Percurso de navegação

No seu discurso anual sobre o «estado da União», o Presidente da Comissão Durão Barroso apresenta ao Parlamento Europeu a estratégia europeia para um crescimento sustentável e o emprego.

«A União enfrenta o maior desafio da sua história» declarou Durão Barroso, referindo-se à persistente crise económica que vivemos.

A UE tem de se renovar, tornando-se mais competitiva, vivendo dentro das suas possibilidades, controlando as práticas irresponsáveis dos mercados financeiros, dando resposta aos desequilíbrios económicos e à pressão da globalização.

Acima de tudo, são necessárias uma vontade política e uma liderança mais fortes para recuperar a confiança junto dos cidadãos e dos mercados financeiros.

A estratégia de reforma da Comissão tem de ser realizada no seu todo para que a Europa possa promover um crescimento sustentável e o emprego.

A estratégia contempla os seguintes aspectos:

  • apoio continuado à Grécia: os países da zona euro empenharam-se em conceder apoio na condição de a Grécia cumprir com êxito o seu programa de reforma;
  • novo sistema de regulação financeira: algumas das propostas foram adoptadas e outras estão pendentes, nomeadamente as novas regras sobre derivados, vendas a descoberto, swaps de risco de incumprimento e vencimentos justos para os gestores bancários;
  • imposto sobre as transacções financeiras: uma contribuição das instituições financeiras para a sociedade. Parte desses impostos contribuirá para o financiamento do orçamento da UE (período de 2014 a 2020) DeutschEnglishfrançais , destinado a criar crescimento e emprego;
  • prevenção da evasão fiscal: através da tributação da poupança e da atribuição à Comissão do mandato de negociar acordos fiscais em nome da UE com outros países;
  • reforço da união económica: suprimir os entraves legais e administrativos ao comércio de prestação de serviços na UE (Directiva «Serviços» DeutschEnglishfrançais );
  • investimento na investigação, inovação, eficiência dos recursos e educação: importa adoptar propostas pormenorizadas;
  • interligação das redes europeias de energia, transportes e digitais;
  • combate ao desemprego juvenil: criar mais oportunidades de estágios e de programas de aprendizagem e acelerar a realização de outros programas da UE.

A Comissão também apresentará propostas para a emissão de obrigações da UE destinadas a mobilizar capitais para investimentos em projectos de infra-estruturas por toda a Europa.

Podemos renovar a Europa, afirmou Durão Barroso.

Discurso do Presidente Durão Barroso – Discurso sobre o «estado da União» 2011

Carta do Presidente Barroso ao Presidente do Parlamento Europeu, Jerzy Buzek

Os cidadãos podem colocar questões ao Presidente Durão Barroso até 5 de Outubro. O Presidente responderá às questões numa entrevista que será transmitida em directo na World View English e na Euronews TV.

Ver página em alto contraste Texto tamanho normal Aumentar texto 200 % Enviar esta página a um amigo Imprimir esta página

 

Encontrou a informação que procurava?

Sim Não

O que procurava?

Tem alguma sugestão?

Ligações úteis