IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 Redes ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : A.D.E. - Associação para o Desenvolvimento e Emprego no Concelho de Vila Franca
Other national partners : AERLIS - Associação Empresarial da Região de Lisboa
ANIMAR - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local
Agrupamento de Escolas de Vialonga
Associação dos Africanos do Concelho de Vila Franca de Xira
EGOR Management e Formação - Consultores para o Desenvolvimento Pessoal e Organi
Município de Vila Franca de Xira
EQUAL theme :Employability - (Re-)integration to the labour market 
Type of DP :Geographical - Urban area - LISBOA E VALE DO TEJO 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2004-038 
Application phase :Approved for action 2 
Selection date :02-08-2005 
Last update :11-03-2008 
Monitoring: 2005  2006   

Rationale

Text available in

- The presence of organizations which are experienced in developing training activities and others, oriented for economic integration, and which are profoundly familiar with the territory and its formal and informal networks; The existence of alternative scholar trajectories organization and definition, already experimented in previous projects at primary education levels, with great success as regards learning and skill achieving by students, which should be developed and upgraded, especially as regards further intervention and evaluation in more advanced education levels; The presence in the territory of a network constituted by organizations, both public and private, profit and non profit, with a significant background as regards cooperation and commitment to former projects oriented for training, counselling and social/economic inclusion of unemployed adults (namely since Project "Viver o Bairro" - 1997); There are adult education and adult training courses already functioning in the territory; The organizations involved in the partnership have, for a decade, accumulated an important experience, knowledge and partnership culture working on the most critical areas of the municipal territory (namely the "social neighbourhoods" in the southern area); The possibility of mobilizing, through partnership work, different organizations with particular approaches to training models and to social inclusion through job insertion, so allowing the articulation of these approaches and the joint definition of innovative models and methodologies which may overcome the less effective aspects of each; The partnership includes two economic associations capable of mobilizing the local economic agents, as also AERLIS (Lisbon Entrepreneurial Association); Local municipalities and other local public organisms with strong tradition leading projects and promoting policies oriented to social inclusion; The evident possibility of articulating different projects and different specific measures oriented to social-economically undeveloped territories., - Difficulty of professional integration among the young people who concludes the basic degree of school and does not intents to proceed with the studies, mainly through alternative or professional ways;Lack of knowledge and information among the young people about the opportunities and diversity of employment local offers, as well as lack of professional culture and necessary competences towards a successful integration in the labour market;Double discrimination among the young and unemployed people who possesses low qualifications, when the ethnic dimension is associated to them;Unadaptation between the formative trajectory and the needs of local enterprises;Lack of investment in monitoring and inclusion post-training systems that considers each case as a specific one in order to prevent regression situations;Workers that benefits of supported employment and possesses deficits in areas such as relational competences, reading, writing, mathematics and communication and information technologies, and has no access to monitoring and formative support;Lack of linkage, at local level, between school community, enterprises, public institutions and the third sector;Lack of incitement of vulnerable groups insertion and its advantages among the entities not sensible to this problematic;Necessity to formalise, develop and recognize an enterprises' network that integrates trainees and young people that attended the existing local training entities;Internal (inherent to the organizations themselves) and external (public authorities, community, public, in general terms) invisibility of labour insertion already made by the local enterprises among young people and trainees;Stereotypes persistence about certain professions and gender;Integration in an area with many social problems, where is placed the biggest social quarter in the municipality of Vila Franca de Xira.

dot Top


Objective

Text available in

This project responds to a set of necessities felt by local institutions in relation to job insertion and post-insertion trajectories of young adults searching for first job, with problematic scholar background and lower formal qualifications (9th grade) and unemployed adults already involved in adult training/learning courses. The project seeks to articulate long lasting professional training with on-going institutional mediation and support. The professional courses last up to 22 months and the Adult Education and Training courses last up to 18 months. Both are followed by a 6 month period of extra training activities in real job context, tutored by ADE and AACVFX technicians and also technicians from the receiving companies. The set of training activities will comprehend strategic issues, such as: Citizenship, Equal Opportunities for Women and Men - fighting gender stereotypes associated to particular jobs/professions – general information on the economical and entrepreneurial scenery and active job searching techniques. These actions will be defined by the beneficiaries themselves and can assume several shapes: debates, exhibitions, working visits and field observation, recreative activities such as music, theatre, audiovisual. The definition of the activities, as well as the whole participation of the beneficiaries in the project will be implemented through CAD methodology (Equal Product – Round I), to be implemented by EGOR. This methodology implicates the accurate definition of receiving company's profile, as well as the profile of the job candidate and, consequently, it implicates also an adjustment of profiles in order to ensure better results. These activities will be developed by AERLIS and EGOR. APEA and AERLIS will ensure the specific technical training of the technicians and tutors involved. As regards the PD technicians, the most important skill achievement will concern on-going support and evaluation of professional inclusion trajectories ("Emprego Apoiado"); As for ADE technicians, who already have significant skills resulting from diagnosing activities, training courses definition, official system of evaluation and certification (of the informal skills obtained through life-long professional practice, namely by adults with basic instruction but significant professional experience), it is expected for them to develop their skills as regards on-going support and evaluation of professional inclusion trajectories; As for tutors, the main skill achievement will be related to a most effective accompanying and support to job candidates, not only regarding their specific professional/technical area, but also other complementary skills: organizational and relational skills. Meanwhile, a study will be developed on professional/skill evaluation and certification models. Products for dissemination: a) Methodological Guide for Social Inclusion; b) Professional Skill Certification Model.

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Guidance, counselling **
Training **
Training on work place **
Work placement **
Employment aids (+ for self-employment) *
Integrated measures (pathway to integration) ***
Employment creation and support **
Training of teachers, trainers and staff **
Improvement of employment services, Recruitment structures *
Conception for training programs, certification ***
Anticipation of technical changes *
Guidance and social services **
Awareness raising, information, publicity **
Studies and analysis of discrimination features **

Type of innovation Rating
Process-oriented ****
Goal-oriented ***
Context oriented ****

dot Top


Budget Action 2

< 250 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  21.6%  12.6% 
Employed  15.4%  7.0% 
Others (without status, social beneficiaries...)  18.2%  25.2% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  12.5%  8.4% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  42.7%  36.4% 
  100.0%
 
Physical Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  55.2%  44.8% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  55.2%  44.8% 
  100.0% 
 
< 25 year  22.3%  28.0% 
25 - 50 year  31.5%  15.4% 
> 50 year  1.4%  1.4% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Gender discrimination **
Support to entrepreneurship **
Age **
Low qualification **
Racial discrimination **
Unemployment ***

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Developing collective responsibility and capacity for action
Participation in the project design
Participation in running and evaluating activities
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.2%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
3811 SIDEP FR GUY-2004-44294
IT IT-G2-CAM-004
SK 25

dot Top


Background

 

N.C.

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
A.D.E. - Associação para o Desenvolvimento e Emprego no Concelho de Vila Franca Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
AERLIS - Associação Empresarial da Região de Lisboa
ANIMAR - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local
Agrupamento de Escolas de Vialonga
Associação dos Africanos do Concelho de Vila Franca de Xira
EGOR Management e Formação - Consultores para o Desenvolvimento Pessoal e Organi
Município de Vila Franca de Xira

