Avaliação

Execução das políticas da UE no domínio da saúde - Indicadores

A avaliação intercalar da estratégia da UE em matéria de saúde para 2008-2013 (relativa ao período de 2008 até ao início de 2011) revelou que:

  • a estratégia faz uma identificação coerente e completa das principais questões relacionadas com a saúde
  • os Estados-Membros obtêm melhores resultados em certas áreas quando trabalham coordenadamente a nível da UE
  • a estratégia constitui um quadro coerente de referência e orientação para as ações a nível da UE
Relatório sobre a avaliação intercalar Traduções da ligação anterior English (en)

Execução das políticas da UE no domínio da saúde - Indicadores

Embora os mecanismos existentes permitam um acompanhamento adequado da execução das iniciativas legislativas (em especial dos regulamentos e diretivas), o acesso da Comissão a informações sistemáticas sobre a forma como as iniciativas não legislativas a nível da UE se traduzem em ações concretas nos vários países é escasso.

Para reforçar a coerência da ação da UE, conviria dispor de um conjunto de indicadores comuns que permitisse avaliar até que ponto é dado seguimento às iniciativas políticas da UE no domínio da saúde. Esses indicadores são definidos num estudo de 2012.

Estudo para acompanhar a execução das políticas da UE no domínio da saúde a nível nacional, regional e local, avaliando a utilidade dos indicadores existentes para o efeito e desenvolvendo novos indicadores, se necessário