IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 A Sucessão nas Empresas Familiares - Da Ameaça à Oportunidade ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : Associação Comercial de Aveiro
Other national partners : CNS-Aveiro - Companhia Nacional de Serviços, Lda
EQUAL theme :Entrepreneurship - Business creation 
Type of DP :Geographical - Other - CENTRO (P) 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2001-127 
Application phase :Project ended 
Selection date :10-09-2002 
Last update :11-01-2005 
Monitoring:  

Rationale

Text available in

The proposal of decision of Council that adopted the third program Plurianual in favor of the small ones and averages companies of the European Union - COM (96) 98 of 20/3/96 refered that the transmission of companies is one of the key subjects of the it policizes of the European Comission. Adds that according to the Comission, after the creation and the growth, the transmission is the third crucial phase of the cycle of life a company with strong implication at several levels namely at the of the maintenance of the workstations. According to studies developed to the IV European Observatory for PME's about 30% of the group of the European companies, or be five million companies will be confronted with these the problem of transmission in the course of next years. In agreement with these forecasts, about 30% of those companies, or be 1,5 million will disappear due to the bad preparation of transmission, that commits like this about 6,3 million workstations. Still according to the Comission - Comunication (98/C p3/02) the most evident conclusion is the that the transmission of the companies is, frequently badly prepared, in general, the problem is approached too late, what imposes more onerous options and with larger risks. Still, second this communication the transmission of the companies is not usually considered an activitie of fundamental administration. This is the general of the problem of the sucession in the family companies in the Community, and the situation in Portugal is still more preoccupying not only due to the absence of studies on this problem but also due to inexistence of experience in the preparation of the process of sucession to the recent studies. The same is said of the Universe of work of this sector, constitued by the family attaches of the little more than two thousand companies associated of ACA - Associação Comercial de Aveiro, of the trade and services with less than 50 workers and that are distribued by the system Aveiro-Ílhavo-Vagos-Águeda-Albergaria-Oliveira do Bairro. This system constitutes an all coerent one with about 350 thousand inhabitants and a fort demographic dynamis. The accessibility, measure in terms of time, comes as quite favorable to the development of synergies in the area. The two main poles of local development include the total of the population in circles of about 30 minutes. It is an area characterized by a great diversity of structure partner-demographic, geographical and of job. The regions of Aveiro, Ílhavo, Estarreja ans Águeda possess a strong industrialization and most of the population to live un urban spaces while the regions of Sever do Vouga and Albergaria-a Velha they are rural areas very a little industrialized. Aveiro, the district capital bases her activities on the secondary and tertiary sectores. He possesses a bussiness fabric relatively developed, in expansion and qualification, being of enhancing the linked activities to the metallurgy, metalomecanique and equipment of transports, to the ceramic, to the paper, to the graphics arts, to the alimentary agriculture and the wood, but also to the qualified services to the population and the trade. Between 1960 and 1991, the, preponderant sector, in job terms, was the secondary, presenting an increment of 1960 for 1991. However, an evident tertiarization of the local economy exists, very based on the development of the trade activities in the several regions of the district and, mainly, of the activities of services in Aveiro. The job volume in the tertiary sector practically duplicated since 1960 to 1991. The tendency stays for the decade of ninety. The wide spread tertiarization of the savings regions has been linked to the growth of the local administration or of the decentralized services of the central power, in the sectors of the health and education. In an approach through establishments the number according to the activities sector, it is verified that the trade is the most important, with about 35%, following by the industry transformation, with 25%, of the construction and of the lodging and restoration, with 9% each abd for the real estate activities and services to the companies with about 6%. The activities of the primary sector only represent 3% of the establishments and the remaining sectors don't cross 1,5%. In terms of dimension of the establishments, the small ones and averages companies prevail. The tertiary sector, between 1985 and 1991 registering a tax of growth of the number of establishments of 39,3%. As for the second number of establishments her dimension, registaif an accentuated increase of 1985 for 1991, namely us of small dimension or be the ones that use less than nini workers. Last he imports to refer that the District of Aveiro in the general context of the sector of the National Trade occupies an expressive third position, soon after the Districts of Lisbon and Porto in the quantification of establishments for Districts in the Gross Trade, as well as in the fourth position in the little trade. The final addressees of this healthy project: The entrepreneur's nuclear family that transmits the companies and that we will start to designate of Seniors, he wants is involved or not in the administration of the company. To the transmissary (people that "acquire" the company) that will pass to designate of juniors. These addressees are essential for the sucess of the process of transmission of family companies, in the first case the conscienziliation for the problem and the nedd of preparing the transmission in advance and in the second case the familirization with the structure of the company. In both cases the emotional plan assumes matter importance. Organs of Regional Communication, The need to promote public and private intiatives destined to touch and to inform the addressees of this process is thankfully accepts for the Community and it was evident in this first phase of the project, being for that necesary to reinforce relative activities the communication with the press, namely press-realises and press conferences given the results reached with this activities type in this first phase of the project. The public entities with responsibility in the area of the support the small ones and averages companies of the sector of the sector of the trade and services, be read IAPMEI. The absence of any financial system of incentives and technican to support this type of processes contrast with the myriad of systems of financial and technical incentives and of available infrastructures to support the constituition of companies, of here it results the need to invert short term this situation type, what can be facilited by the fact of IAPMEI to have a representative, Dr. Luís Dias in the group of experts that the Comissionb created to study the problem of the sucession of the family companies. Of the meeting accomplished on May 9 with Dr. Luís Dias was recognized the nedd and the interes of promoting the change of existent information and to develop for the Community as well as the change of experiences between this project and an another supported for the it POR in the picture of the Partnerships and Initiatives Publi (PIP) destined to develop a pilot experience of preparation of the sucession process in four companies. Finantial Institutions: According to the Commission a great number of transmissions of companies can be facilited the financial institutions and of venture capital they are motived the adopt a more positive attitude in than tells respect the concession of loans to PME, from where imports to touch the finantial institutions to support with the development of new services destined to support this process as well as the preparation of programs well for transmission of companies happened as well as transmission plans that inclued the value of the company.

dot Top


Objective

Text available in

To promote the reflection on a group of critical subjects that usually afectly the process in the companies of mamily cariz; To promote collects of information that allows dimension and caracterize the problem of the sucession of the Micro and Small Family Companies with less than 50 workers in the sector of the trade and services. To accomplish actions destined to increase the consciencialization and to touch, for the problem of the Sucession of the Family Companies, The Seniors and Juniors and to the nuclear family attache in matter to the supose of Senior independently subject particulary in the emotional paln and a long process (five to seven years), through the following activities: - development of auto avaliation instruments and other support to the sensibilization actions; - editions one book to support the sensitation actions for this problem; - edition twlve fascicles; - accomplishment of 6 Seminars of Sensitization driven namely the Seniors and Juniors and to the organs of Communication social places. To promote the change of information and good practices at national level, with IAPEMI and at European level with of this the European Comission. To develop, to aplly and to evaluate solutions to contribute to reduce the tax of failure of the transfer of this type of companies. To accomplish a closing session and spread of the results of the project.

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Guidance, counselling **
Training on work place *
Conception for training programs, certification **
Anticipation of technical changes **
Awareness raising, information, publicity ***

Type of innovation Rating
Process-oriented ***
Goal-oriented **
Context oriented *

Text available in

No domínio do processo de sucessão das empresas familiares não existem saberes/práticas no território seleccionado; o Distrito de Aveiro, ou sector de intervenção; comércio e serviços, constituindo por isso, e desde logo uma proposta inovadora assente numa estrutura de gestão por projecto também inovadora para esta associação. Este projecto contempla uma abordagem inovadora consubstanciada na actividade de investigação de âmbito regional sobre um fenómeno ignorado e desprovido de informação, o da sucessão nas empresas familiares nas vertentes económicas, financeiras e emocionais num território determinado, o distrito de Aveiro. Outro aspecto inovador será a utilização de uma infraestrutura de informação/formação com recurso a utilização das TIC também para os parceiros da PD Transnacional, estamos a falar do portal de e.learning e que disponibilizarão os instrumentos de suporte à tomada de consciencialização, sensibilização e preparação do processo de sucessão permitindo às empresas: Maior Acessibilidade: os instrumentos estarão permanentemente acessíveis para consulta e estudo, em príncipio, sempre actualizados, nenhuma outra plataforma de aprendizagem permite garantir esta característica. Maior Conveniência: os interessados poderão aceder aos conteúdos quando e onde lhes for mais conveniente, pelo qua a sua utilidade efectiva será profundamente relevante, nenhuma outra plataforma de aprendizagem permite garantir esta característica. Maior Auto-Avaliação: os participantes poderão utilizar de uma forma totalmente eficiente os suportes de autodiagnóstico em condições de privacidade absoluta, nenhuma outra plataforma de aprendizagem permite garantir esta característica. Trata-se, no concreto, de desenvolver a partir da experiência adquirida com este projecto, um conjunto de conteúdos, acessíveis de modo assíncrono (os participantes poderão frequentá-lo a sua conveniência), estando no entanto dotado das condições necessárias para garantir a eventualidade de eventos síncronos sobre os conteúdos, para efeitos de flexibilidade e optimização de transferência de conhecimentos e experiência. O projecto, aponta para a criação de um conjunto de actividades integrados e caracterizados pela oferta de soluções diversificadas através de acções de caracterização, sensibilização e acompanhamento dos actores do processo de sucessão nas empresas familiares de todo inexistente no território seleccionado. Outro aspecto absolutamente inovador deste projecto consiste no facto de se adoptarem modelos de envolvimento dos actores chaves do processo de sucessão, graduais e estimulante no quadro de uma actividade de investigação e leitura dinâmica de vertente económica e empreendedora num espaço territorial determinado, Distrito de Aveiro e numa óptica de macro-análise ao nível interno da empresa no que concerne ao grau de consciencialização e sensibilização para o problema da sucessão, aos aspectos emocionais e aos aspectos técnicos - gestão, nomeadamente ao nível fiscal.

dot Top


Budget Action 2

< 250 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  12.0%  4.0% 
Employed  56.0%  8.0% 
Others (without status, social beneficiaries...)  16.0%  4.0% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  0.0%  0.0% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  84.0%  16.0% 
  100.0%
 
Physical Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  84.0%  16.0% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  84.0%  16.0% 
  100.0% 
 
< 25 year  22.8%  2.4% 
25 - 50 year  31.2%  6.4% 
> 50 year  30.0%  7.2% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Support to entrepreneurship ****

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Participation in the project design
Participation in running and evaluating activities
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português
  • English
  • italiano
  • español (castellano)

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.4%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
2160 PRATIC (PRogramme d'Actions Transnational sur les TIC) ES ES177
FR PAC-2001-10398

dot Top


Background

 

 Involvment in previous EU programmes

  • Nobody involved in A&E

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
Associação Comercial de Aveiro Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
CNS-Aveiro - Companhia Nacional de Serviços, Lda Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership

dot Top


Agreement Summary

Text available in

The responsibility of ACA is centered in the activities of Strategig Administration of project of the responsibility of Council of Administration, which it is composed by three elements and presided by ACA, through her Formation Gabinet to Dr.ª Helena Paula Marques. The second element is proposed by CNS and it lacks the agreement of ACA, the third element will be chosen by these two partners in representation of an actor-key. The project will be managed by one equips of professional administation ( a manager with seat in Council of Administration and a techinican) to dedicated exclusively to the development of the project and that it moderates Council of Administration. The contribute of CNS for the project will consist of the participation and in the development of transnacional partnership namely in the disponibilization and operation of the plataform of e.learning as well conversion of contents developed in the picture of transnacional PD or in the picture of activities of PD of this project. CNS will also be with the responsibility and responsibility of developing the investigation activities, namely selection and development of instruments in paper and support multimedia as well in the collects and treatment of data and eleboration of the respective conclusions. The conception and implementation of the Observatoy, that more than a physical structure, it shoulde be a space virtual consubstany through the information and reflection and that through him it is possible to constitute a picture of diagnosis of the process of sucession of this type of family companies, decisive for, just as he refers the community, to understand, to explain and to define proposed of action that contribute to increase the sucess of this type of processes. The evaluation of the project and the supports of e.learning they will also be of this partner's responsibility.

Last update: 11-01-2005 dot Top


Associação Comercial de Aveiro

(-)
Rua Conselheiro Luís de Magalhães, 25 - 27
-
P-3800-137-AVEIRO Aveiro

Tel:+351324377190
Fax:234382430
Email:geral@acaveiro.pt

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Type of organisation:Employers' organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:BAIXO VOUGA
Date of joining / leaving:17-06-2002 /

Text available in

A Associação Comercial de Aveiro é uma instituição secular fundada em 1858 e que, desde então, procura dar resposta às necessidades dos comerciantes e empresários da região. Tendo por fundamento a defesa dos direitos destas duas classes procura também prestar-lhes todos os serviços que lhe possam ser úteis. Particularmente na última década, tem a ACA protagonizado um vasto conjunto de acções das quais destacamos: - Criação em parceria com um conjunto de empresas da TIRTIFE - Terminais de Aveiro,SA; - Criação da Câmara de Comércio e Indústria de Aveiro em 1986; - Criação de um Gabinete de Apoio ao PROCOM, abrangendo todo o Distrito através da União de Associações de Comerciantes do Distrito de Aveiro; - Múltiplas acções de Formação Profissional; A NÍVEL INTERNACIONAL: - Divulgação dos nossos produtos e promoção da Imagem de Aveiro, junto das Câmaras de Comércio e Industriais internacionais; - colaboração na criação da Câmara de Comércio e indústria de Inhambane;



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Helena Paula D'Almeida Rodrigues Marques Helena +351936271007 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-01-2005 dot Top


CNS-Aveiro - Companhia Nacional de Serviços, Lda

(-)
Av.ª Dr. Lourenço Peixinho, 20 - 4.º Fte.Esq.
-
P-3800-159-AVEIRO Aveiro

Tel:+351234426075
Fax:234381769
Email:info.aveiro@cns.pt

 
Responsibility in the DP: Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Type of organisation:Enterprise
Legal status:Private
Size:Staff < 10
NUTS code:BAIXO VOUGA
Date of joining / leaving:17-06-2002 /

Text available in

A missão da CNS consiste em garantir a adequabilidade das competências dos indivíduos e das competências dos indivíduos e das organizações em ambiente fortemente concorrencial e de mudança. A aposta constante e sistemática no aperfeiçoamento dos Recursos Humanos e metodologias de trabalho levou a que detenhamos, hoje, o reconhecimento de diversas entidades e a total confiança dos nossos clientes. Acreditamos que a chave do sucesso é a interacção entre os individuos das organizações e as suas competências. A nossa infra-estrutura empresarial está organizada de modo a estar ao lado e ao serviço dos nossos clientes, numa relação de parceria, que visa optimizar as competências específicas de cada organização. Os produtos disponibilizados pela CNS estão organizados de molde a cobrir, integralmente, as necessidades que ao longo do tempo temos constatado existirem da parte dos nossos clientes sendo de destacar: Catálogo de formação; Formação dedicada e especifica; Formação à distância, etc.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Paulo Manuel Simões Branco Lopes Paulo +351234426075 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-01-2005 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

A SUCESSAO NAS EMPRESAS FAMILIARES - DA AMEACA A OPORTUNIDADE

Rationale

Text available in

A proposta de decisão do Conselho que adoptou o terceiro programa Plurianual a favor das pequenas e médias empresas da União Europeia - COM(96) 98 de 20/3/96 referia que a transmissão de empresas é uma das questões chaves da politica empresarial da Comissão Europeia. Acresce que segundo a Comissão, após a criação e o crescimento, a transmissão é a terceira fase crucial do ciclo de vida de uma empresa com fortes implicações a vários níveis nomeadamente ao nível da manutenção dos postos de trabalho. Segundo estudos desenvolvidos para o IV Observatório europeu para as PME's, cerca de 30% do conjunto das empresas europeias, ou seja, cinco milhões de empresas serão confrontados com o problema da sua transmissão no decurso dos próximos anos. De acordo com estas previsões, cerca de 30% dessas empresas, ou seja, 1,5 milhões desaparecerão devido à má preparação da sua transmissão, que compromete assim cerca de 6,3 milhões de postos de trabalho. Ainda segundo a Comissão-Comunicação (98/C93/02) a conclusão mais evidente é a de que a transmissão das empresas é, com frequência mal preparada. De modo geral, o problema é abordado demasiado tarde, o que impõe opções mais onerosas e com maiores riscos. Ainda, segundo esta comunicação a transmissão das empresas não é geralmente considerada uma actividade de gestão fundamental. Esta é a situação geral do problema da sucessão nas empresas familiares na Comunidade, sendo que a situação em Portugal é ainda mais preocupante não só devido á ausência de estudos sobre este problema mas também devido à inexistência de experiência na preparação do processo de sucessão de empresas familiares as quais segundo os estudos recentes representam cerca de 80% do tecido empresarial português. O mesmo se diga do Universo de trabalho deste sector, constituído pelos agregados familiares das pouco mais de duas mil empresas associadas da ACA do comércio e serviços com menos de 50 trabalhadores e que se distribuem pelo sistema Aveiro-Ílhavo-Vagos-Águeda-Albergaria a Velha-Oliveira do Bairro. Este sistema constitui um todo coerente com cerca de 350 mil habitantes e um forte dinamismo demográfico. A acessibilidade, medida em termos de tempo, apresenta-se como bastante favorável ao desenvolvimento de sinergias na região. Os dois principais pólos de desenvolvimento local abrangem o total da população em círculos de cerca de 30 minutos. É uma região caracterizada por uma grande diversidade de estrutura sócio-demográfica, geográfica e de emprego. Os concelhos de Aveiro, Ílhavo, Estarreja e Águeda possuem uma forte industrialização e a maioria da população a viver em espaços urbanos enquanto os concelhos de Sever de Vouga e Albergaria-a-Velha são zonas rurais muito pouco industrializadas. Aveiro, capital de distrito baseia a sua actividade nos sectores secundário e terciário. Possui um tecido empresarial relativamente desenvolvido em expansão e qualificação, sendo de realçar as actividades ligadas à metalurgia, metalomecânica e equipamento de transportes, à cerâmica, ao papel, às artes gráficas, ao agro alimentar e à madeira, mas também aos serviços qualificados à população e ao comércio. Entre 1960 e 1991, o sector preponderante, em termos de emprego, foi o secundário, apresentando um acréscimo de 1960 para 1991. No entanto, existe uma evidente terciarização da economia local, muito baseada no desenvolvimento das actividades de comércio nos vários concelhos do distrito e, principalmente, das actividades de serviços em Aveiro. O volume de emprego no sector terciário praticamente duplicou desde 1960 a 1991. A tendência mantém-se para a década de noventa. A terciarização generalizada das economias concelhias tem estado ligada ao crescimento da administração local ou dos serviços descentralizados do poder central, designadamente nos sectores da saúde e educação. Numa abordagem através do número de estabelecimentos segundo o sector de actividade, verifica-se que o comércio é o mais importante, com cerca de 35%, seguido da indústria transformadora, com 25%, da construção e do alojamento e restauração, com 9% cada e pelas actividades imobiliárias e serviços às empresas com cerca de 6%. As actividades do sector primário representam apenas 3% dos estabelecimentos e os restantes sectores não ultrapassam 1,5%. Em termos de dimensão dos estabelecimentos, predominam as pequenas e médias empresas. O sector terciário, entre 1985 e 1991 registou uma taxa de crescimento do número de estabelecimentos de 39,3%. Quanto ao número de estabelecimentos segundo a sua dimensão, regista-se um aumento acentuado de 1985 para 1991, nomeadamente nos de pequena dimensão ou sejam os que empregam menos de nove trabalhadores. Por último, importa referir que o Distrito de Aveiro no contexto geral do sector do Comércio Nacional ocupa uma expressiva terceira posição, logo após os Distritos de Lisboa e Porto na quantificação de estabelecimentos por Distritos no Comércio Grossista, bem como na quarta posição no Comércio Retalhista. Os destinatários finais deste projecto são: - a família nuclear do empresário que transmite as empresas e que passaremos a designar de Seniores, quer esteja envolvida ou não na gestão da empresa; - aos transmissários (pessoas que "adquirem" a empresa) que passaremos a designar de juniores; Estes destinatários são essenciais para o sucesso do processo de transmissão de empresas familiares, no primeiro caso a conscienzialização para o problema e a necessidade de preparar a transmissão com antecedência e no segundo caso a familiarização com a estrura da empresa. Em ambos os casos o plano emocional assume particular importância. - Órgãos de Comunicação Regional: A necessidade de promover iniciativas públicas e privadas destinadas a sensibilizar e informar os destinatários deste processo é reconhecidamente aceite pela Comunidade e foi evidente neste primeira fase do projecto, sendo por isso necessário reforçar actividades relativas a comunicação com a imprensa, nomeadamente press-realises e conferências de imprensa dados os resultados alcançados com este tipo de actividades nesta primeira fase do pojecto. As entidades públicas com responsabilidade na área do apoio às pequenas e médias empresas do sector do comércio e serviços, leia-se IAPMEI. A ausência de qualquer sistema de incentivos financeiro e técnico para apoiar este tipo de processos contrasta com os miríade de sistemas de incentivos financeiros e técnicos e de infraestruturas disponíveis para apoiar a constituição de empresas, daqui resulta a necessidade de inverter a curto prazo este tipo de situação, o que pode estar facilitado pelo facto do IAPMEI ter um representante, o Dr. Luís Dias no grupo de peritos que a Comissão criou para estudar o problema da sucessão das empresas familiares. Da reunião realizado no dia 9 de Maio com o Dr. Luís Dias foi reconhecida a necessidasde e o interesse de promover a troca de informação existente e a desenvolver prela Comunidade bem como a troca de experiências entre este projecto e um outro apoiado pelo POE no quadro das Parcerias e Iniciativas Públicas (PIP) destinado a desenvolver uma experiência piloto de preparação do processo de sucessão em quatro empresas. Instituições Financeiras: Segundo a Comissão um grande número de transmissões de empresas poderá ser facilitado se as instituições financeiras e de capital de risco forem incentivadas a adoptar uma atitude mais positiva no que diz respeito a concessão de empréstimos às PME, donde importa sensibilizar as instituições financeiras para apoiar este processo com o desenvolvimento de novos serviços destinados a apoiar este processo como também a preparação de programas para transmissão de empresas bem sucedidas bem como planos de transmissão que abrangessem o valor da empresa.

dot Top


Objective

Text available in

Promover a reflexão sobre um conjunto de questões criticas que normalmente afectam o processo nas empresas de cariz familiar. Promover a recolha de informação que permita dimensionar e caracterizar o problema da sucessão das Micro e Pequenas empresas familiares com menos de 50 trabalhadores nos sectores do comércio e serviços. Realizar acções destinadas a aumentar a consciencialização e sensibilizar, para o problema da Sucessão das Empresas Familiares, os Séniores e júniores e ao agregado familiar nuclear em particular ao cônjuge do Sénior independentemente de estar ou não envolvido na gestão corrente da empresa, dado que a transmissão é uma questão sensível particularmente no plano emocional e um processo longo (cinco a sete anos), através das seguintes actividades: - desenvolvimento de instrumentos de autoavaliação e outros suportes de apoio às acções de sensibilização; - edição de um (1) livro para apoiar as acções de sensibilização para este problema; - edição de doze (12) facículos sobre boas práticas e case studies identificados neste projecto ou noutros projectos comunitários; - realização de seis (6) Seminários de Sensibilização dirigidos nomeadamente aos Séniores e Júniores e aos orgãos de comunicação social locais. Promover a troca de informação e boas práticas a nível nacional, com o IAPMEI e a nível europeu com a Comissão Europeia. Desenvolver, aplicar e avaliar soluções que contribuam para diminuir a taxa de insucesso da transferência deste tipo de empresas. Realizar uma sessão de encerramento e disseminação dos resultados do projecto.

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics