IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 ReQual - Rede para a Qualificação do Trabalho e das Organizações ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : Associação para o Ensino Bento de Jesus Caraça
Other national partners : Associação de Municípios do Distrito de Setúbal
Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses
I Q F - INSTITUTO PARA A QUALIDADE NA FORMAÇÃO I P
Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P. - Centro de Formação Profiss
MUNICÍPIO DO SEIXAL
Municipio do Barreiro
Município da Moita
Município de Palmela
Município de Setúbal
EQUAL theme :Adaptability - Life long learning 
Type of DP :Geographical - Urban area - LISBOA E VALE DO TEJO 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2001-139 
Application phase :Project ended 
Selection date :19-09-2002 
Last update :09-10-2007 
Monitoring: 2002  2003   

Rationale

Text available in

The Peninsula of Setúbal and, in particular, the municipalities of Barreiro, Moita, Palmela, Seixal and Setúbal at the Tagus south riverbank Industrial area, South of the Tejo are the territory of intervention of the ReQual project, has been since the Seventies, through deep transformations. Heavy industries were dismantled, shipyards moved away, and the process induced severe changes that affected the quality of life and the cohesion of the social groups. More recently, the delocalisation and the desinvestment is reaching the automotive cluster. Causes are diagnosed: lack of qualifications and low academic degrees. In a global and competitive economy, the sustainability of the economic activity seems to find bigger stability in the markets where the levels of initial qualification are higher and people stands for requalification and life long learning. However, as the lack of qualifications is enormous, enterprises take advantage of it and the industrial activity requiring "relative low levels of professional qualifications" dominates the local economy. Of course these are sub-specialized industries with the ability to stay afloat at the global market because of the low wages they pay. Recent history of the regional industry demonstrates that to the low qualifications, and the lack of entrepreneurship, compromise the sustentabilidade of the economic models, employment, social cohesion and people's welfare. In this scenario, the DP of the ReQual project considered that it was urgent to develop a dynamics of responsibility and commitment of critical proximity partners (namely the AMDS, the municipalities, and through them the involvement business and enterprises associations) in order to facilitated the development of training and accreditation processes, able to involve sub-qualified workers into training processes at their workplaces, and to facilitate further training supported and mentored throughout local training networks. Thus, the ReQual's DP, is aimed to the emergence of a regional model of sustained development that will support, among others, the internationalisation of the regional economy and the densification of a network of relations between the local economic agents, and the emergency of a system of knowledge system that values skills development, organizational innovation and the qualification of the human resources. The accumulated experience by some of the national partners (AEBJC, RVCC and INOFOR), and it's articulation with the TCA partners, anticipates that it is possible, through qualification, and life long learning, the reconfiguration of sectorial specialization profiles, favouring the emergence and the development of new clusters of activities and the adjustment of the already existing ones. Higher qualifications of both workers and entrepreneurs, should facilitate the development of the industrial infrastructure, and originate the emergency of new economic activities and jobs creation, namely in the Superior Tertiary, as result of peoples personal professional projects higher stability and the rise of theirs welfare status, in companies services (financial, informatics, communication and training), in families services (education and training, culture, health, communications and audiovisuals, financial, travel and entertainment and proximity services) and in environmental management. ReQual should overcome obstacles and resistances of the active and adult populations in remaining committed to the learning processes, as it promotes the emergence of in-job training modalities of formation in work context that solves and overcomes mandatory prerequisites schools require for certification and fight back the predominant representations that devaluate training needs. Short term in-job training should reach those goals, as previous experience acquired by some DP's, demonstrates. The application of short duration training modules corresponding to requested needs (to deal with a new technological process; to work in group and team dynamics; to observe rules of hygiene and security in the workplace and its impacts in the productivity and the workers quality of life; to accede to the new technologies of the information and communication as tools of productivity, access to knowledge, culture and a more active and participated citizenship; to decode verbal messages and essential writings to improve performance at work) demonstrated they produce results improving qualifications, effectiveness, productivity and, mostly, to increase the availability towards the learning process and the acquisition of new competencies. Previous experiences and knowledge acquired by some DP within the in-job training strategies, alongside the exchange of knowledge throughout the TCA, should provide the critical know-how for the emergence of new training methodologies able to positively answer to common needs identified through enterprises nets and economy clusters. Articulating the in-job training procedures with the national system of Recognition, Validation and Certification of Competencies, will facilitate the emergency of packs and models of training that will lead to the recognition of the qualifications and abilities acquired through them, them favouring people to stay committed to their personnel life long learning. Organizations will be able, thus, to recognize concrete advantages (because the results are immediate and have impacts into competitiveness improvement) in being associated to these training modalities for it's workers. Identified areas of intervention 1. The Barreiro Municipality the diagnosis and characterization of intervention areas is still in progress, due to recent political exchange at local governance. However, this partner of proximity is pushing in order to guarantee that in next (and first) the meeting of the Coordinating Committee of the DP, the activities, enterprises and al the required information do identify those that will be part of the research-action. 2. The Seixal Municipality Recent shut-down of heavy industrial units, as the Steel Works, (former: National Siderurgy) originated a sudden increase of unemployment, affecting workers with low levels of qualification, or very specific ones. Some of these workers had became entrepreneurs and now have their own companies now providing services to the local SME's. Unfortunately as they lack qualifications, almost of them without success. Workers of the commerce and services activities are mostly underqualified, whatever the size of the company they work for, from micro to big commercial units as Malls. Same scenario for civil construction workers which is aggravated by precarious jobs relactions, raising health and safety risks to which a diversity of cultures an nationalities, makes it one of the more closed and difficult target for in-job training, so they do persist as one most critical sector in terms of workers and organizational qualifications. 2,1, Intervention areas and enterprises The companies integrating the test group, as ReQual Associated Partners, are SME.s. with more than 20 workers and known for the importance of their role for the local development and economical activity: ACF. House Appliances Commerce M. Gonçalves. Auto sales A. Palaio. Typography Autotrans Express S.a.. Goods transports Elo, s.a.. Metalworks Group Silva & Silva. Companies in the area of the commerce, construction, real estate and tourism § Oikos, Lda.. Civil construction and Public works. 2,2, Identification of the Services of the Municipality to qualify. Thequalification of workers of the Seixal's municipality is necessary, namely those services dealing with economic agents integrating the strategic development activities. The Entrepreneur Support Cabinet should undergo a training program to improve quality and effectiveness. 3, The Setúbal Municipality Microenterprises, do prevail despite an increasing trend for the homogenisation of the enterprise structure mostly Toward SME's and great enterprises. 3,1 Tourism intervention areas: Small commerce: introduction of new technological processes; ICT introduction; new modalities of work organization, specialized training (for each activity)

dot Top


Objective

Text available in

To consolidate, thought the Development Partnership, the emergence of a shared culture, a common vision that should be able to mobilize the motivations, knowledge and resources each partner are bringing into the ReQual project. To promote the development of and testing of innovative methodologies, efficient processes of qualification, focussed at workers and organizations qualifications (and quality) improvement, aimed at the critical economical regional sectors, namely the SME's of the Barreiro, Moita, Palmela, Seixal and Setúbal municipalities. To promote the adaptability and the long life learning of workers with low levels of qualification. To improve professional careers and individual processes of qualification (self) management, strengthening employability and adaptability, enhancing their capacity to face successfully contexts of permanent change and innovation. To empower people and organizations in order to achieve employability, competitiveness, capacity to innovate, wealth, and social cohesion. To develop and to test innovative devices (able to answer to the identified qualification needs) for training in work context, promoting to-know-how-to-know, the resources, the experiences and the modalities developed by the partners throughout the activities within the PD and the TCA. To promote the emergence of new modalities of Certification and Validation of acquired academic and professional competencies. To gather together the a PD able to promote, through information platforms, the geneses of a local/regional training network. To promote a dynamic TCA, i.e., with the ability, beyond the interchange of experiences, instruments and strategies, to deepen and induce the emergence of a new to-know-how-to-do empowering the partnership, the associated organizations and the targeted public with greater competence to deal with changing contexts.

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Training on work place ****
Conception for training programs, certification ****

Type of innovation Rating
Process-oriented ****

Text available in

No ReQual estão representados um conjunto de parceiros com capacidade para introduzir novas dinâmicas aos processos de qualificação de activos e organizações. O facto de intervir num território profundamente marcado pela crise dos modelos industriais assentes na exploração de mão-de-obra barata não-qualificada e na produção de produtos de baixo valor acrescentado, que ora se confronta com a necessidade de atrair novos investimentos muito exigentes na qualificação dos seus quadros e que deles dependem para se manterem competitivos num mercado dinâmico que exige também adaptação e mobilidade de carreiras, faz com que o ReQual assuma uma papel inovador. Pela qualificação de pessoas e organizações, ambiciona resolver um inegável défice que na região de Setúbal, em particular, assume uma dimensão preocupante. De uma lado temos a sub-qualificação condicionadora da sustentabilidade dos projectos industriais que aí têm emergido. Assim, o desenvolvimento ambicionado para a região tem-se confrontado com um constrangimento geracional com baixíssimos níveis de qualificação. Por isso as empresas produtoras de bens de elevado valor acrescentado, como acontece com as do sector automóvel, buscam a deslocalização. Com efeito, um dos mais graves problemas que se coloca aos sectores que produzem bens tecnológicos de grande valor acrescentado, é a endémica falta de qualificação escolar e profissional dos activos portugueses com mais de 25 anos. Para além da baixa escolaridade, a maioria não possui níveis mínimos de literacia que lhes permita "compreender" as mudanças que se operam nos seus locais de trabalho. O facto de a maioria dos indivíduos subqualificados não reconhecer que esse é um factor de ameaça à manutenção dos seus postos de trabalho e, consequentemente, à sustentação das industrias, ainda agrava a situação. Hoje, não são apenas as questões tecnológicas que afectam a organização do trabalho. A adaptabilidade a novos modelos organizacionais, exige níveis de consciência e de profissionalismo directamente relacionados com a qualificação das pessoas. Outro factor que afasta os trabalhadores da consciência da necessidade da formação resulta de a maioria ter que enveredar por formação avulsa, sem vantagens, quer das qualificações académicas, quer da qualificação e ascensão profissional. O projecto ReQual visa mobilizar os activos sub-qualificados para processos de formação. Para isso desenvolveu uma rede de parceiros capazes de implementar quer processos de formação escolar e profissional certificáveis e mecanismos de envolvimento e proximidade que são um entorno social pelo qual, iniciado o processo de formação, os trabalhadores poderão encontrar recursos e técnicos que os aconselharão sobre as formações possíveis para atingir os níveis de qualificação necessários e ambicionados. Este constitui, quiçá, o mais inovador dos factores que o ReQual e poderá aportar ao sistema de reconhecimento, validação e certificação de competências adquiridas.

dot Top


Budget Action 2

500 000 – 1 000 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  0.0%  0.0% 
Employed  58.4%  41.6% 
Others (without status, social beneficiaries...)  0.0%  0.0% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  0.0%  0.0% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  58.4%  41.6% 
  100.0%
 
Physical Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  58.4%  41.6% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  58.4%  41.6% 
  100.0% 
 
< 25 year  2.0%  4.0% 
25 - 50 year  40.0%  32.0% 
> 50 year  16.4%  5.6% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Low qualification ****

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Developing collective responsibility and capacity for action
Participation in the project design
Participation in running and evaluating activities
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português
  • English
  • français

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.2%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
777 TIE3 plus ES ES199
FR AQU-2001-10416
FR MDP-2001-10089
IT IT-G-ABR-052
SE 17
UKgb 21

dot Top


Background

 

 Involvment in previous EU programmes

  • Two and more partners involved in A&E

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
Associação para o Ensino Bento de Jesus Caraça Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Associação de Municípios do Distrito de Setúbal
Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses
I Q F - INSTITUTO PARA A QUALIDADE NA FORMAÇÃO I P
Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P. - Centro de Formação Profiss
MUNICÍPIO DO SEIXAL
Municipio do Barreiro
Município da Moita
Município de Palmela
Município de Setúbal

