AA+A++Versão para impressãoMapa do sítioRSSRSS

Objectivos da estratégia Europa 2020

Setas no centro de um alvo © iStockphoto

Para medir os progressos na realização dos objectivos da estratégia Europa 2020, foram definidas cinco grandes metas para toda a UE.

Estes objectivos são traduzidos em objectivos nacionais para cada país da UE em função das situações e circunstâncias específicas de cada um.

Os cinco grandes objectivos da UE para 2020:

  1. 1. Emprego
    • aumentar para 75% a taxa de emprego na faixa etária dos 20-64 anos
  2. 2. I&D 
    • aumentar para 3% do PIB o investimento da UE na I&D 
  3. 3. Alterações climáticas e sustentabilidade energética
    • reduzir as emissões de gases com efeito de estufa em 20% (ou em 30%, se forem reunidas as condições necessárias) relativamente aos níveis registados em 1990
    • obter 20% da energia a partir de fontes renováveis
    • aumentar em 20% a eficiência energética
  4. 4. Educação
    • Reduzir a taxa do abandono escolar precoce para menos de 10%
    • aumentar para, pelo menos, 40% a percentagem da população na faixa etária dos 30-34 anos que possui um diploma do ensino superior
  5. 5. Luta contra a pobreza e a exclusão social
    • reduzir, pelo menos, em 20 milhões o número de pessoas em risco ou em situação de pobreza ou de exclusão social

Clique aqui para aceder aos indicadores relativos à estratégia Europa 2020 disponíveis no sítio Web do Eurostat

Topo da página

 

Estes grandes objectivos:

  • dão uma visão global da evolução preconizada para a UE até 2020 no que respeita a certos parâmetros essenciais;
  • são traduzidos em objectivos nacionais de forma a que cada Estado-Membro possa avaliar os seus próprios progressos relativamente a esses objectivos;
  • não implicam uma repartição dos encargos. Trata-se de objectivos comuns, que devem ser atingidos através de um conjunto de medidas tomadas quer a nível nacional, quer a nível da UE;
  • Estão interligados, reforçando-se mutuamente:
    • a melhoria da educação contribuirá para o aumento do emprego e para a redução da pobreza;
    • uma economia baseada em mais I&D e inovação, bem como em recursos mais eficazes, torna a Europa mais competitiva e cria postos de trabalho;
    • o investimento em tecnologias mais limpas contribui para a luta contra as alterações climáticas e cria novas oportunidades comerciais e de emprego.

Topo da página