IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 MARTE - Modelo de Apoio à Reconversão de Mulheres Desempregadas do Sector Têxtil ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : CILAN - Centro de Formação Profissional da Indústria de Lanifícios
Other national partners : AECBP - ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DA COVILHÃ BELMONTE E PENAMACOR
Global Change - Consultores Internacionais Associados Lda
Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P.
SINDICATO DOS TRABALHADORES DO SECTOR TEXTIL DA BEIRA BAIXA
Universidade da Beira Interior
EQUAL theme :Employability - (Re-)integration to the labour market 
Type of DP :Sectoral - Industrial 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2004-049 
Application phase :Approved for action 2 
Selection date :28-03-2005 
Last update :11-03-2008 
Monitoring: 2005  2006   

Rationale

Text available in

- Strong institucional density. In Covilhã the main institutions of promotion to the economy are represented; Covilhã makes has an university, employment center, hospital center, science and technology park, 2 industrial parks, Social Security, 1 technological center, 2 training centers, 3 enterprise associations, NGOs. The common action of the different development actors will contribute to a significant reduction of the unemployment situations. The creation of job generated by public investment and the consequent attraction of more qualified and younger population, generates new opportunities for proximity services that could be generating jobs for the unemployed women. The existence of know-how to at the level of the training centers and university (inquiry and development of innovative methods) propitiates the development of insertion pilot experiences that value acquired competences and life experiences and fosters the creation of individual training paths and job creation. The increasing aging population the creation of supporting structures in the region draws potential chances of job creation; The increasing tourist activity in the region is a chance for the creation of support services to the tourism industry and the promotion of regional artisan products; The increasing concern and regulation in environmental issues also provides chances of job creation for women; The existence of enterprise support infrastructures endowed with technological modern (broad band, advanced systems of telecommunications), harnesses the installation of call center services that are figured as chances of job creation; , - Since December 2002 till January 2003 the number of unemployed woman aging between 45 and 54 years has doubled and became the largest group in the Cova da Beira region; In gender terms, analysing the group between 45 and 54 years old, in both cases there is a larger number of female unemployed people. This number has doubled in 2003. In all age groups female unemployment is the larger share; Most unemployed woman (40%) has as minimum and maximum qualification, respectively, 4 and 6 years of elementary school. This means that these women did not arrived at secondary education and had no technological training as also they have not concluded elementary school. 60% of unemployed woman searching for a new job worked previously in industry. Most of these worked in textile (21%) or clothing companies (20%). Existing training models for these unemployed women do not consider individual training and learning paths and do not take into account the initial low skills, personal aspirations and low motivation and self-esteem; Inexistence of social and professional insertion models that consider the recognition and the valuation of competencies acquired by unemployed women from textile sector in informal contexts and at work; that allow the common development of individual learning plans (based in “Bilan de competences”), fostering the empowerment and autonomy and contributing to the creation of self-employment initiatives. There is a higher job offer in the professions traditionally exerted by men. There is an absence of mechanisms of follow-up mechanisms for reconversion processes and professional insertion. Short record of experiences that resulted in professional insertion of unemployed woman. Social and psychological barriers to employability and entrepreneurship of unemployed woman.

dot Top


Objective

Text available in

The MARTE project aims to: 1. To develop an individual training and social-professional path and intervention model that enables and eases the social and professional integration of unemployed woman from textile and clothing industries older than 35 years. 2. To develop a methodology for the recognition of prior competencies acquired in informal contexts or in working situations in textile of clothing factories; 3. To develop individual learning and training paths for unemployed women older than 35 according to their special needs, competencies, life plans, aspirations and motivation, aiming to foster the creation of self-employment initiatives; 4. To develop adapted training curricula and training materials to be used with the target group; 5. To develop a model and instruments to be used by training centres aiming to support small entrepreneurial initiatives from unemployed woman (enterprises and cooperatives). The methodology to develop estimates the professional orientation of 30 unemployed women from the textile sector with 35 years of age based in methods as the “bilan des competences”. It is based in a voluntary attitude of the person and it’s an active, personalized and complex process where there is an articulation of the personal dimensions and socio-professional dimensions. In this intervention we have into account the adaptation and uniqueness of the process of each person. It is a process of self-valuation aiming a better future. Based on the results of the “Bilan des Competences”, individual learning paths are developed.

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Guidance, counselling **
Integrated measures (pathway to integration) ***
Employment creation and support ****

Type of innovation Rating
Process-oriented ****
Goal-oriented **
Context oriented ****

dot Top


Budget Action 2

250 000 – 500 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  100.0%  0.0% 
Employed  0.0%  0.0% 
Others (without status, social beneficiaries...)  0.0%  0.0% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  0.0%  0.0% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  100.0%  0.0% 
  100.0%
 
Physical Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  100.0%  0.0% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  100.0%  0.0% 
  100.0% 
 
< 25 year  0.0%  0.0% 
25 - 50 year  100.0%  0.0% 
> 50 year  0.0%  0.0% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Unemployment ****

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Developing collective responsibility and capacity for action
Participation in the project design
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.1%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
3792 MASTRA - More adequate strategies to re-insert adults in labour market ES ES20040468
IT IT-G2-CAL-075

dot Top


Background

 

N.C.

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
CILAN - Centro de Formação Profissional da Indústria de Lanifícios Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
AECBP - ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DA COVILHÃ BELMONTE E PENAMACOR
Global Change - Consultores Internacionais Associados Lda
Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P.
SINDICATO DOS TRABALHADORES DO SECTOR TEXTIL DA BEIRA BAIXA
Universidade da Beira Interior

dot Top


Agreement Summary

Text available in

Resumo do Acordo de PD Os parceiros acordam: 1. Objectivos comuns 1.1 Desenvolver em conjunto o projecto acima referenciado, cujo diagnóstico, objectivos, actividades, resultados e processo de avaliação, e plano de financiamento se descrevem no formulário de candidatura à acção 2. 2. Estruturas e processo de funcionamento da Parceria 2.1 Criar à partida as seguintes estruturas de gestão e funcionamento: A estrutura de funcionamento da parceria passa pela definição de várias equipas em que estão representadas as entidades parceiras, a saber: 1. Conselho de Parceiros – O Conselho de Parceiros é o órgão máximo da parceria onde estão representados todas as entidades parceiras. O Conselho de Parceiros: -é responsável pela definição e revisão dos objectivos do projecto; -valida as decisões da equipa de projecto sobre as alterações às acções em curso ou sobre a realização de novas acções; -acompanha e controla as acções da equipa de projecto; -decide sobre a necessidade de recursos técnicos e financeiros de apoio ao projecto e sobre a forma de obtenção dos recursos; -decide sobre a integração de outras entidades como parceiras com base na contribuição que podem trazer à parceria e à concretização dos objectivos do projecto. Reuniões: O Conselho de Parceiros reúne de forma ordinária uma vez por mês. -2. Equipa de Projecto – É constituída por representantes das parceiras envolvidas numa determinada acção (ou actividade). Toma decisões operacionais sobre alterações às acções em curso ou sobre a realização de novas acções a propor ao Conselho de Parceiros. Reuniões: A Equipa de projecto reúne com o Gestor de Projecto e sempre que seja necessário. 3. Gestor de Projecto - O gestor de projecto é o dinamizador da parceria. As suas principais atribuições são a definição e clarificação da abrangência do projecto, a aquisição de recursos para a prossecução dos objectivos e a dinamização dos decisores e grupos de trabalho para assegurar continuamente o seu empenho. O Gestor de projecto representa uma das entidades parceiras (CILAN). 2.2 Implementar o seguinte processo de tomada decisão (destacar nomeadamente processos de dos parceiros, mecanismos que promovam a igualdade de género, etc.): As decisões do Conselho de Parceiros são tomadas de acordo com o voto da maioria dos parceiros representados. O voto dos parceiros é igualitário. A fim de reforçar a capacidade de intervenção das entidades parceiras e dos seus técnicos, serão realizados workshops temáticos relacionados com a problemática do projecto. No início da acção 2 serão realizados 2 exercícios de prospectiva estratégica que envolverão todos os técnicos do projecto. Estes exercícios têm como objectivo estruturar a reflexão dos técnicos das entidades em torno das variáveis que condicionam o sistema em análise e reflectir sobre as estratégias dos actores para a concretização dos objectivos propostos pelo MARTE no território definido. Será implementada uma metodologia de avaliação de projectos focalizada no processo de gestão do projecto a fim de permitir o auto desenvolvimento das equipas. Este tipo de avaliação tem carácter de reflexão permanente e leva a uma incorporação constante dos resultados nas etapas seguintes garantindo a contínua melhoria da qualidade. A vertente do empowerment das equipas de projecto será feita através da utilização de instrumentos que lhes permitem traçar um quadro de navegação à vista para o projecto por um lado, e pelo acompanhamento que assume um carácter de facilitação. Esta inter-actuação entre as duas componentes tem a vantagem de aumentar a eficácia da utilização dos instrumentos, melhorar a integração das equipas de projecto nos aspectos da avaliação formativa e fomentar sinergias, em suma tirar partido das vantagens inerentes a cada uma das componentes multiplicando os seus efeitos. A fim de promover a igualdade de género, serão desenvolvidas acções de sensibilização dos técnicos do projecto para esta temática tendo por conteúdo a discussão de estereótipos de género e a forma como estes afectam o projecto MARTE. 2.3 Assegurar a transparência da informação interna relativa ao projecto e à parceria, que será disponibilizada a todos os parceiros da seguinte forma ( ex. recurso às TIC...): A comunicação entre os parceiros será feita através das reuniões de trabalho (presenciais ou virtuais). A informação relativa ao projecto e à parceria (actas, relatórios, documentos técnicos, fóruns de discussão, etc). será disponibilizada na plataforma colaborativa já disponibilizada aos parceiros na acção 1 do projecto MARTE (http://marte.globalchange.pt). A fim de assegurar que a difusão pública dos resultados do projecto, finais ou provisórios, só será efectuada após anuência dos parceiros envolvidos na sua concepção, os parceiros concordam que qualquer difusão pública de resultados do projecto deverá ser sujeita a aprovação prévia do conselho de parceiros. 2.4 Assegurar que a difusão pública dos resultados do projecto, finais ou provisórios, só será efectuada após anuência do(s) parceiro(s) envolvido(s) na sua concepção. 3. Recursos técnicos 3.1 Assegurar estabilidade nos recursos técnicos afectos ao projecto. 4. Ajustamento da parceria 4.1 Proceder ao ajustamento da parceria, à saída ou entrada de novos parceiros, ou eventual revisão deste Acordo, nomeadamente se a avaliação do projecto o indicar como necessário.

Last update: 11-03-2008 dot Top


CILAN - Centro de Formação Profissional da Indústria de Lanifícios

(CILAN)
Rua Dr. Júlio Maria da Costa, nº25
-
P-6200-130-COVILHÃ Covilhã

Tel:+351275320300
Fax:275320309
Email:cilan@cilan.pt

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Type of organisation:Education / training organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:COVA DA BEIRA
Date of joining / leaving:27-04-2004 /

Text available in

O Centro de Formação Profissional para a Indústria de Lanifícios - CILAN, foi criado por protocolo entre o Instituto de Emprego e Formação Profissional e a Associação Nacional dos Industriais de Lanifícios, sob a homologação da Portaria Nº 317/93 de 18 de Março, ao abrigo do disposto no artigo 2º, alínea b), do decreto lei Nº 165/85, de 16 de Maio. O CILAN é um organismo dotado de personalidade jurídica, de Direito Público, sem fins lucrativos, com autonomia financeira e património próprio. Desde a data da sua criação, o CILAN tem vindo a desempenhar um papel importante na dinamização da Indústria de Lanifícios, pela via da formação profissional, nas suas diversas modalidades. A Indústria dos Lanifícios e a Indústria Têxtil têm e vão continuar a ter uma especial relevância na vida económica e social do país, à semelhança aliás do que ocorre nos restantes países da Comunidade Europeia, sobretudo pelo elevado peso no domínio do emprego dentro e fora do sector. O CILAN também apoia as empresas na sua formação específica, realizando acções de formação dirigidas ao seu pessoal, suprindo as carências de Mão-de-obra que sentem a vários níveis, bem como ajudando-as no seu desenvolvimento e modernização. Dentro da área da sua actuação e de acordo com o equipamento existente, este centro está capacitado para prestar serviços à indústria.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Maria João Pratas e Sousa Amado de Almeida Garrett Maria +351275320300 mjgarrett@cilan.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


AECBP - ASSOCIAÇÃO EMPRESARIAL DA COVILHÃ BELMONTE E PENAMACOR

(AECBP)
LARGO SRª DO ROSÁRIO, 7
-
P-6200-190-COVILHÃ Covilhã
-

Tel:+351275322722
Fax:275322750
Email:geral@aecbp.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Employers' organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:COVA DA BEIRA
Date of joining / leaving:21-09-2007 /

Text available in

A AECBP tem a sua área de intervenção nas regiões da Cova da Beira e Beira Interior, nomeadamente nos concelhos da Covilhã, de Belmonte e de Penamacor. A AECBP actua em três vertentes distintas, uma essencialmente associativa, uma vez que representa um determinado número de associados, outra com, uma orientação regional, já que o desempenho positivo dos nossos associados prende-se directamente com a performance da Região na qual se inserem, e por último a vertente sectorial, uma vez que se reconhece a diferenciação entre sectores da actividade empresarial e tendo em conta a sua especificidade actuar de acordo com o conhecimento e especialização da instituição. No caso particular da AECBP, pela sua origem e pela experiência adquirida o comércio representa o sector dominante. Os objectivos da AECBP são: - promover e reforçar o apoio à actividade empresarial da região, permitindo o acesso à informação e formação nas vertentes de promoção da organização, qualidade, produtividade, competitividade e internacionalização; - representar a actividade empresarial e as empresas da região, proporcionando a todos os sectores de actividade territorialmente integrados num meio complementar de defesa dos interesses específicos da região em que se inserem; - dotar a região de infra-estruturas que fomentem a iniciativa empresarial e o espírito de competitividade; - Proceder ao levantamento e à identificação actualizada e permanente das potencialidades e ou possíveis estrangulamentos da região.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Miguel José Jesus Lopes Bernardo Miguel +351275322722 direccao@aecbp.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


Global Change - Consultores Internacionais Associados Lda

(GLOBAL CHANGE)
Avenida Infante D. Henrique Edificio Lisboa - Oriente nº 333 H 2º escrit 24
-
P-1800-297-LISBOA Lisboa

Tel:+351218521257
Fax:218521259
Email:office@globalchange.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Structure created to manage the DP
Legal status:Private
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:27-04-2004 /

Text available in

A GLOBAL CHANGE - Consultores Internacionais Associados, Lda. é uma empresa de consultoria que foi criada pela associação de um grupo de consultores que desenvolvem a sua actividade há mais de 18 anos em Portugal e no estrangeiro. A GC oferece soluções totais e integradas de consultoria de melhoria de processos, fusões e aquisições e implementação das mudanças, formação para mudar comportamentos dos colaboradores e aumentar a eficiência dos processos. No âmbito da sua actividade de I&D, a GC desenvolve ainda projectos de investigação e avaliação nas seguintes áreas: - Melhoria da Performance; - Inovação de Processos; - Responsabilidade Social; - Desenvolvimento Regional; - Desenvolvimento de PME's; - Gestão do Conhecimento; - Desenvolvimento Social A GC tem desenvolvido projectos nas áreas de formação de Agentes de Desenvolvimento Social e preparação de técnicos que lidam directamente com populações desfavorecidas. A GC, esteve na génese do projecto "Desenvolvimento Integrado com Base em Parcerias Locais" do qual foi entidade gestora e que originou a Plataforma Integrada de Desenvolvimento da Amadora, na qual participa. É parceira responsável pela avaliação do projecto EQUAL ReADAPT - Rede para o Desenvolvimento Económico e Social do Concelho da Covilhã, e o "Think Tank" para o desenvolvimento da Beira Interior. Nesta região está a desenvolver um estudo prospectivo de sectores e actividades emergentes na Cova da Beira, financiado pelo POEFDS. Para além de entidade parceira e/ou subcontratada na área da avaliação, a GC tem desenvolvido projectos de I&D co-financiados pelo Governo Português e pela Comissão Europeia no âmbito dos programas POEFDS, Leonardo Da Vinci, Artigo 6º, Innovation, EQUAL entre outros.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Pedro Miguel Mendes das Neves Pedro +351218521257 pdasneves@globalchange.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P.

(IEFP - CE)
Av. José Malhoa, nº 11
-
P-1099-018-LISBOA Lisboa

Tel:+351218614100
Fax:217227013
Email:iefp.info@iefp.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Employment services
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:28-03-2005 /

Text available in

Promover e executar as políticas de emprego, tendo em vista a procura do pleno emprego, através da colocação directa, informação e orientação profissional de jovens e adultos e encaminhamento para os diversos programas de emprego e formação. Apoiar a criação do próprio emprego e apoiar a criação de novos postos de trabalho, assim como informar e orientar no âmbito da reabilitação profissional.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Mª do Céu Mendes / Sandra Jesus +351275330460 sandra.jesus.drc@iefp.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


SINDICATO DOS TRABALHADORES DO SECTOR TEXTIL DA BEIRA BAIXA

(STTB)
R AZEDO GNECO, Nº 24
-
P-6200-051-COVILHÃ Covilhã
-

Tel:+351275322082
Fax:275322082
Email:

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Trade Union
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:COVA DA BEIRA
Date of joining / leaving:21-09-2007 /

Text available in

Não se conhece com exactidão a data de constituição daquele que veio dar origem ao actual Sindicato dos Trabalhadores do Sector Têxtil da Beira Baixa. No entanto, o mesmo surge na sequência da Associação de Classe dos Operários de Lanifícios (constituída no inicio do século XX) que mais tarde acabou por transformar-se em Sindicato Nacional do Pessoal da Industria de Lanifícios do Distrito de Castelo Branco. Após o 25 de Abril de 1975 – com a publicação da Lei Sindical – o sindicato procedeu à alteração dos estatutos para os adequar à nova Lei sindical, passando a denominar-se Sindicato dos Trabalhadores do Sector Têxtil da Beira Baixa (STSTBB). Missão e Objectivos A principal razão de “Ser” do Sindicato dos Trabalhadores do Sector Têxtil da Beira Baixa reside na defesa e promoção dos interesses individuais e colectivos dos seus associados. O cenário que se avizinha é bastante constrangedor. O contexto internacional obriga-nos a consciencializar que este rol de empresas, do sector têxtil e vestuário, que tem vindo a encerrar as suas portas não têm como origem uma pequena crise conjuntural e perfeitamente delimitada no tempo. Urge, portanto, tomar medidas capazes de, por um lado “cimentar” as qualificações técnicas nas actividades deste sector que, de uma forma ou de outra, possam vir a sobreviver a este cenário nefasto que se aproxima e, por outro lado, minorar os efeitos negativos que, o mais provável, acréscimo de excedentes de trabalhadores sem actividade profissional possa acarretar no tecido social desta região, encetando acções que possam traduzir numa reconversão útil de toda esta mão-de-obra que, de outra forma, deixará de fer razões de existir.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Luís Pereira Garra Luís +351275322082 ststbb@mail.telepac.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


Universidade da Beira Interior

(UBI)
Rua Marquês d'Ávila e Bolama
-
P-6200-001-COVILHÃ Covilhã

Tel:+351275319736
Fax:275329109
Email:gaapi@ubi.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:University / Research organisation
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:COVA DA BEIRA
Date of joining / leaving:28-04-2004 /

Text available in

A UBI - Universidade da Beira Interior é uma instituição de ensino universitário que engloba um conjunto de Licenciaturas que se estendem pelas mais variadas áreas do conhecimento. O ensino ministrado passa também pela investigação efectuada nos diversos departamentos. A UBI é reconhecidamente, uma das instituições nacionais de maior renome no ensino superior. Tal resulta também de uma política que incentiva a investigação cientifica em diversos domínios do conhecimento e em conjugação, quer com instituições governamentais, quer com associações, quer ainda com empresas e centros tecnológicos. A UBI tem um papel activo na formação de técnicos superiores para industria têxtil e do vestuário, sendo uma das poucas universidades que, dada a sua localização numa região tradicionalmente ligada ao sector têxtil, apostou na formação superior nesta área do conhecimento. A UBI tem vindo a desenvolver diversos projectos que conjugam as questões da indústria têxtil com a moda, química e ambiente, mostrando-se activa e pioneira na investigação direccionada para as questões de maior relevância estratégica para a ITV. É comprovadamente um instituiçãoo que continua a demonstrar capacidade de intervenção na investigação de soluções no desenvolvimento de novos produtos têxteis e de melhores processos de design, dispondo para tal de um dos melhores corpos técnicos no sector da ITV e na ligação ITV/ambiente.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Simões, Maria João - Docente do Departamento de Sociologia Simões, +351275319622 mariajoaosimoes@sapo.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

MARTE - MODELO DE APOIO A RECONVERSAO DE MULHERES DESEMPREGADAS DO SECTOR TEXTIL

Rationale

Text available in

- 1. Forte densidade institucional. Na Covilhã estão representados as principais instituições de fomento à economia; o concelho da Covilhã dispõe de uma universidade, centro de emprego, centro hospitalar, parque de ciência e tecnologia, 2 parques industriais, CRSS, S. C. Misericórdia, 1 centro tecnológico, 2 centros de formação protocolares, 3 associações empresariais, associações de desenvolvimento rural, associações de desenvolvimento social. A articulação das valências dos actores poderá contribuir de forma significativa para a diminuição das situações de desemprego. 2. A criação de emprego gerado por investimento público e a consequente atracção de uma população mais jovem e mais qualificada, nomeadamente na criação do curso de medicina na UBI, na criação do Parkurbis - Parque de Ciência e Tecnologia, gera oportunidades de prestação de serviços de proximidade que poderão ser geradores de emprego para as mulheres desempregadas. 3.A existência de know-how ao nível da formação (centros de formação) e da universidade (investigação e desenvolv de métodos inovadores) propiciam o desenvolv de experiências-piloto de inserção socio-profissional que valorizem a experiência e competências adquiridas e fomentem a formação individualizada e a criação do auto-emprego. É de realçar a experiência dos parceiros em projectos de reconversão profissional e de trabalho em equipa que querem avançar na área do acompanhamento individualizado não só ao nível da reconversão prof como da inserção profissional. 4.O crescente envelhecimento populacional e a criação de estruturas de apoio domiciliário na região desenham potenciais oportunidades de emprego; 5.A crescente actividade turística da região e o aumento das unidades hoteleiras, são uma oportunidade para a criação de serviços de apoio ao turismo e à promoção dos produtos artesanais regionais; 6. A crescente preocupação e regulamentação em matérias ambientais proporciona também nesta região oport. de criação de emprego de mulheres, - 1.Aumento do desemprego de mulheres. De Dezembro de 2002 a Janeiro de 2003 os desempregados cuja faixa etária está entre os 45 e os 54 anos passa para mais do dobro e torna-se o grupo com mais peso no desemprego total da Cova da Beira; Existe uma preponderância de desemprego feminino, reforçada no início de 2003 por um aumento dos valores para cerca do dobro. Nos restantes grupos etários é também o desemprego feminino que impera. 3. A maior parte dos desempregados (40%) tem com habilitação mínima e máxima, respectivamente, o quarto e o sexo anos de escolaridade. Isto significa que estes desempregados não só não chegaram ao ensino secundário onde se iniciam os cursos tecnológicos, como também não concluíram a escolaridade obrigatória. 4. Fazendo uma análise dos sectores donde provêm os desempregados registados conclui-se que cerca de 60% dos desempregados à procura de novo emprego trabalhou previamente no sector Indústria. A maior parte dos desempregados exerceram a sua profissão nas Indústrias do Vestuário, Fabricação Têxtil. No final do ano de 2003 estas actividades representam, respectivamente, 21, 20% da proveniência do desemprego. 5. Desadequação dos modelos formativos disponíveis pela inexistência de percursos individuais de formação que tenham em conta as baixas qualificações, aspirações pessoais, motivações e capacidades das mulheres com maiores dificuldades de inserção no mercado de emprego; 6. Inexistência de modelos de inserção socio-profissional que permitam o reconhecimento e a valorização das competências adquiridas pelas mulheres do sector têxtil em contextos informais e de trabalho, que permitam o desenvolvimento comum de planos individuais de aprendizagem (com base em balanços de competências) e fomentem a autonomia, a colaboração e o empreendimento cooperativo para a criação do auto-emprego. 7. A percentagem mais elevada na oferta de emprego nas profissões tradicionalmente exercidas por homens, campo onde é necessário vencer estereótipos.

dot Top


Objective

Text available in

Promovido por uma parceria de desenvolvimento constituída pelo CILAN, Universidade da Beira Interior, Associação Empresarial da Covilhã, Belmonte e Penamacor, Centro de Emprego da Covilhã, Sindicato dos Trabalhadores Têxteis da Beira Baixa e GLOBAL CHANGE Consultores, o projecto MARTE visa responder aos problemas de desemprego gerados pelo encerramento de empresas têxteis e de confecções da região e tem como objectivos: - Criar uma metodologia de percursos individualizados e diferenciados de formação e inserção socioprofissional dirigida a mulheres desempregadas oriundas dos sectores têxtil e do vestuário. - Desenvolver uma metodologia de reconhecimento de competências adquiridas em contextos informais e de trabalho nos sectores têxteis e de vestuário - Desenvolver percursos individualizados de aprendizagem e formação com o objectivo de fomentar a criação do próprio emprego de mulheres desempregadas. - Desenvolver currículos formativos e recursos pedagógicos adaptados às necessidades de desenvolvimento de competências das mulheres - Desenvolver um modelo de actuação e instrumentos de fomento e apoio a iniciativas de criação de emprego que possam ser usadas pelos Centros de Formação. A metodologia a desenvolver pressupõe a orientação profissional de 30 mulheres com mais de 35 anos de idade com base no balanço de competências. Assenta numa atitude voluntária da pessoa e é um processo activo, personalizado e complexo, no qual se articulam as dimensões pessoais e sócio-profissionais das mulheres com o diagnóstico às oportunidades de negócio. Nesta intervenção tem-se em conta a adaptação e individualização do processo a cada sujeito, além de ser um processo de valorização de si próprio, que visa um melhor futuro profissional e pessoal. Os objectivos estabelecidos ao longo do processo de balanço de competências vão sendo adequados ao indivíduo e à fase do processo. Em função dos resultados do balanço de competências serão definidos os planos individualizados de aprendizagem e formação que resultarão num processo de desenvolvimento de competências com vista à obtenção de emprego ou à constituição do próprio emprego. A formação organizar-se-á tendo em consideração as condições de partida (características e capacidades da pessoa) e as condições de chegada (características exigidas pelo mercado de trabalho). Será valorizada uma intervenção transdisciplinar onde se conjuga a dimensão do acompanhamento psicológico (desenvolvimento de competências emocionais) com o acompanhamento feito por sociólogos e psicólogos no sentido da inserção profissional das mulheres envolvidas. Os outputs previstos do projecto são um package de produtos e uma narrativa da prática destinada a técnicos e dirigentes de centros de formação profissional, técnicos de orientação e técnicos de associações empresariais

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics