Navigation path

O FSE nas notícias

Financiar mulheres com ideias

16/01/2014

Mulher na sua lavandaria a seco
© Istock/mangostock

Em Portugal, as mulheres empresárias estão a usar o financiamento de apoio ao arranque para tornar as suas ideias de negócio em realidade

No município de Braga, o Centro Social e Paroquial de Esporões está a tomar medidas para encorajar mulheres empreendedoras com ideias de negócio brilhantes. O projeto “Valor Acrescentado” selecionou 15 mulheres entre 81 candidatas, com base no seu perfil motivacional e empreendedor, assim como na exequibilidade da ideia de negócio. Frequentaram um curso de formação centrado nas competências para a gestão de um negócio, como as questões de género, gestão, liderança e tecnologias de informação e comunicação, tendo doze delas passado à fase seguinte. Foi depois efetuada uma análise detalhada de cada ideia de negócio, seguindo-se uma fase posterior de apoio à conceção de um plano de negócio. Os doze planos de negócio serão seguidamente submetidos a análise pela Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género local.

Depois de aprovados, cada mulher receberá um prémio de financiamento de apoio ao arranque de 5000 euros para tornar as suas ideias em realidade. “Este projeto tem uma importância crucial, pois permite alavancar ideias de negócio muito interessantes que estava ‘numa gaveta’ por falta de apoio técnico e financeiro”, explica Abílio Brito, presidente da direção da entidade promotora.