Percurso de navegação

Para muitos, Verão quer dizer sol e água. Mas é preciso não esquecer os perigos...

Registam-se anualmente na União Europeia cerca de 200 000 acidentes relacionados com a utilização de piscinas e outros 50 000 com a navegação de recreio, o mergulhoe outros desportos aquáticos. No que se refere às crianças, o afogamento é a segunda causa de morte.

É, contudo, possível prevenir a maioria destes acidentes com algumas medidas de segurança básicas. A Aliança Europeia para a Segurança Infantil e a UE publicaram novas directrizes para hotéis, operadores turísticos e responsáveis por actividades de tempos livres dirigidas aos turistas. Estes devem:

  • verificar que as zonas balneares e as diversões aquáticas não comportam riscos, especialmente para as crianças,
  • fornecer coletes salva-vidas e outro equipamento de tamanho adequado,
  • dispor de pessoal com formação adequada, bem como de um plano de emergência.

 

Parta descansado com o cartão europeu de saúde

Se for de férias para outro país da UE este Verão não se esqueça de levar o consigo o cartão europeu de seguro de doença. Cerca de 173 milhões de pessoas (o equivalente a 36% da população da UE) já têm este cartãocriado há quatro anos. O cartão cobre os cuidados de saúde de emergência em 31 países europeus (os países da UE mais a Suíça, a Noruega, a Islândia e o Liechtenstein).

Quase todas as pessoas cobertas pelo sistema de saúde público de um destes países tem direito ao cartão, que é gratuito. Dirija-se aos serviços da Segurança Social ou ao seu Subsistema de Saúde para saber como o pode obter. Mas não se esqueça:o cartão apenas é válido no sistema público e não no privado.

Bronzeie sem perigo

Evitar a exposição ao sol é uma prioridade este Verão. Ao escolher um protector solar English, leia o rótulo e verifique se corresponde à protecção de que necessita.

Escolha produtos que ofereçam protecção contra os raios UVA e UVB, pois são ambos nocivos. Tenha sempre presente que os protectores solares, mesmo os «ecrãs totais», não oferecem uma protecção total ou ilimitada contra o sol. E, se aplicado correctamente, um factor 15 ou 25 pode ser tão eficaz quanto um factor 50 ou superior.

A maioria dos protectores solares vendidos na UE têm rótulos fáceis de entender, que seguem as recomendações da Comissão.

Mas não se fie unicamente nos protectores solares. Evite as horas de maior calor, cubra-se o mais possível e mantenha os bebés e as crianças à sombra.

Ver página em alto contraste Texto tamanho normal Aumentar texto 200 % Enviar esta página a um amigo Imprimir esta página

 

Encontrou a informação que procurava?

Sim Não

O que procurava?

Tem alguma sugestão?

Ligações úteis