dot Top


Agreement Summary

Text available in

The ReQual development partnership common interests are centred in exchanging, developing, designing and testing strategies, methodologies and instruments able to promote the adaptability and the lifelong training of low qualified workers. The ReQual DP shares the belief that the development of people's knowledge and qualifications will empowers them to face more appropriately the permanent changes that occur at their social and work environments, strengthening employment and the organizations ability to stay competitive, and, doing so, the achievement of the developmental goals ambitioned for the Setúbal's peninsula region will be enhanced. The agreement includes the commitment of the DP to: the diagnosis of training needs amongst local "critical" SME's and institutions; the development, testing, improvement and validation of instruments and procedures for the recognition and certification of throughout life acquired competences; the development and testing of new and appropriate training methodologies (at the workplace, self-learning, at distance); the development of motivation strategies for under-qualified and mid career individuals to stay committed to long-life-learning; the improvement of people's ability to manage their own life projects; the mobilisation of social partners (municipalities, social organisations, corporate associations, trade unions and enterprises) to make clear to business and entrepreneurs that training and life-long learning will deliver competitiveness and economic sustainability; the development of an internet based platform for knowledge share; the integration of the developed training resources and know-how into local, technologically based, networks able to provide support and continuity of people's training needs; the fight against all forms of exclusion; ;

Last update: 09-10-2007 dot Top


Associação para o Ensino Bento de Jesus Caraça

(AEBJC)
Rua Vitor Cordon, nº1 - r/c
-
P-1200-482-LISBOA Lisboa

Tel:+351213255331
Fax:213255317
Email:-

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Type of organisation:Education / training organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

A Associação para o Ensino Bento de Jesus Caraça (AEBJC) constitui-se, a partir de 1998, no quadro do novo regime jurídico das Escolas Profissionais, como a entidade proprietária da Escola Profissional Bento de Jesus Caraça (EPBJC), que iniciou a actividade lectiva no ano de 1990/91. No âmbito do ensino profissional a EPBJC tem a frequência de cerca de 900 alunos, 44 turmas e 15 cursos, nas suas dez delegações: 2 no Norte (Delães e Porto), 3 no Alentejo (Beja, Mértola, Sines), 4 em Lisboa e Vale do Tejo (Barreiro, Lisboa, Seixal e Setúbal). Funcionam mais 2 Pólos da AEBJC na região Alentejo, Castro Verde e Alcácer do Sal, estando este em fase de instalação. A partir de 1997 a AEBJC diversificou a oferta formativa: ao nível da formação inicial (cursos do sistema de Aprendizagem e outros de qualificação inicial); ao nível da formação contínua, programando cursos de mais curta duração para activos empregados; ao nível da formação pedagógica, inicial e contínua, de formadores.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Maria Manuela Almeida Maria +351213255331 projectos@epbjc.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Associação de Municípios do Distrito de Setúbal

(AMDS)
Av. Dr. Manuel de Arriaga, nº 6 - 2º Esqº
-
P-2900-473-SETÚBAL Setúbal

Tel:+351265234221
Fax:265237392
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:PENINSULA DE SETUBAL
Date of joining / leaving:14-02-2005 /

Text available in

Criada em 1982, a Associação de Municípios do Distrito de Setúbal (AMDS) é a mais antiga do país e agrupa todos os treze municípios do Distrito de Setúbal. De acordo com os seus estatutos, a AMDS “ tem por objecto promover estudos e elaborar e gerir projectos e planos comuns nos domínios da cultura, do desporto, da educação e ensino, designadamente na área da formação profissional, da informação, da saúde, da segurança social, do urbanismo, da defesa do meio-ambiente e das infra-estruturas, com vista ao desenvolvimento económico, social e cultural das populações dos municípios associados. É tendo por base este objecto social que a AMDS vem desenvolvendo ao longo da sua existência um trabalho significativo que começa na coordenação de políticas comuns em relação às mais diversas áreas de intervenção dos municípios, através de constituição de grupos de trabalho intermunicipais, e passa pela informação técnica e jurídica, pela organização de seminários, colóquios e feiras, projectos e obras intermunicipais, pela modernização administrativa, pela formação profissional dos trabalhadores das autarquias e dos eleitos, pela promoção da imagem dos municípios, da região e dos seus interesses, pela promoção do desenvolvimento económico e até pela cooperação e troca de experiências com organizações afins de outras regiões e países.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Filipa Bonita Filipa +351265539090 filipa.bonita@amds.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses

(CGTP-IN)
Rua Vitor Cordon, nº1
-
P-1249-102-LISBOA Lisboa

Tel:+351213236500
Fax:213236595
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Trade Union
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:11-02-2005 /

Text available in

A CGTP- IN é a mais antiga central sindical existente e a maior organização social de massas em Portugal, associando 332 Sindicatos, Uniões Distritais e Federações sectoriais. A CGTP-IN cobre praticamente todos os sectores de actividade e regiões do território nacional. Enquanto central sindical dos trabalhadores portugueses, a CGTP-IN assume as suas responsabilidades em todos os domínios da sociedade portuguesa. Assim, é com naturalidade que intervém nos domínios da formação profissional, saúde, segurança social, economia, finanças, cultura e recreio, migrações e combate ao racismo e xenofobia, da igualdade de oportunidades entre sexos no mundo do trabalho, entre outras. Por fim, no quadro do Diálogo Social nacional e europeu, defende uma melhoria dos qualificação dos trabalhadores e a formação ao longo da vida, e por isso participa em acções de sensibilização para a formação profissional e a projectos de reconhecimento e certificação das competências adquiridas ao longo da vida.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Giorgio Casula Giorgio +351213236500 giorgio.casula@cgtp.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


I Q F - INSTITUTO PARA A QUALIDADE NA FORMAÇÃO I P

(INOFOR)
Av. Almirante Reis, N.º 72
-
P-1150-020-LISBOA Lisboa

Tel:+35121 810 7000
Fax:
Email:

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Education / training organisation
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

O INOFOR visa introduzir inovação no sistema de formação profissional e contribuir para uma maior qualidade e profissionalização da oferta formativa e dos modelos de valorização de recursos humanos.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Marta Alves Marta +351218107000 marta.alves@inofor.gov.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P. - Centro de Formação Profiss

(IEFP/CFPS/CRVCC)
Av. José Malhoa, nº 11
-
P-1099-018-LISBOA Lisboa

Tel:+351217227000
Fax:218614618
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:14-02-2005 /

Text available in

O IEFP é a entidade pública de emprego e formação, sendo o Centro de Formação Profissional do Seixal a unidade orgânica que a nível da Península de Setúbal desenvolve as acções de formação profissional de acordo com as políticas nacionais de formação. O Centro RVCC do Seixal acolhe e orienta os adultos maiores de 18 anos que não possuam até 9 anos de escolaridade, no sentido de com eles desenvolver processos de reconhecimento, validação e certificação de competências, tendo em vista a melhoria dos seus níveis de certificação escolar e de qualificação profissional, bem como para a continuação de processos subsequentes de formação contínua, numa perspectiva de aprendizagem ao longo da vida.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Luís Manuel Rendeiro Cordeiro Luís +351212268960 luis.cordeiro.drl@iefp.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


MUNICÍPIO DO SEIXAL

(CMS)
Rua Fernando Sousa, nº2
-
P-2840-515-SEIXAL Seixal

Tel:+351212211758
Fax:
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:PENINSULA DE SETUBAL
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

O perfil da entidade é o de uma autarquia local, tem as suas competências definidas segundo a Lei n.º169/99 de 18 de Setembro.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Rui Pablo Rui +351212277410 gae@cm-seixal.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Municipio do Barreiro

(CMB)
Rua Miguel Bombarda
-
P-2830-393-BARREIRO Barreiro

Tel:+351212068157
Fax:212068112
Email:

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:PENINSULA DE SETUBAL
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

Câmara Municipal do Barreiro (funções genéricas)



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Rogélia Costa Rogélia +351212068000 rogelia.costa@cm-barreiro.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Município da Moita

(CMM)
Praça da República
-
P-2860-422-MOITA Moita

Tel:+351212806700
Fax:212894928
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:PENINSULA DE SETUBAL
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

De acordo com o decreto lei n.º 169/99 de 18 de Setembro, com especial destaque para as alíneas d); h); n), do artigo 13º (Educação, Acção Social e Promoção do Desenvolvimento).



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Nuno Libório Nuno +351212806700 cmmoita@mail.cm-moita.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Município de Palmela

(CMP)
Largo do Município
-
P-2951-505-PALMELA Palmela

Tel:+351212331901
Fax:212330238
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:PENINSULA DE SETUBAL
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

A CMP tem como áreas de intervenção, de acordo com aqueles diplomas, designadamente: o planeamento urbanístico, a reconversão de áreas de génese ilegal, o ambiente, o saneamento, as infraestruturas viárias, a cultura, o desporto, a educação, a intervenção social, o desenvolvimento económico e o turismo. As duas últimas áreas de intervenção integram-se no Departamento de Desenvolvimento Económico e Turismo (DDET), departamento responsável pelo desenvolvimento do projecto (através do Gabinete de Apoio ao Empresário).



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
António Pombinho António +351212332103 cmpal.tur@mail.telepac.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top


Município de Setúbal

(CMS)
Praça do Bocage
-
P-2900-342-SETÚBAL Setúbal

Tel:+351265541555
Fax:265238855
Email:

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:PENINSULA DE SETUBAL
Date of joining / leaving:09-07-2002 /

Text available in

Organismo Público de administração local, de natureza colegial, que desempenha funções de natureza administrativa, fiscalizadora e executiva, prestadora de vários serviços públicos e de competências específicas no âmbito da prossecução dos interesses próprios das populações respectivas. As tarefas a desempenhar, são de âmbito concelhio e relacionadas com a qualidade de vida dos cidadãos, a gestão e o planeamento do território e a vida das empresas e das restantes instituições.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Carlos Silveira Carlos +351265233919 Calsilv@netvisao.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 09-10-2007 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

REQUAL - REDE PARA A QUALIFICACAO DO TRABALHO E DAS ORGANIZACOES

Rationale

Text available in

A Península de Setúbal e, em particular, parte da Cintura Industrial a Sul do Tejo constituída pelos concelhos do Barreiro, Moita, Palmela, Seixal e Setúbal - território de intervenção do projecto ReQual - tem assistido, desde o final dos anos setenta, a profundas transformações no seu tecido produtivo. Em consequência, a qualidade de vida e a coesão dos grupos sociais foi severamente afectada. Por outro lado, e mais recentemente, a deslocalização e o desinvestimento afecta fileiras de maior integração tecnológica, como o sector automóvel e seus componentes. A causas estão diagnosticadas e resultam, fundamentalmente, dos baixos níveis de qualificação académica e profissional dos trabalhadores e de uma actividade económica centrada na produção de produtos de baixo valor acrescentado que tiram partido desses factores. Este modelo de produção e de empreendedorismo tem, no entanto, uma competitividade limitada. Com efeito, numa economia global e competitiva, a sustentabilidade dos projectos económicos parece encontrar maior estabilidade nos mercados onde os níveis de qualificação inicial são mais elevados e as actividades de actualização, requalificação e formação ao longo da vida dos activos são mais consistentes e continuadas. No entanto, ante o enorme défice de qualificação dos trabalhadores e o predomínio de actividades industriais que tiram partido de uma mão-de-obra com "qualificações profissionais? relativas" que fomentam (e sustentam) uma indústria de subespecialização que se aproveita das pseudo-vantagens do, também relativo, baixo custo do factor trabalho, no contexto da economia global, a história recente da indústria regional demonstra que as baixas qualificações e a ausência de capacidade empreendedora comprometem a sustentabilidade dos modelos económicos, o emprego, a coesão social e o bem-estar dos indivíduos. Nesta conjuntura a PD do projecto ReQual considerou que era urgente desencadear uma dinâmica de responsabilização e envolvimento de actores críticos, de proximidade (nomeadamente a AMDS, os municípios, e através destes as associações e as próprias empresas) que facilitasse o desenvolvimento de processos de formação e de acreditação, com capacidade para envolver activos sub-qualificados em processos de formação que, iniciando-se nos locais de trabalho, poderão ter continuidade e acompanhamento através de redes locais de formação. Assim, a PD do ReQual, ao visar a promoção de um modelo regional de desenvolvimento sustentado que apoie, entre outros, "a internacionalização da economia regional e a densificação das relações em rede dos agentes económicos locais", promove a emergência de um sistema de conhecimento que valoriza competências, a inovação organizacional e a qualificação dos recursos humanos A experiência acumulada por alguns dos parceiros nacionais (AEBJC, RVCC e INOFOR), e a sua articulação com os parceiros do ACT, antecipa que é possível, pela via da qualificação e da aprendizagem ao longo da vida, facilitar a "reconfiguração do perfil de especialização sectorial, favorecendo a emergência e o desenvolvimento de novos clusters de actividades e o ajustamento dos já existentes" Uma maior qualificação dos trabalhadores e dos empreendedores, deverá facilitar um maior desenvolvimento da infra-estrutura industrial, originar a emergência de novos tipos de actividades geradoras de emprego, nomeadamente, no Terciário Superior, em resultado da maior estabilidade nos projectos profissionais das pessoas e da elevação dos níveis de bem estar, nas áreas dos serviços às empresas (financeiros, informáticos, comunicação e imagem e formação), às famílias (educação e formação, cultura, saúde, comunicações e audiovisuais, financeiros, viagens e entretenimento e serviços de proximidade) e de gestão ambiental. O ReQual deverá contrariar os obstáculos e resistências das populações activas e adultas em manter-se fidelizadas a processos de aprendizagem, ao promover a emergência de modalidades de formação em contexto de trabalho que resolvam a obrigatoriedade dos pré-requisitos escolares na certificação e combatam as representações predominantes que desvalorizam as necessidades de formação. Para isso poderão contribuir as experiências de formação de curta duração em contexto de trabalho que, no passado recente, algumas entidades têm desenvolvido. O recurso a módulos de formação que correspondam a necessidades concretas (lidar com um novo processo tecnológico; trabalhar em grupo e dinamizar equipas de trabalho; observar regras de higiene e segurança no trabalho e os seus impactos na qualidade do trabalho, na produtividade e na qualidade de vida dos trabalhadores; aceder às novas tecnologias da informação e comunicação como ferramentas de produtividade, acesso ao saber, à cultura e a uma cidadania mais activa e participada; descodificar mensagens verbais e escritas essenciais ao desempenho da actividade?) tem demonstrado ser capaz de produzir resultados ao nível das qualificações, da eficácia, da produtividade e, sobretudo, ao nível da apetência pela aprendizagem e aquisição de novas competências. As experiências desenvolvidas no âmbito dos projectos desenvolvidos pelos parceiros da PD podem constituir-se, conjugadas com outras práticas e modelos desenvolvidos por outros parceiros transnacionais, como ponto de partida para a elaboração de novas metodologias de formação que se possam desenvolver de forma a responder a necessidades formativas comuns identificadas em torno de redes que agrupem fileiras de actividade produtiva. A articulação de modalidades de formação em contexto de trabalho com o sistema nacional de Reconhecimento, Validação e Certificação de Competências poderá facilitar, por um lado, a emergência de módulos/modelos de formação que permitam o reconhecimento das qualificações e competências adquiridas por essa via e, por outro, desenhar processos que favoreçam a permanência das pessoas em aprendizagem ao longo da vida. As organizações poderão, assim, vir a reconhecer vantagens concretas (porque os resultados são imediatos e se reflectem na sua competitividade) em associar-se na promoção destas modalidades de formação para os seus activos. Áreas de intervenção diagnosticadas nos territórios de intervenção do ReQual: 1. Barreiro O diagnóstico e caracterização de áreas de intervenção não estão ainda identificadas em resultado da mudança provocada pelas recentes eleições autárquicas. No entanto, este parceiro de proximidade está a envidar todos os esforços por forma a garantir que na próxima (e primeira) reunião da Assembleia Coordenadora da PD, quer as áreas, quer os destinatários do processo de formação e de investigação-acção, estarão identificados; 2. Seixal O recente encerramento de unidades industriais de média e grande dimensão (ex.: Siderurgia Nacional), provocou um aumento súbito do desemprego, sobretudo de trabalhadores com baixos níveis de qualificação, ou com qualificações muito específicas. Alguns destes trabalhadores constituiram microempresas ou prestaram serviços a PME's, a maioria sem sucesso. No comércio e serviços os trabalhadores são pouco qualificados, seja em microempresas, em PME's, ou em grandes empresas, como p.e. o Continente do Seixal. O sector da construção com significativa actividade no Concelho, caracteriza-se pela muito baixa qualificação e iliteracia dos trabalhadores. A sazonalidade do trabalho, o precário vínculo de emprego, os riscos para a higiene, saúde e segurança e a diversidade de culturas e nacionalidades, contribuem para a dificuldade sentida no sector para a formação dos trabalhadores, um dos mais críticos em termos de qualificação do trabalho e das organizações. 2.1. Identificação das Empresas a Intervir As empresas que pertencem ao grupo de teste enquanto Parceiros Associados são PME's, maioritariamente com mais de 20 trabalhadores e reconhecidas pela importância no desenvolvimento da actividade económica local : § ACF - Electrodomésticos - Comércio de electrodomésticos. § M. Gonçalves - Comércio de veículos. § A. Palaio - Tipografia. § Autotrans Express S.A. - Transportes rodoviários de mercadorias. § Elo, S.A. - Indústria Metalomecânica. § Grupo A. Silva & Silva - Empresas na área do comércio, construção, imobiliária e turismo. § Oikos, Lda. - Construção Civil e Obras Públicas. 3. Setúbal Actividade Económica e Situação Empresarial No essencial, a estrutura é microempresarial com uma tendência crescente para a homogeneização da estrutura empresarial (Península), sobretudo ao nível das PME e grandes empresas. 3.1 Turismo áreas de intervenção: Pequeno comércio: introdução de novos processos tecnológicos; introdução de NTIC; novas modalidades de organização do trabalho, formação especializada (em cada actividade). Prestação de serviços: formação especializada. (em cada actividade), Regras HSS nos locais de trabalho, melhoria do nível de qualificação e NTIC. 3.2 Construção Civil áreas de intervenção: Construção Cívil: formação em HST, materiais e equipamentos na construção civil, garantia da qualidade na construção; análise de riscos, equipamentos de protecção individual (EPI's), organização e gestão do estaleiro, ergonomia, álcool e alcoolismo. Público-Alvo: Empreiteiros; Serviços de Fiscalização dos Estaleiros de Construção; Técnicos da empresa; Sindicalistas; Demais interessados. 3.3. Metalurgia. Construção e Reparação Naval diagnóstico e áreas de intervenção: A partir dos anos 90, constituíram-se empresas subsidiárias da reparação naval, com quadros oriundos das anteriores sedes, que especializaram em algumas áreas e que ainda hoje permanecem no activo que carecem de regras de HSS nos locais de trabalho e formação especifica. Público-Alvo:; Pedreiros; Montadores; Doqueiros; Encarregados; Serventes; Demais interessados.

dot Top


Objective

Text available in

Consolidar na PD a emergência de uma cultura partilhada, uma visão comum, capaz de mobilizar o capital de vontades e recursos que os parceiros disponibilizam para o sucesso do ReQual Promover a adaptabilidade e a formação ao longo da vida de activos com baixos níveis de qualificação Promover a emergência de processos de formação em contexto de trabalho que facilitem a (auto) formação sustentada, permanente e certificável, a (auto) gestão de carreiras profissionais e processos individuais de qualificação, que reforcem a empregabilidade e a adaptabilidade Desenvolver e testar dispositivos inovadores de formação em contexto de trabalho - potenciando o saber-fazer, os recursos, as experiências e as modalidades desenvolvidas pelos parceiros ao longo das actividades realizadas no âmbito da PD e do ACT. Isto é, desenvolver dispositivos e estratégias que visam: - Identificar, reconhecer e validar um conjunto de competências-chave adquiridas pela experiência e/ou desenvolvidas nos percursos de formação em contexto de trabalho. - Inventariar as necessidades de formação remanescentes, visando a certificação da aptidão profissional. - Apreciar o nível de proficiência das competências, com base nos respectivos perfis profissionais, normas e manuais institucionalizados nas diferentes entidades certificadoras, tendo em vista a sua validação no âmbito do Sistema Nacional de Certificação Profissional. - A emergência de novas modalidades de Certificação e Validação de competências escolares e profissionais adquiridas ao longo da vida. Mobilizar organizações que, pela sua natureza, garantam a génese de uma rede local/regional de formação. Promover e dinamizar um ACT, que permita, para além do intercâmbio de experiências, instrumentos e estratégias, o aprofundamento e a emergência de novos "saberes-fazer". Promover a consolidação de plataformas que, para além de facilitarem a partilha de conhecimentos, se possam vir a constituir em repositórios de saberes e recursos.

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics