Plano de ação para o Atlântico
Golfo da Biscaia e mar Céltico

O Plano de ação para o Atlântico tem por objetivo revitalizar a economia marinha e marítima na região do oceano Atlântico. Este plano mostra como os Estados-Membros do Atlântico, as suas regiões e a Comissão podem contribuir para o crescimento sustentável nas regiões costeiras e para impulsionar a «economia azul», preservando simultaneamente o equilíbrio ambiental e ecológico do oceano Atlântico.

Promover a cooperação

O plano de ação incentiva os Estados-Membros a trabalhar em conjunto em domínios onde, no passado, cada um tinha a sua própria estratégia.  Poderão agora partilhar informações, custos, resultados e melhores práticas, procurando encontrar novos domínios de cooperação em matéria de atividades marítimas, desde as tradicionais, como as pescas, a aquicultura, o turismo e o transporte marítimo, até às emergentes, como as energias renováveis offshore e a biotecnologia marinha.

Prioridades

O plano de ação analisa possíveis soluções para fazer face aos desafios do crescimento, da redução da pegada de carbono, da utilização sustentável dos recursos naturais do mar, respondendo eficazmente a ameaças e situações de emergência e implantando uma abordagem de gestão das águas do Atlântico com base nos ecossistemas. As prioridades são:

  • promover o empreendedorismo e a inovação
  • proteger, assegurar e valorizar o ambiente marinho e costeiro
  • melhorar a acessibilidade e a conectividade
  • criar um modelo de desenvolvimento regional sustentável e socialmente inclusivo

As ações aprovadas centrar-se-ão no desenvolvimento do mercado do turismo, na satisfação da procura crescente de instalações offshore, na melhoria do ensino e da formação nos setores marítimos tradicionais e emergentes, bem como no alargamento da cooperação no domínio da investigação oceânica, a fim de avaliar melhor as consequências das alterações climáticas. 

Ações conexas

O plano de ação dá seguimento à Estratégia para o Atlântico adotada pela Comissão em 2011 (comunicado de imprensa) e contribui para a estratégia «Crescimento azul» da UE (comunicado de imprensa). 

As prioridades de investimento e de investigação identificadas no Plano de ação para o Atlântico poderão ser tidas em conta para fins de financiamento pela UE no âmbito do novo período de programação de 2014-2020.

Plano de ação para o Atlântico 2014

Seminários do plano de ação para o Atlântico 2014

Principais intervenientes 2014-2015

Fórum Atlântico 2012-2013

Financiamento, calendário e principais intervenientes

Seminários do Fórum Atlântico 2012-2013

Convite à apresentação de sugestões quanto às principais prioridades de investimento e de investigação

Mais informações

Fórum Marítimo

Atlas Europeu dos Mares

Assuntos marítimos 

Notícias