dot Top


Agreement Summary

Text available in

Resumo do Acordo de PD Os parceiros acordam: 1. Objectivos comuns 1.1 Desenvolver em conjunto o projecto acima referenciado, cujo diagnóstico, objectivos, actividades, resultados e processo de avaliação, e plano de financiamento se descrevem no formulário de candidatura à acção 2. 2. Estruturas e processo de funcionamento da Parceria 2.1 Criar à partida as seguintes estruturas de gestão e funcionamento: a 2.2 Implementar o seguinte processo de tomada decisão (destacar nomeadamente processos de dos parceiros, mecanismos que promovam a igualdade de género, etc.): A parceria funcionará de modo solidariamente responsável, ou seja, cada entidade parceira assumirá a responsabilidade de assegurar o bom cumprimento das suas acções na parceria ao mesmo tempo que deverá disponibilizar-se para apoiar todos os outros parceiros nas suas acções e partilhar os processos de tomada de decisão que digam respeito à parceria. A PD deverá reunir mensalmente Os parceiros deverão manter-se em contacto permanente através do recurso às TICs explorando as ferramentas internet e através da participação na página Internet do projecto. Serão assegurados contactos via internet com os parceiros transnacionais de modo a aproximar as entidades envolvidas, fomentar a troca de experiências e promover a utilização das ferramentas internet pelas diversas entidades parceiras, seus técnicos e trabalhadores. Os processos de participação são alargados (como já realizado na Acção 1) às pessoas que directa e indirectamente beneficiam com as actividades do projecto, nomeadamente, os técnicos das instituições, os trabalhadores em processo de inserção e os jovens. Esta participação será assegurada, para além dos contactos informais que a proximidade com a equipa do projecto permite, por actividades concretas a promover. Cada entidade parceira será responsável pela boa aplicação do Orçamento colocado ao seu dispor e contará, sempre que entenda necessário, com o apoio de um Secretário Financeiro a disponibilizar pela ADE (elemento membro do Gabinete de Acompanhamento). 2.3 Assegurar a transparência da informação interna relativa ao projecto e à parceria, que será disponibilizada a todos os parceiros da seguinte forma ( ex. recurso às TIC...): através da página internet e de ponto de situação obrigatório em todas as reuniões de PD sobre as actividades em curso e de contactos eventualmente estabelecidos com o Gabinete de Gestão. O dossier técnico-pedagógico estará permanentemente disponível para consulta. 2.4 Assegurar que a difusão pública dos resultados do projecto, finais ou provisórios, só será efectuada após anuência do(s) parceiro(s) envolvido(s) na sua concepção. 3. Recursos técnicos 3.1 Assegurar estabilidade nos recursos técnicos afectos ao projecto. 4. Ajustamento da parceria 4.1 Proceder ao ajustamento da parceria, à saída ou entrada de novos parceiros, ou eventual revisão deste Acordo, nomeadamente se a avaliação do projecto o indicar como necessário.

Last update: 11-03-2008 dot Top


A.D.E. - Associação para o Desenvolvimento e Emprego no Concelho de Vila Franca

(ADE)
Bairro Olival de Fora, Rua Barbosa do Bocage, Torre 1 - Loja Dt.ª
-
P-2625-644-VIALONGA Vila Franca de Xira

Tel:+351219527878
Fax:219527880
Email:

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Type of organisation:Organisation providing support and guidance for disadvantaged groups
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:22-04-2004 /

Text available in

A ADE é uma Associação sem fins lucrativos fundada em Abril de 1998 por técnicos do Projecto Viver o Bairro, um projecto de reabilitação urbana promovido pela Câmara Municipal de Vila Franca de Xira no Bairro Olival de Fora, em Vialonga. A ADE foi criada com o objectivo de se candidatar à Medida Empresas de Inserção. A ADE promoveu cinco empresas de inserção nas seguintes áreas: Manutenção de Espaços Verdes, Lavandaria e Cuidados com a Roupa, Produção e Comércio de Artesanato, Web Design, e um Restaurante Paralelamente à promoção das empresas de inserção a ADE é, a convite da Câmara Municipal, entidade gestora do Ninho de Empresas de Vialonga, no qual estão sedeadas empresas privadas, associações sem fins lucrativos e empresas de inserção. A Associação promove cursos para activos (empregados e desempregados) com o financiamento do POEFDS. A ADE geriu e executou o Projecto de Luta Contra a Pobreza no Concelho de V. F. Xira, um projecto promovido pela Câmara Municipal. Por fim, entre 2000 e 2003 foi entidade gestora do Plano Integrado de Prevenção das Toxicodependências financiado pelo IPDT e Câmara Municipal. A ADE possui autorização para iniciar um Centro de Reconhecimento e Validação de Competências a partir de Janeiro de 2005. A ADE foi, em 2003, distinguida com a Menção Honrosa “Igualdade é Qualidade”, atribuída pela Comissão para a Igualdade no Trabalho e Emprego (CITE) devido à sua política de igualdade de oportunidades e conciliação do trabalho com a vida pessoal.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Paulo José Ferreira Costa Santos Paulo +351219527878 paulo.costa.santos@ade.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


AERLIS - Associação Empresarial da Região de Lisboa

(AERLIS)
Rua S. Salvador da Baía, Ed. Aerlis, Pq Poetas
-
P-2780-017-OEIRAS Oeiras

Tel:+351210105000
Fax:210105001
Email:aerlisoeiras@aerlis.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Structure created to manage the DP
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:27-04-2004 /

Text available in

AERLIS é uma associação Empresarial sem fins lucrativos, de utilidade pública e com âmbito distrital. A Associação foi criada em 12 de Fevereiro de 1992. A AERLIS tem por fim promover o desenvolvimento das actividades económicas do Distrito de Lisboa nos domínios técnico, económico, comercial, associativo e outros e assegurar aos seus associados uma crescente participação nas decisões e nos programas que com essas actividades se relacionem. A Missão da AERLIS traduz-se desta forma na prestação de serviços de elevada qualidade às empresas de Lisboa, tornando-as mais competitivas nos mercados em que operam, para além da representação dos seus associados e defesa dos seus interesses.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Ana Rita Cardoso Ferreira Ana +351210105000 a.rita@aerlis.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


ANIMAR - Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local

(ANIMAR)
Rua do Engenho, 10
-
P-7600-337-MESSEJANA Aljustrel

Tel:+351219526012
Fax:219521322
Email:animar@animar-dl.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:BAIXO ALENTEJO
Date of joining / leaving:23-03-2005 /

Text available in

A Animar – Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Local em Meio Rural, foi constituída em Setembro de 1993 como Rede para o Desenvolvimento Local em Meio Rural, após um participado processo de preparação em todo o país, o que, desde logo, lhe conferiu dimensão nacional, confirmada pela composição actual do seu corpo societário e pela sua actuação no terreno. Do conjunto dos objectivos da Animar, devido aos seus próprios estatutos salientamos: - A promoção da igualdade de oportunidades no acesso ao desenvolvimento da qualidade de vida e na redução das assimetrias; - A congregação de esforços e apoios à actuação em prol do DL, em rede, e numa lógica territorial, de organizações, grupos e indivíduos. A principal força da Animar consiste na sua representatividade, no seu funcionamento em rede e, logo, nas suas capacidades de relacionamento institucional e de mobilização de recursos em todo o país. Através dos seus 75 associados colectivos e mais de uma centena de individuais (neste caso, maioritariamente colaboradores de associações, centros de investigação e universidades), a Animar está presente em todo o território continental e nas ilhas, o que lhe facilita o estabelecimento de contactos com entidades públicas e privadas, com grande diversidade de associações e grupos nacionais, bem como a criação de condições de trabalho profícuas e de diálogo permanente.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Miguel Torres Bruno Miguel +351219526012 animar@animar-dl.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


Agrupamento de Escolas de Vialonga

(AEV)
Rua Gago Coutinho
-
P-2625-667-VIALONGA Vila Franca de Xira

Tel:+351219528290/9
Fax:219528298
Email:info@eps-vialonga.rcts.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Education / training organisation
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:29-04-2004 /

Text available in

Agrupamento de escolas do ensino público, com fromação desde o Jardim de Infância até ao 9º ano de escolaridade. Para além do ensino regular, promove formação de Cursos Profissionalizantes e de áreas vocacionais (designados Currículos Alternativos) procurando criar soluções que facilitem a entrada na vida activa. .



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Maria Armandina Costa Soares Maria +351219528290 info@eps-vialonga.rcts.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


Associação dos Africanos do Concelho de Vila Franca de Xira

(AACVFX)
Rua António José da Silva, Torre 10, Loja Esq., Bairro Olival de Fora, Vialonga
-
P-2625-642-VIALONGA Vila Franca de Xira

Tel:+351219520360
Fax:219525420
Email:luis_fernandes10@hotmail.com

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Organisation providing support and guidance for disadvantaged groups
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:26-04-2004 /

Text available in

A Associação dos Africanos do Concelho de Vila Franca de Xira integra nos seus órgãos sociais representantes de todas as comunidades africanas de língua portuguesa residentes no Concelho de Vila Franca de Xira, e tem por objectivos centrais contribuir para a plena integração dos imigrantes africanos, promover o seu bem estar, assim como de todas as pessoas ligadas às comunidades africanas, organizar a comunidade africana e lutar pelos seus interesses, promover o convívio social e cultural entre os africanos das mais diversas origens e a comunidade portuguesa, dedicando especial atenção à juventude.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Luis Lourenço Fernandes Luis +351219520360 aacvfx@sapo.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


EGOR Management e Formação - Consultores para o Desenvolvimento Pessoal e Organi

(EGOR MANAGEMENT E FORMAÇÃO)
Edifício Amoreiras, Torre 1 - 4º Andar, Escr. 7Lisboa
-
P-1070-101-LISBOA Lisboa

Tel:+351213872018
Fax:213872028
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Enterprise
Legal status:Private
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:26-03-2005 /

Text available in

EGOR MF, Empresa pertencente ao Grupo EGOR, constituída desde 1989. Integra uma equipa de Consultores profissionais no desenvolvimento de metodologias e técnicas avançadas no domínio da formação e desenvolvimento pessoal e organizacional, acreditada pelo IQF em todos os domínios da formação. As nossas soluções são criadas de acordo com as necessidades específicas de cada cliente estando sustentadas por um conjunto de metodologias validadas, o que permite às organizações conseguirem encontrar uma solução à medida, definindo assim a estratégia adequada para as pessoas. Definir as competências comportamentais que a organização/ individuo necessita para assegurar uma performance de sucesso, com recurso a ferramentas de diagnóstico amplamente testadas. Desenvolver metodologias de intervenção que nos permitam assegurar a melhoria da performance das pessoas, das equipas e das organizações. Desenvolver perfis de competências que se enquadram nos contextos empresariais Facilitar processos de integração profissional, outplacement, outsourcing empresarial A Política de Qualidade da Egor Management e Formação assenta numa filosofia de orientação para o cliente, visando satisfazer as suas necessidades e expectativas, com respeito absoluto pelo cumprimento das normas. Principais ÁREAS DE INTERVENÇÃO Processos de avaliação de processos Definição de perfis profissionais Gestao de projectos internacionais DESENVOLVIMENTO DE COMPETÊNCIAS a nível técnico e comportamental ( ex: COMERCIAIS; DE EQUIPA PESSOAIS, DE GESTÃO E LIDERANÇA, inteligência emocional, controle de stress, coaching, motivação, auto-controlo, modelos de serviço ao cliente) Gestao da formaçao ( presencial, online, onjob) Elaboração de balanços de competências



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Nuno José Serra Cruz Nuno +351213872018 ncruz@egormanagement.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top


Município de Vila Franca de Xira

(CMVFX)
Praça Afonso de Albuquerque, 2
-
P-2600-093-VILA FRANCA DE XIRA Vila Franca de Xira

Tel:+351263285600
Fax:263276002
Email:presidencia@cm-vfxira.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:24-03-2005 /

Text available in

O Município é uma pessoa colectiva territorial dotada de órgãos representativos que visam a prossecuação de interesses próprios das populações respectivas. A Câmara Municipal é o órgão executivo do Município. O Município, para a prossecução dos interesses públicos dispões de atribuições nos seguintes domínios: equipamento rural e urbano; energia; transportes e comunicações; educação; património; cultura e ciência; tempos livres e desporto; saúde, acção social; habitação; protecção civil; ambiente e saneamento básico; defesa do consumidor; promoção e desenvolvimento; ordenamento do território e urbanismo; polícia municipal; cooperação externa.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Maria da Luz Rosinha Maria +351263280480 presidencia@cm-vfxira.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 11-03-2008 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

REDES

Rationale

Text available in

- Existência de disponibilidade e vontade de jovens alunos e adultos formandos em frequentarem estágios de 6 meses, confirmada por diagnóstico Existência de disponibilidade e vontade de empresas em, acolherem estágios de 6 meses, confirmada por diagnóstico Existência de organizações locais que têm vindo a desenvolver actividades formativas e de integração pelo económico; com forte experiência, conhecimento aprofundado da região e redes formais e informais de acção; Existência de percursos alternativos para jovens com dificuldades no percurso escolar com resultados positivos sobejamente reconhecidos no que se refere ao sucesso escolar (escolas EB 23), mas que devem ser melhorados a jusante; Existência de entidades públicas e privadas (com e sem fins lucrativos) com tradição de envolvimento em processos de inserção de adultos desempregados desde 1997 (no âmbito do projecto Viver o Bairro e da A.D.E.); Existência de cursos EFA; Experiência de trabalho em parceria de uma década na zona Sul do Concelho, em particular nas zonas mais desfavorecidas (bairros de habitação social); Possibilidade de, em parceria, reunir entidades que desenvolvem diferentes modelos formativos e de integração pelo trabalho, possibilitando a conjugação desses modelos e superando as limitações de cada um deles; Organização local empresarial (2 associações empresariais locais) com capacidade de mobilização do tecido empresarial local, bem como o envolvimento da AERLIS Autarquias locais com fortes políticas de acção social e tradição de trabalho em parceria Fortes possibilidades de articulação de projectos e medidas dirigidos especialmente a territórios desfavorecidos , - Dificuldade de inserção laboral dos jovens que concluem a escolaridade básica, nomeadamente através de percursos profissionalizantes ou de cariz alternativo, e que não tencionam prosseguir estudos; Insuficiente conhecimento e domínio, por parte destes jovens, das oportunidades e diversidade de oferta profissional a nível local, bem como da cultura profissional e das competências necessárias para integrar com sucesso o mercado de trabalho; Dupla discriminação sofrida por jovens e desempregados com baixas qualificações quando está associada aos mesmos a dimensão étnica; Desajustamento entre os percursos formativos e as necessidades do tecido empresarial local; Défice de investimento nos sistemas de acompanhamento de inserção profissional pós-formação, que contemplem as necessidades específicas de cada indivíduo e previnam situações de retrocesso; Existência de trabalhadores em processo de emprego apoiado com lacunas ao nível das competências relacionais, de escrita, leitura, cálculo e TIC, sem acesso a apoio formativo e acompanhamento; Insuficiente articulação entre comunidade escolar, tecido empresarial, instituições públicas e do terceiro sector, ao nível local; Falta de incentivo à inserção de trabalhadores de grupos vulneráveis junto de entidades ainda não sensibilizadas para as vantagens da mesma; Necessidade de formalizar, alargar e reconhecer uma rede de empresas que tem vindo a integrar formandos e jovens preparados pelas entidades de formação/educação existentes localmente; Invisibilidade interna (às próprias organizações) e externa (autoridades públicas, comunidade, público em geral) da inserção pelo trabalho já realizada pelo tecido empresarial local junto de jovens e formandos; Permanência de estereótipos sobre a relação de certas profissões com o género; Inserção numa zona com fortes problemas sociais, onde se localiza o maior bairro social do Concelho de Vila Franca de Xira

dot Top


Objective

Text available in

O projecto responde a necessidades sentidas por instituições locais relativamente à inserção profissional e acompanhamento pós-inserção de jovens à procura de 1º emprego com dificuldades no percurso escolar e baixas qualificações (9º ano de escolaridade) e de adultos desempregados abrangidos pelos cursos de Educação e Formação de Adultos. Pretende-se associar a formação profissional de longa duração, com componente escolar, à metodologia do Emprego Apoiado, com as necessárias adaptações. Os jovens dos cursos profissionalizantes, com duração de cerca 22 meses, e os adultos desempregados que frequentam cursos EFA, com duração de cerca de 18 meses, verão o seu período de formação prolongado por 6 meses, em contexto de trabalho, acompanhados por técnicos de inserção da ADE e da AACVFX e por tutores das empresas acolhedoras. O projecto assegura um conjunto de actividades a desenvolverem-se durante o período de formação através de acções de sensibilização na área da cidadania, incluindo a IO, de combate aos estereótipos sobre a associação do género a certas profissões, da realidade do mundo empresarial e formação em técnicas de procura activa de emprego. O desenho destas acções será definido pelos próprios beneficiários, podendo assumir as mais diversas formas: debates, exposições, visitas de estudo, produção de peças de teatro, de música, visionamento de filmes, etc. A definição das actividades, e toda a participação dos beneficiários no projecto será implementada através da metodologia de CAD (produto Equal - fase 1), a ser implementada pela EGOR. A metodologia implica a definição rigorosa do perfil da empresa acolhedora, bem como do perfil do jovem ou adulto candidato a emprego, e, por consequência, uma adequação dos perfis no sentido de assegurar melhores condições de êxito, actividades a serem desenvolvidas pela AERLIS e pela empresa EGOR. O projecto assegura a formação de técnicos e de tutores, da responsabilidade da Associação Portuguesa do Emprego Apoiado (APEA) e da AERLIS. Os técnicos, no sentido de se capacitarem para verem acrescidas as suas competências com base na metodologia do Emprego Apoiado. No caso dos técnicos da ADE, espera-se que às competências que já possuem no sentido da elaboração de diagnóstico de partida, definição de percursos formativos, reconhecimento, validação e certificação de competências, se acresçam competências para o acompanhamento de formação em contexto de trabalho. Em relação aos tutores espera-se dotá-los de competências para um efectivo acompanhamento formativo dos candidatos não apenas na área profissional, mas também no que respeita às suas competências relacionais em contexto geral e em particular no contexto organizacional da empresa. Paralelamente será desenvolvido um estudo sobre certificação de competências profissionais. Os produtos esperados do projecto são um Guia Metodológico para a Inserção de grupos sociais desfavorecidos e um Modelo de Certificação de Competências Profissionais

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics