia: Mapa de preços da energia na UE English

Infografia: Gráfico da energia na UE English

Ver página em alto contraste Texto tamanho normal Aumentar texto 200 % Enviar esta página a um amigo Imprimir esta página

 

Encontrou a informação que procurava?

Sim Não

O que procurava?

Tem alguma sugestão?

Ligações úteis