IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 Todo o Terreno ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : MUNICIPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ
Other national partners : CARMIM - Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz, CRL
Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P. - Centro de Emprego de Évora
EQUAL theme :Employability - (Re-)integration to the labour market 
Type of DP :Geographical - Other - ALENTEJO 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2001-284 
Application phase :Approved for action 2 
Selection date :11-09-2002 
Last update :03-08-2006 
Monitoring: 2002  2003   

Rationale

Text available in

The county of Reguengos de Monsaraz is situated in the southeast of the Central Alentejo region, on the banks of the river Guadiana. It is one of the counties of the Évora district. The county has a population of 11642 inhabitants. Training for Partners The technicians and contractors involved in the Project are characterised by their knowledge of the local reality, by the specific training they possess in their intervention areas and by the experience they have acquired in other partnership work done before. The table we present justifies the concrete training necessities. Strong points identified by the partners: . Knowledge of the local reality; . Basic technical training; . Previous contacts with other experiences; . Conjunct experience of some of the elements in previous work (but not in coincident groups). Weak points identified by the partners: . The need for multicultural training; . The need for specific training; . The need to formally structure the new partnerships; . The existence of sub-groups. The necessities detected are characterized on the following levels: . The improvement of the intervention capacity in an environment characterized by its cultural diversity; . The knowledge of new project work methodologies with disfavoured publics (pedagogical and social-economical); . The knowledge of other projects with disfavoured publics / the consolidation of partnerships; . The construction of a cohesive team (the approximation of the different sub-groups). Nevertheless, the necessity to gauge other procedures, to become acquainted with new action methodologies and the construction of a cohesive team so as to empower the interventions foreseen in the project, was ascertained. Employing Enterprises More and more the importance of the PME's (Pequenas e Médias Empresas - Small and Medium Enterprises) in the present social and economical context is acknowledged. Factors like their numerical representation, the capacity to generate wealth and their survival potential in an environment in constant mutation, have contributed to this fact. The difficulties the Small and Medium Enterprises face are well known, as is the fact that, often, their survival is at risk. To assure their survival, and more than that, their growth, it is important to reinforce their competitiveness. This reinforcement passes essentially through the stimulus of the enterprises' management, commercial and productive capacities, so that they may respond adequately, even in anticipation, of the market's demands. The realisation of theses objectives depends, mainly, on the enterprises' organisational and management modes and on the improvement in the intervention quality. Thu, the training assumes a central role in this process. Training in the actual workspace will be a component of the professional training for the disfavoured public. For this effect, the project will be counting on the collaboration of the 13 employer enterprises, which will be the hosting agricultural enterprises for this public. Characteristics of the Employer Enterprises . These 13 employer enterprises will be those that will have, in the future, the capacity to participate in professional training, thus contributing to the integration of certain disfavoured groups and to the attainment of the objectives the project in question sets out to fulfil. . It is known that all these enterprises are directly related to the rural environment. In fact, they are enterprises that are dedicated to the viticulture, to the agriculture and to animal breeding. Training Necessities and Personnel Practically all the enterprises need to contract new collaborators and also need to train their staff. These results show a clear need for training in the enterprises of this municipality. The professional skills in which there is a necessity for training are the skills related to the Viticulture(pruning, grafting, grape harvesting), Agriculture (farming, tractor drivers), Pastoral Activities (shepards and shearers) and activities related to the olive culture. As for the means to overcome the necessities for professional training, the enterprises need to recruit staff for training. The needs for training are on a medium term basis (between six months and one year). Disfavoured Public With respect to the participation in the employment, in the promotion of an employment market open to all, this is a central objective of the Portuguese employment policy, paying special attention to the more vulnerable groups, through the development of preventive and active policies, aiming at the integration in the employment market. Although the employment and unemployment indicators verified in the last years are positive, the situation of the population groups with special problems in the professional insertion, namely the young, the women and the long term unemployed, as well as other groups with special disadvantages (handicapped people, ex-prisoners, ex-drug addicts, drug addicts, and ethnic minorities), show a growing importance in the dysfunctional qualitative phenomena, associated to the slow restructuring processes that have marked the evolution of the Portuguese economy. The population of the municipality of Reguengos de Monsaraz, present a low level of educational and professional qualifications, representing a weak potential for knowledge, modernization, adaptability and innovation. Expectations and attitudes in relation to Professional Training The professional training is a fundamental step in the social professional integration of certain collectives, namely, those that are victims of the principal forms of discrimination and inequality, specifically bearing on the employment market. Some examples are: discrimination related to gender, race, ethnic origin, religion, convictions, handicap, sexual orientation, amongst others. Professional training has become an agent for fundamental change in the readjustment process of the professional qualifications and competencies of those individuals faced with society's demands. It constitutes, above all, a strategic measure capable of empowering economical transformations, via the pressures of the employment market on the economy. Nevertheless, although the training is already institutionalised, it still does not reach all those who are supposed to be its beneficiaries. Bearing in mind that training is not only a right, but also an imperative, both for the economy as well as for society, it is certain that there are still large fringes of the population, whose opportunities of insertion in the employment market, strongly competitive and with demands for higher and higher qualifications, are thus reduced. Inter-active Reception Centre The integration of children that originate from social-economical disfavoured environments in the educational system presents in practical terms, some difficulties that arise, amongst other aspects, from the absence of pre-requirements that are considered important by the Teachers. In fact, to assure the access of these children to the system is not enough, the first and second years of high school are only completed if it is possible to promote their success. Thus, the attendance of the Kindergarten assumes a notable importance. The influence of the family environment contributes to the success, or failure, of the adaptation to school life and to the pupils' performance. This view is confirmed by the study carried out by the Teachers who accompany them during their school. They were asked to refer to the level of attendance during Primary school. The definition of the competencies was elaborated based on the School's Curriculum Project, which was produced by the school's staff. Thus, we have tried to assure that the questions raised in the data collecting instruments were coincident with the predefined criteria established by the teachers. The meaning of their replies leads us to conclude that they consider these competencies insufficient in all the dimensions contained in the instrument. That is, the pupils who originate from disfavoured social and economical environments rarely show competencies in the school's social integration plan, while possessing the lowest negative values in relation to the basic acquisitions, considered fundamental in the referred School's Curriculum Project. On the other hand, in the analysis carried out what stands out is the understanding that families from disfavoured environments do not relate personal effort to success and do not build life projects on medium or long-term basis. If one considers that the authors believe that the children's future perspectives are influenced by the level of their parents' ambition, it is not surprising that they do not consider Education as a form of social and economical promotion. This view is reinforced by the results obtained in the consultation of the parents' opinions, who, are included in the social groups referred to before, showed that they have not had the preoccupation of integrating their children in the educational system, only in the direct access to Primary School. It was also referred that the school, generally, adapts to the norms and values of the dominant social groups. The ethnic minorities are, thus, in a disadvantageous situation. If, on one hand, these families are willing that their children have access to schooling, even if only in the beginning of Primary School and on the conditions they indicate, such as the localisation of the kindergarten schools. This aspect of our investigation makes us consider that some conditions are already created so that the local structures can try to use this investigated group's propensity and construct the adequate answers. The inter-active reception centre for children and young people may, thus, represent an added value to conjugate the intentions demonstrated by the partners, with the necessities and interests of the population segment that is more disfavoured socially.

dot Top


Objective

Text available in

1 - To promote effective citizenship practices by: - stimulating auto-representation; - providing access to the context/knowledge of the differential social and cultural realities; - the conception of medium and long-term projects for the personal and professional life; - and, the participation in decision making processes. 2 - To empower the social / professional integration of the disadvantaged groups, by: - increasing the educational, professional, personal and social competencies. 3 - To promote the reconciliation between professional and family life of the target groups involved in the project, by: - implementing inter-active reception centre for the children and young people. 4 - To sensitise the employers to the necessity in promoting equal job opportunities, through: - the active involvement of the employers in non-discriminative practices in the employee recruitment process: women, ethnic minorities and disabled people. - and, the effective occupation of the job vacancies in the local market. 5 - To widen the technical staff's competencies in the assistance relationship, and by so doing, enriching their interventions with the disadvantaged groups.

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Guidance, counselling **
Training **
Training on work place **
Work placement **
Job rotation and job sharing **
Employment aids (+ for self-employment) *
Integrated measures (pathway to integration) ***
Employment creation and support ***
Training of teachers, trainers and staff **
Improvement of employment services, Recruitment structures *
Conception for training programs, certification **
Anticipation of technical changes **
Work organisation, improvement of access to work places **
Guidance and social services **
Awareness raising, information, publicity **
Studies and analysis of discrimination features **

Type of innovation Rating
Process-oriented **
Goal-oriented ***
Context oriented **

Text available in

Constituem elementos inovadores e o valor acrescentado do Projecto, os seguintes aspectos: - A integração multicultural de crianças e jovens; - A sensibilização e o envolvimento efectivo dos empregadores no recrutamento de pessoal, nomeadamente: minorias étnicas, portadores de deficiência, mulheres, etc. - O alargamento das competências dos técnicos para a optimização das suas intervenções com grupos desfavorecidos; - Promoção da conciliação entre a vida profissional e familiar; - Reforço da rede de parceria e do trabalho de articulação interinstitucional entre os diversos agentes de intervenção; - Criação líquida de postos de trabalho; - Disseminação de produtos e práticas bem definidas; - Introdução de polivalência profissional e a rotatividade numa mesma acção que permite o contacto com experiências e exigências diversas mas complementares, aumentando a eficácia dos desempenhos profissionais; - Actividade formativa fora de sala de aula, por permitir vivências sociais e culturais, em grupo e individualizadas; - Tomada de consciência e alargamento de horizontes de escolha pessoal e profissional, pela definição de etapas de concretização de projectos profissionais / pessoais.

dot Top


Budget Action 2

250 000 – 500 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  0.0%  0.0% 
Employed  27.3%  27.3% 
Others (without status, social beneficiaries...)  22.7%  22.7% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  11.4%  11.4% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  38.6%  38.6% 
  100.0%
 
Physical Impairment  2.3%  2.3% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  47.7%  47.7% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  50.0%  50.0% 
  100.0% 
 
< 25 year  11.4%  11.4% 
25 - 50 year  29.5%  29.5% 
> 50 year  9.1%  9.1% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Gender discrimination **
Support to entrepreneurship **
Discrimination and inequality in employment ***
Disabilities **
Other discriminations **
Low qualification **
Racial discrimination **
Unemployment **

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Developing collective responsibility and capacity for action
Participation in the project design
Participation in running and evaluating activities
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português
  • português
  • English
  • español (castellano)

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.4%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
731 RAINBOW DE EA-76991
ES ES41
FI 5
FR BNR-2001-10648
IT IT-G-LOM-038

dot Top


Background

 

 Involvment in previous EU programmes

  • One partner involved in A&E

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
MUNICIPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Transnational partnership
CARMIM - Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz, CRL Monitoring, data collection
Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P. - Centro de Emprego de Évora

