IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 PODER - Promover Organizadamente o Desenvolvimento do EmpRego ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : Núcleo Regional do Norte da Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral
Other national partners : ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários
Instituto de Engenharia Electrónica e Telemática de Aveiro
Junta de Freguesia de Ramalde
EQUAL theme :Entrepreneurship - Business creation 
Type of DP :Geographical - Urban area - NORTE 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2001-113 
Application phase :Approved for action 2 
Selection date :11-09-2002 
Last update :10-01-2005 
Monitoring: 2002  2003  2004   

Rationale

Text available in

The Cerebral Palsy Association - Oporto, is a Private Institution of Social Solidariety. That as main objective the integration of the person with disability in general and of the person with Cerebral Palsy in particular. The people with cerebral palsy have a disturbance of the control of posture and movement as consequence of an injury that reaches the brain in period of development. She does not have two similar cases. Some people have disturbances, almost imperceptible that become them unskilful to walk, to speak or to use the hands. Others are seriously affected with motor incapacity, impossibility of walking and speaking, being dependents of the activities of daily life. Nearly 38 million people in Europe are a disability. In all European Union the people with disability face obstacles of various order. All this obstacles hinder frequent to a full participation of this group in the society and the world of the work. The people with disability have little probabilities to have a job or to manage a company. According to statisticians, between the 16-64 years the probabilities to have a job or a company is of 66%, tax diminishes for 47% in the case of the people with disabilities. The question of the job and the exercice of a profession possess, however strategical character. In our society, the relation with the work means form to have acess to an income, the social rights, to a statute and an identity. The loss of the inexistence of this relation also means the loss economic life, the dilution of social and familiar loops, and alteration in the personality and capacities the professional. According to national Plan of Job, some social groups reveal some difficulty in the acess of the work, nominated the people with disabilities, whose social integration is fragility in resultants of poverty, discrimination or social marginality. Not hindering the effort developed in the last years to improve the integration socio-professional of the people with disabilities, much has to make in the promotion of the equality to this group. The National Plan for the Inclusion also relates that the people with disabilities if find between the categories most vulnerable are social exclusion in Portugal. Still according to PNAI the people with disabilities will be same in return, how much to the number from that they are excluded in function of the disability. Currently the relative situation about the integration of the people with disability in the work market is characterized by: ·The tax of the job of the population with disability its very elevated; ·The legislation that it contemplates the obligatoriness the 5% of the total of number of places to fill for people with disability; ·Weak percentage (10%) of people with cerebral palsy inserted in courses of professional formation; ·The specific courses of formation of the disability are, do not have many times the motor limitations of the people with Cerebral Palsy ·Statiscal data of the APPC People with Cerebral Palsy wait formation - 240 People with Cerebral Palsy in Professional Formation - 15 People with Cerebral Palsy in house - 40 People with Cerebral Palsy employed - 27 For everything this and although all the work already by APPC - Oporto, to the Professional Formation and the rank in work market, still results inevitably to very select a success on this side of the desirable one. Taking in consideration all the cited aspects we intend with this project to create a structure of support to the job for people with disability. With the creation of the structure we have to find forms to manage, to create instruments and strategies, in the direction to surpass some of the existing problems in the acess to the work of the people with disability. Expect to this project, guarantee disability to diversify its social picture before as professional competent, with qualities to fight the association mechanics between disability and incapacity to work. It goes to still contribute for the use of the social conscience of the employers and mores social and economic agents.

dot Top


Objective

Text available in

With this project we intend to creat a structure of local development wich final purpose is to perform on a level of labour and social support for people with disabilities. Being a structure based on the concept "empowerment" it will provide the necessary tools and strategies so that the people with disabilities can be envolved in the decision making process or their integration and creation of employement. 1. Business Creation Information Areas of identification Constitucion Resource Financial Plan Development Marketing Accounting Clients Assemblage 2. Continuos training, perfectioning and recycling Training plans Training through the Internet Long distance training 3.Information and sensibilization

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Employment aids (+ for self-employment) ****
Employment creation and support ****

Type of innovation Rating
Goal-oriented ****

Text available in

Em relação á inovação neste projecto, ela prende-se com a criação de uma estrutura inexistente, onde se envolvem parceiros distintos, no combate á exclusão e pela integração no mercado de trabalho de pessoas com deficiência. Este projecto vai desenvolver várias estratégias para impulsionar um desenvolvimento económico e social que permitirá caminhar para a implementação de uma estrutura de desenvolvimento local de carácter inovador, dinâmico, capaz de fomentar a criação de actividades empresariais para pessoas com deficiência. Esta estrutura vai permitir colocar á disposição das pessoas com deficiência e demais intervenientes várias ferramentas de acompanhamento antes, durante e depois do projecto ter terminado, que terá como finalidade pôr em marcha a iniciativa empresarial e respectivo acompanhamento. A integração neste projecto dos parceiros, Associação Nacional de Jovens Empresários, o Instituto de Engenharia Electrónica e Telemática de Aveiro e a Junta de Freguesia de Ramalde constituem um valor acrescentado importante pois vão permitir desenvolver várias actividades que por si só a Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral não conseguiria realizar. Será o desenvolvimento de um projecto único que agrupa a igualdade de oportunidades, as novas tecnologias de informação e comunicação, a cooperação nacional e a cooperação transnacional. O acesso ás novas tecnologias de informação e da comunicação será largamente utilizada já que a nossa população tem grandes problemas de acessibilidade, permitindo assim um melhor acesso, criando e utilizando vários materiais informáticos. Iremos utilizar uma metodologia de trabalho de rede com recurso á Internet que vai permitir a divulgação de todo o projecto, as experiências e os resultados mais interessantes, bem como formação aberta e á distância de pequenos módulos importantes para a criação de empresas.

dot Top


Budget Action 2

250 000 – 500 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  48.0%  32.0% 
Employed  12.0%  8.0% 
Others (without status, social beneficiaries...)  0.0%  0.0% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  0.0%  0.0% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  60.0%  40.0% 
  100.0%
 
Physical Impairment  60.0%  40.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  0.0%  0.0% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  60.0%  40.0% 
  100.0% 
 
< 25 year  36.0%  32.0% 
25 - 50 year  24.0%  8.0% 
> 50 year  0.0%  0.0% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Disabilities ****

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Developing collective responsibility and capacity for action
Participation in the project design
Participation in running and evaluating activities
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português
  • français
  • English

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.3%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
1173 ACP FR REU-2001-11326
IT IT-S-MDL-160

dot Top


Background

 

 Involvment in previous EU programmes

  • One partner involved in A&E

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
Núcleo Regional do Norte da Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Transnational partnership
ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários
Instituto de Engenharia Electrónica e Telemática de Aveiro Monitoring, data collection
Junta de Freguesia de Ramalde

dot Top


Agreement Summary

Text available in

The Cerebral Palsy Portuguese Association, has know how in the area of the disability, but small experience in the area of the creation of enterprises and every thing what it turns around this subject, for that would be unthinkable to carry through this project without participation of the Nacional Association of Young Entrepreneurs. To the level of the New Technologies of Information and Communication, although we have some know how in this area, it would be impossible to take this project ahead without the indispensable contribution of Aveiro University - IEETA. When considering to create a structure that needs a physical space, and nor existing at this moment conditions so that it appears in our institution, becomes essential the partnership with Junta de Freguesia de Ramalde. In terms of model of functioning of the PD, it always will be based on the principle of the consensus of the all these involved partners. All the proposals of execution of the activities they are going to be argued and made of common agreement, being carried through periodic meetings with all the partners that integrate this project. The main stream is to work in set to sensitize all the social and economic agents for the problematic of the job of the person with disability. The people with disability faces a great fan of technician impediments in what concerns to the accessibility conditions. That's because this project wants to make a bet in the new technologies of information and the communication to guarantee that they can usufruct of the benefits that these nominated though the Internet, with the main stream to create a plataform of communication between all partners and people with disability.

Last update: 10-01-2005 dot Top


Núcleo Regional do Norte da Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral

(-)
Rua Delfim Maia 276
-
P-4200-253-PORTO Porto

Tel:+351225573790
Fax:225573799
Email:-

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Transnational partnership
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE PORTO
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

O Núcleo Regional do Norte da Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral - Núcleo Regional do Norte é uma Instituição Particular de Solidariedade Social que tem como missão promover a reabilitação, integração e a qualidade de vida da pessoa com paralisia cerebral reconhecendo o direito á dignidade a todos os indivíduos. Actuando nas diferentes dimensões do indivíduo desenvolve actividades diversificadas onde se incluem serviços de apoio directo a pessoas com deficiência e suas famílias, acções de sensibilização, investigação e desenvolvimento, desporto (pessoas com deficiência) e actividades culturais. Serviços a funcionar: Actividades Ambulatórias para a Autonomia Social Centro de Actividades de Ocupação - Delfim Maia Centro de Actividades de Ocupação - Tr. Maceda Centro de Atendimento Integrado Centro de Reabilitação de Paralisia Cerebral do Porto Empresa de Inserção Social "Cor d'Água - grafismo e multimédia" Observatório Local para a Formação Profissional e Emprego



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Maria Manuela Santos/Sandra Cristina Felgueiras Maria +351225573790 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


ANJE - Associação Nacional de Jovens Empresários

(-)
Casa do Farol, Rua Paulo da Gama
-
P-4169-006-PORTO Porto

Tel:+351220108000
Fax:220108010
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE PORTO
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

A Associação Nacional de Jovens Empresários, constituída em 1986, é uma Associação de Direito Privado e de Utilidade Pública que tem como principal objectivo promover a reunião dos jovens empresários portugueses com vista á satisfação dos seus interesses específicos, nomeadamente nas vertentes da formação e informação empresariais. A ANJE representando cerca de 3000 associados dos vários sectores da actividade económica, é uma Associação Nacional verdadeiramente regionalizada com núcleos regionais em todas as regiões do continente português e das regiões autónomas da Madeira e dos Açores, detendo ainda delegações de base distrital e uma delegação permanente em Bruxelas. A ANJE dedica-se á área da Educação, Qualificação e Formação Profissional de jovens empreendedores e quadros de empresas preparando-os para as exigências de acesso á função e desenvolvimento da actividade empresarial. Desenvolve ainda uma intensa actividade ao nível do comércio externo e relações internacionais.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
João Manuel Machado Faria de Abreu João +351220108000 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Instituto de Engenharia Electrónica e Telemática de Aveiro

(-)
Campo Universitário
-
P-3810-193-AVEIRO Aveiro

Tel:+351234370500
Fax:234370545
Email:-

 
Responsibility in the DP: Monitoring, data collection
Type of organisation:University / Research organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:BAIXO VOUGA
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

O exercício da actividade de investigação cientifica disciplinar. A prestação de serviços no campo da inovação tecnológica decorrente de actividades de investigação. A realização de acções de formação permanentes. A colaboração no âmbito atrás referido, com organismos, empresas, instituições particulares de solidariedade social e pré-universitárias. Desenvolvimento de vários projectos ligados á área da deficiência e também idosos.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Fernanda Maria Romão/Anabela Nordeste Mouro Fernanda +351234370500 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Junta de Freguesia de Ramalde

(-)
Rua da Igreja de Ramalde 76-92
-
P-4100-280-PORTO Porto

Tel:+351226165690
Fax:226102774
Email:

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE PORTO
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

Autarquia local que tem por missão a prossecução dos interesses da população no respectivo território e intervêm na área da acção social, educação, desporto e cultura.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Ana Maria Teixeira Carvalho Ana +351226165690 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

PODER - PROMOVER ORGANIZADAMENTE O DESENVOLVIMENTO DO EMPREGO

Rationale

Text available in

A Associação Portuguesa de Paralisia Cerebral - Núcleo Regional do Norte é uma instituição particular de solidariedade social que tem como principal objectivo a integração da pessoa com deficiência em geral e da pessoa com Paralisia Cerebral em particular. As pessoas com Paralisia Cerebral têm uma perturbação do controlo de postura e movimento, como consequência de uma lesão que atinge o cérebro em período de desenvolvimento. Não há dois casos semelhantes. Algumas pessoas têm perturbações ligeiras, quase imperceptíveis que as tornam desajeitadas a andar, falar ou usar as mãos. Outras são gravemente afectadas com incapacidade motora grave, impossibilidade de andar e falar, sendo dependentes das actividades de vida diária. Entre estes dois extremos existem os casos mais variados. De acordo com a localização das lesões e áreas do cérebro afectadas, as manifestações podem ser diferentes. Aproximadamente 38 milhões de pessoas, ou seja um em cada dez europeus de todas as idades, são portadores de uma deficiência. Em toda a União Europeia, as pessoas com deficiência enfrentam obstáculos de vária ordem, não apenas para conseguir e manter um emprego, mas também para encontrar transportes acessíveis, aceder fisicamente a edifícios e outros locais ou á educação e á formação necessárias ao exercício de uma actividade profissional. Todos estes factores obstam frequentemente a uma participação plena deste grupo de cidadãos na sociedade e no mundo do trabalho. As pessoas com deficiência têm menos probabilidades de ter um emprego ou gerir uma empresa do que as pessoas que não sofrem de qualquer deficiência. Segundo estatísticas (Painel Europeu dos Agregados Familiares), entre os 16-64 anos, a probabilidade de ter um emprego ou uma empresa é de 66%, taxa que diminui para 47% no caso de os indivíduos terem uma deficiência ligeira e para 25% no caso de deficiências graves. A questão do emprego e do exercício de uma profissão possui, porém um carácter estratégico, dados os seus efeitos estruturantes. Nas nossas sociedades, a relação com o trabalho significa de forma geral ter acesso a um rendimento, a direitos sociais, a um estatuto, a uma rede de relações e a uma identidade. A perda ou a inexistência dessa relação significa também muitas vezes, a perda de autonomia económica, a diluição de laços sociais e familiares e alterações na personalidade e nas capacidades não apenas profissionais, mas também pessoais e sociais. Segundo o Plano Nacional de Emprego alguns grupos sociais manifestam dificuldade no acesso ao mercado de trabalho, nomeadamente as pessoas com deficiência, cuja integração social se encontra fragilizada em resultados de pobreza, discriminação ou marginalidade social. Não obstante o esforço desenvolvido nos últimos anos para melhorar a integração socio-profissional das pessoas com deficiência como refere o Plano Nacional de Emprego, muito há a fazer na promoção da igualdade, relativamente á empregabilidade desta população. O Plano Nacional de Acção para a Inclusão também refere que as pessoas com deficiência se encontram entre as categorias mais vulneráveis é exclusão social em Portugal. Ainda segundo o PNAI as pessoas com deficiência estarão mesmo em refluxo, quanto ao número dos que são excluídos em função da deficiência. Actualmente a situação relativa á integração das pessoas com deficiência no mercado de trabalho é caracterizada principalmente por: ·Apesar de no ano de 2000 e segundo o Plano Nacional de Emprego, o emprego continuar a crescer a ritmo elevado (1,7%), a taxa de emprego da população com deficiência afasta-se significativamente dos valores médios. ·Legislação (Dec-Lei nº 29/2001 de 03/02), que contempla a obrigatoriedade nos concursos externos á Função Pública em que o número de lugares postos a concurso seja igual ou superior a 10, é fixada uma quota de 5% do total de número de lugares a preencher por pessoas com deficiência. Contactado o Secretariado Nacional de Reabilitação e Integração das Pessoas com Deficiência, no sentido de saber se a aplicabilidade da lei está a ser realizada, podemos concluir que neste momento existe uma ausência de controlo relativo ao cumprimento da lei, juntamente com a ausência de estatísticas fiáveis que permitam medir o grau de executabilidade da mesma. ·Fraca percentagem (10%) de pessoas com Paralisia Cerebral inseridas em cursos de Formação Profissional que funcionam em Portugal desde 1985 e são ministrados pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional. ·Os cursos de formação específicos da área da deficiência não têm muitas vezes em conta as limitações motoras da Paralisia Cerebral. ·Alguns dados estatísticos da APPC - Núcleo Regional do Norte: Pessoas com Paralisia Cerebral á espera de formação - 240 Pessoas com Paralisia Cerebral em Formação Profissional - 15 Pessoas com Paralisia Cerebral em casa - 40 Pessoas com Paralisia Cerebral empregados - 27 Por tudo isto e apesar de todo o trabalho já efectuado por esta instituição ao nível da Formação Profissional e da colocação em mercado de trabalho, resulta ainda inevitavelmente apurar um sucesso muito aquém do desejável. A integração profissional da pessoa com deficiência, embora seja um princípio de inegável relevância democrática consagrada na Constituição da República Portuguesa encontra na prática uma série de obstáculos. Tomando em consideração todos os aspectos referidos anteriormente, pretendemos com este projecto criar uma estrutura de apoio ao emprego para pessoas com deficiência. As directrizes para as políticas de emprego sublinham que a criação de empresas e o crescimento da PME's, fornecem o principal terreno de desenvolvimento de novos empregos. È possível através da criação desta estrutura , encontrar formas de gerir, criar instrumentos e estratégias, no sentido de superar alguns dos problemas existentes no acesso ao mercado de trabalho da pessoa com deficiência Espera-se com este projecto garantir mais e melhor emprego ajudando as pessoas com deficiência a diversificar a sua imagem perante o todo social, como profissional competente realçando as suas qualidades com o objectivo de combater a associação mecânica entre deficiência e incapacidade para trabalhar. Vai contribuir ainda para a elevação da consciência social dos empregadores e mais agentes sociais e económicos.

dot Top


Objective

Text available in

Pretende-se com este projecto a criação de uma estrutura de desenvolvimento local que terá como finalidade actuar ao nível do apoio sócio-laboral das pessoas com deficiência. Funcionando como "mediador", em diferentes dimensões, entre o "mercado" e as empresas/organizações de pessoas com deficiência e/ou trabalhadores com deficiência é uma estrutura baseada no conceito de "empowerment" que fornecerá as ferramentas e as estratégias necessárias para que as pessoas com deficiência tracem o seu próprio caminho em relação á sua intervenção e criação de emprego, podendo simultaneamente proporcionar "serviços" a estes últimos no caso da concretização do seu projecto. 1.Criação de Negócios Informação Identificação das áreas de negócio Implementação Constituição Recursos Plano Financeiro Desenvolvimento Marketing Contabilidade Angariação de Clientes 2.Formação Contínua, Aperfeiçoamento e reciclagem Planos de Formação Formação/Internet Formação á Distância Criação de Novas Metodologias Criação de Novas Ferramentas 3. Informação e Sensibilização

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics