Percurso de navegação

Indústria automóvel

A UE é o maior produtor mundial de veículos a motor. A indústria automóvel é por isso essencial para a prosperidade da Europa. Tem uma importância enorme enquanto empregador de pessoal qualificado e é um impulsionador fundamental do conhecimento e da inovação. Constitui o maior investidor privado da Europa em investigação e desenvolvimento (I&D). A sua contribuição para o PIB (Produto Interno Bruto) da UE reveste-se da maior importância e exporta muito mais do que importa.

Os principais objectivos da Comissão Europeia no que respeita ao sector automóvel são:

1) Reforçar a competitividade da indústria automóvel

O objectivo é identificar e avaliar questões políticas de importância significativa para a competitividade da indústria automóvel da UE e sugerir soluções que tomem em consideração objectivos económicos, sociais e ambientais.

2) Concluir, adaptar e simplificar o quadro regulamentar do Mercado Interno

O trabalho de melhorar o Mercado Interno baseia-se na introdução do sistema de homologação CE de modelos de veículos completos, que permite aos fabricantes terem um "modelo" de veículo aprovado num Estado-Membro e depois poderem comercializar o veículo em todos os outros Estados-Membros sem que sejam necessários testes adicionais.

3) Promover a globalização do quadro regulamentar técnico através da CEE-NU

A harmonização técnica global é um factor-chave para reforçar a competitividade da indústria automóvel europeia a nível mundial. A UE é uma parte contratante em dois acordos da Comissão Económica para a Europa das Nações Unidas (CEE-NU): o Acordo de 1958 relativo à adopção de prescrições técnicas uniformes aplicáveis aos veículos de rodas e o Acordo global de 1998.

Em foco

  • CARS 2020 English (en)
  • Mobile air-conditioning systems (MACs) English (en)
  • Legislation English (en)
  • UNECE regulations English (en)
  • Directive 2007/46/EC English (en)

Partilhar: FacebookGoogle+LinkedInEnviar esta página a um amigo

Texto tamanho normalAumentar texto 200 %Imprimir esta página