dot Top


Agreement Summary

Text available in

To assume the following responsibilities: CMRM . The coordination of all the project's activities. . The development and accompaniment of all transnational activities. . The evaluation of all the project's activities. CEÉvora . The implementation of character formation activities destined for the partners. . Information and professional orientation for the disfavoured public. . The technical and pedagogical coordination of all the project's activities. . The conception and adaptation of the training documents. . The technical revision of documents and referential guides. CARMIM . Accompaniment in the actual workspace of all the professional training. . The direct contact with all the beneficiary enterprises in all the project's levels. . The collection of all the necessary data for the project's development. It is the Development Partnership's competency to: . Cooperate based on the common objectives and joining efforts to this effect; . Implement all the proposed activities in project's ambit; . Generically define the execution methodology that is incumbent to this project; . Specifically define the implementation methodology for each activity; . Choose methods and techniques for the accomplishment of all the activities; . Comply with the activities chronogram and carry out all the necessary adjustments; . Comply with the outlined budget. The partners' internal process for decision-making: they should be taken by consensus or if this is not possible, by majority vote. - The majority of the representatives in the PD are women, in the affected technical teams; - and, the majority of the agents involved (enterprises/organizations) are men. In the process of the project's development and implementation: - The majority of the target group (disfavoured) will be represented by women, as they are the ones who are mainly excluded in the work integration processes. - and, the target group (partners) will be equally represented by men and women.

Last update: 03-08-2006 dot Top


MUNICIPIO DE REGUENGOS DE MONSARAZ

(-)
Praça da Liberdade
-
P-7200-370-REGUENGOS DE MONSARAZ Reguengos de Monsaraz

Tel:+351266508040
Fax:266508059
Email:-

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Transnational partnership
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:ALENTEJO CENTRAL
Date of joining / leaving:13-10-2004 /

Text available in

Uma autarquia local prossegue o interesse público, ou seja, o interesse colectivo da comunidade, neste caso do concelho de Reguengos de Monsaraz e áreas limítrofes, embora cada vez mais, numa visão global, que inclui a preocupação com o regional, o nacional e o transnacional.Contudo, o interesse público é definido em função da lei, pelo que a administração local prossegue e respeita, procurando no entanto, que cada caso seja respeitado, analisado e entendido como único, no que toca à definição de soluções técnicas e financeiras.Assim, nos termos do artigo 13º da lei 159/99, de 14 de Setembro, os Municípios dispõem de atribuições nos seguintes domínios: - equipamento rural e urbano - energia, transportes e comunicação - educação, tempos livres e desporto - património, cultura e ciência - saude, ambiente e saneamento básico e protecção civil - acção social - habitação - defesa do consumidor - promoção do desenvolvimento - ordenamento do território e urbanismo - polícia municipal - cooperação externa



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Eduardo Jorge de Sousa Albardeiro Eduardo +351266508040 cmrm.cultura@mail.telepac.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 03-08-2006 dot Top


CARMIM - Cooperativa Agrícola de Reguengos de Monsaraz, CRL

(CARMIM)
Rua Professor Mota Pinto
-
P-7200-412-REGUENGOS DE MONSARAZ Reguengos de Monsaraz

Tel:+351266508200
Fax:266508850
Email:

 
Responsibility in the DP: Monitoring, data collection
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:ALENTEJO CENTRAL
Date of joining / leaving:30-09-2004 /

Text available in

O principal objectivo da CARMIM é a produção e comercialização de vinhos e azeites de qualidade,a partir da matéria prima proveniente exclusivamente de uma região de denominação de origem. Uma das missões da CARMIM é crescer de forma sustentada e equilibrada,solidificando a sua posição nos mercado dos vinhos e azeites de qualidade,a nível nacional e internacional. Actualmente, conta aproximadamente com 1000 associados, sendo empresa líder nos vinhos de qualidade. Existe uma grande aposta da empresa na qualidade dos produtos,aliando o saber fazer tradicional à produção industrial,baseada na mais moderna tecnologia de vinificação. Todas as marcas CARMIM estão em sintonia com os valores e simbolismo da região, como são exemplo as marcas Monsaraz (aproveitamento turístico e histórico da conhecida vila medieval) e Reguengos (potencial vitícola da região de Reguengos). Importa realçar a dimensão humana da CARMIM,tendo em vista a valorização humana, o bem estar crescente e melhoria das condições de vida dos associados. Esta cooperativa funciona como um dos principais motores de desenvolvimento sócio-económico e empresarial da região,potenciando o aproveitamento e a atracção de novas possibilidades no domínio do turismo e outras actividades. 2003 marca o início do pleno desenvolvimento do projecto profissional “Enoturismo CARMIM”,durante o qual se espera um aumento significativo do afluxo de visitantes ao parque industrial da empresa.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Jorge Gabriel Tavares Mantas Jorge +351266508200 jorge.mantas@carmim.online.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 03-08-2006 dot Top


Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P. - Centro de Emprego de Évora

(IEFP-DA-EEV)
Av. José Malhoa, nº 11
-
P-1099-018-LISBOA Lisboa

Tel:+351217227000
Fax:218614618
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Employment services
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:13-10-2004 /

Text available in

Compete ao Centro de Emprego de Évora, como unidade orgânica do IEFP, contribuir para a definição e promoção das medidas de política de emprego. Em suma implementar as medidas decorrentes da Estratégia Europeia para o Emprego. Em conformidade, visa a melhoria do comportamento do mercado de emprego,concorrendo para o desenvolvimento sócio económico, intervindo nas seguintes áreas: - estímulo à procura e oferta de emprego; - estímulo ao ajustamento oferta/procura; - informação e orientação profissional; - promoção do mercado social de emprego; - formação profissional; - apoio à reconversão profissional; - desenvolvimento sócio-local- medidas do mercado social de emprego; - estímulo à oferta de emprego.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Florbela Conceição Mantinhas Nunes Florbela +351266760500 florbela.nunes.dra@iefp.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 03-08-2006 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

TODO O TERRENO

Rationale

Text available in

O concelho de Reguengos de Monsaraz situa-se a sudoeste no Alentejo Central, nas margens do Guadiana. É um dos concelhos do distrito de Évora, ocupa uma área total de cerca de 474 Km2 e é constituído por cinco freguesias: Reguengos, Corval, Campinho, Campo e Monsaraz. Tem uma população de 11359 habitantes. Formação para Parceiros Os técnicos e empresários envolvidos no Projecto caracterizam-se pelo conhecimento da realidade local, pela formação específica que possuem nas suas áreas de intervenção e pela experiência adquirida em anteriores trabalhos de parceria. O quadro que apresentamos justifica concretamente as necessidades de formação. Pontos fortes identificados nos parceiros: . Conhecimento da realidade local; . Formação técnica de base; . Contactos prévios com outras experiências; . Experiência conjunta de alguns elementos em trabalhos anteriores ( mas não em grupos coincidentes). Pontos fracos identificados nos parceiros: . Necessidade de formação para a multiculturalidade; . Necessidade de formação específica; . Necessidade de estruturar formalmente novas parcerias (locais, regionais, nacionais e transnacionais); . Existência de subgrupos. As necessidades detectadas caracterizam-se aos seguintes níveis: . Melhoria da capacidade de intervenção num meio caracterizado pela diversidade cultural; . Conhecimento de novas metodologias de trabalho de projecto com públicos desfavorecidos (pedagógicas e sócio-económicas); . Conhecimento de outros projectos com públicos desfavorecidos / consolidar parcerias; . Construção de uma equipa coesa (aproximação dos diferentes subgrupos). No entanto, verifica-se a necessidade de aferir procedimentos, conhecer novas metodologias de acção e construir uma equipa coesa por forma a potenciar a intervenção prevista no projecto. Entidades Empregadoras No actual contexto económico social, é reconhecida, cada vez mais importância às PME's. Para esse facto têm contribuído factores como a sua representatividade numérica, a capacidade de gerar riqueza e emprego e o seu potencial de sobrevivência num meio em constante mutação. São também conhecidas as dificuldades que as PME's enfrentam e o facto de, muitas vezes, estar em causa a sua sobrevivência. Para assegurar esta última e, mais do que isso, o crescimento das PME's, importa reforçar a sua competitividade. Este reforço passa essencialmente pelo estímulo da capacidade de gestão, comercial e de produção das empresas, por forma a poderem responder adequadamente, senão mesmo antecipar-se, às exigências do mercado. A concretização destes objectivos depende, em grande parte, das formas de organização e de gestão das empresas e da melhoria na qualidade da intervenção. A formação desempenha, assim, um papel central neste processo. A formação em local de trabalho será uma componente da formação profissional do público desfavorecido. Para isso irá contar-se com a colaboração de 13 entidades empregadoras, que serão empresas agrícolas hospedeiras deste público. Características das entidades empregadoras: .Estas treze entidades empregadoras são as que terão capacidade para futuramente vir a participar na formação profissional, contribuindo para a integração de determinado grupos desfavorecidos e para a consecução dos objectivos a que o projecto em causa visa atingir. .Constata-se que todas as entidades estão directamente relacionadas com o meio rural. De facto, são entidades que se dedicam à viticultura, à agricultura e à agropecuária. Necessidade de Formação e Recursos Humanos Praticamente todas as entidades têm necessidade de contratar novos colaboradores e também têm necessidade de formação profissional . Estes resultados evidenciam uma necessidade clara de formação nas empresas do concelho. As funções profissionais para as quais existe necessidade de formação, são as funções relacionadas com a Vinha (poda, enxertia e vindimas), a Agricultura (lavoura, tractorista), a Pastorícia (pastores e tosquiadores), e actividades relacionadas com o Olival. Relativamente aos meios para superar as necessidades de formação profissional, as entidades têm necessidade de recrutar pessoal para formar. As necessidades de formação são a médio prazo (entre seis meses e um ano). Público desfavorecido No que se refere à participação no emprego, a promoção de um mercado de trabalho aberto a todos é um objectivo central da política de emprego portuguesa, dando especial atenção às necessidades dos grupos mais vulneráveis, através do desenvolvimento de políticas preventivas e activas, visando a integração no mercado de trabalho. Apesar dos indicadores positivos de emprego e desemprego verificados nos últimos anos, a situação de grupos populacionais com especiais problemas de inserção profissional, nomeadamente os jovens, as mulheres e os desempregados de longa duração, bem como de outros grupos com desvantagens especiais (deficientes, ex-reclusos, toxi e ex-toxicodependentes, minorias étnicas) aponta para uma crescente importância de fenómenos de desajustamentos qualitativos, associados a processos de reestruturação lentos que vêm marcando a evolução da economia portuguesa. A população do concelho de Reguengos de Monsaraz, apresenta um nível baixo de formações escolares e qualificações profissionais, representando um fraco potencial de conhecimentos, actualização, adaptabilidade e inovação. Expectativas e Atitudes face à Formação Profissional A formação profissional é uma etapa fundamental no processo de integração sócio-profissional de determinados colectivos, nomeadamente, daquelas que são vítimas das principais formas de discriminação e de desigualdade, especificamente assente no mercado de trabalho. Exemplos destas são a discriminação ligada ao sexo, à raça, à origem étnica, à religião, às convicções, à deficiência, orientação sexual, entre outras. Esta assume-se como um agente de mudança fundamental no processo de ajustamento das qualificações profissionais e das competências dos indivíduos às exigências da sociedade e constitui, acima de tudo, uma medida estratégica capaz de potenciar transformações económicas, por via das pressões do mercado de trabalho sobre a economia. Contudo, embora a formação já esteja devidamente institucionalizada, ainda não consegue abranger todos aqueles que era suposto serem seus destinatários. Sendo a formação não apenas um direito, mas também um imperativo, tanto para a economia como para a sociedade, o certo é que ainda são marginalizadas largas franjas da população, cujas oportunidades de inserção no mercado de trabalho, fortemente concorrencial e com exigências de qualificação cada vez maiores, se vêem assim reduzidas. Atelier de Acolhimento A integração de crianças oriundas de meios sócio-económicos desfavorecidos no sistema escolar apresenta, em termos práticos, algumas dificuldades originadas, entre outros aspectos, pela ausência de pré-requisitos que são considerados importantes pelos Professores. De facto, assegurar o acesso destas crianças ao sistema não é suficiente, o ciclo só se completa se for possível promover o seu sucesso. A frequência da Educação Pré-escolar reveste-se, assim, de importância assinalável. As influências do meio familiar contribuem para o sucesso, ou insucesso, na adaptação à escola e no desempenho dos alunos. Esta visão é confirmada no nosso estudo pelos Professores que os acompanham na vida escolar. Foi-lhes pedido que referissem o nível de competências que detectam nas crianças de meios sócio-económicos desfavorecidos no início da frequência do 1º ciclo do Ensino Básico. A definição das competências foi elaborada tendo como base o Projecto Curricular de Escola, o qual foi construído pelo pessoal docente da mesma. Desta forma, procurámos assegurar que as questões apresentadas no instrumento de recolha de dados fossem coincidentes com os critérios pré-definidos pelos professores. O sentido das suas respostas leva-nos a concluir que essas competências são por eles consideradas insuficientes em todas as dimensões contidas no instrumento. Ou seja, os alunos provenientes de meios sócio-económicos desfavorecidos raramente demonstram possuir competências no plano da integração social na escola, sendo os valores mais negativos no âmbito das aquisições básicas consideradas fundamentais no referido Projecto Curricular de Escola. Por outro lado, da análise feita ressalta o entendimento de que as famílias de meios desfavorecidos não relacionam o esforço pessoal com o sucesso e não constróem projectos de vida a médio ou longo prazo. Na medida em que os autores consideram que as perspectivas futuras dos filhos são influenciadas pelo nível de ambição dos pais, não é de estranhar que eles não entendam a educação como forma de promoção sócio-económica. Esta visão é reforçada pelos resultados que obtivemos na consulta às opiniões dos pais, os quais, estando incluídos nos grupos sociais referenciados, demonstram que não têm tido a preocupação de integrar os seus filhos no sistema de ensino, a não ser no acesso directo ao 1º Ciclo do Ensino Básico. Foi, também referido que a escola adopta, geralmente, as normas e valores dos grupos sociais dominantes. As minorias sociais ficam, assim, em situação de desvantagem. Se, por um lado, estas famílias admitem o acesso dos seus filhos à escolaridade apenas no início do 1º Ciclo, verifica-se uma tendência para aceitarem um integração mais precoce nos sistema, ainda que seja sob condições por eles indicadas, como a localização dos Jardins de Infância. Este aspecto da nossa investigação leva-nos a considerar que estão criadas algumas condições para que as estruturas locais procurem rentabilizar esta predisposição do grupo estudado construindo as respostas adequadas. O centro de acolhimento para crianças e jovens poderá, assim, representar uma mais valia que conjugue as intenções manifestas dos parceiros com as necessidades e interesses da faixa da população mais desfavorecida socialmente.

dot Top


Objective

Text available in

1 - Promover práticas efectivas de cidadania: - estimulando a auto-representação; - facultando o contexto / conhecimento de realidades sócio-culturais diferenciadas; -desenhando projectos de vida pessoal e profissional a médio e longo prazo; - e, participando em processos de tomada de decisão. 2 - Potenciar a integração sócio-profissional de grupos desfavorecidos: - elevando as suas competências escolares, profissionais e pessoais; - e, ocupando efectivamente postos de trabalho no mercado local. 3 - Promover a conciliação entre a vida profissional e familiar dos grupos alvo envolvidos no projecto: - implementando um espaço interactivo de acolhimento de crianças e jovens. 4 - Sensibilizar o tecido empresarial para a necessidade de promover a igualdade de oportunidades: - envolvendo activamente os empregadores numa prática não discriminatória de recrutamento de pessoal: minorias étnicas, portadores de deficiência, mulheres, etc.. 5 - Alargar a competência dos técnicos na relação de ajuda, optimizando as suas intervenções com grupos desfavorecidos.

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics