IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 e.plus - Mediação para a Igualdade no Mercado de Trabalho ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : INDE, Organização Cooperativa para a Intercooperação e o Desenvolvimento, CRL
Other national partners : AERLIS - Associação Empresarial da Região de Lisboa
Associação Fernão Mendes Pinto
CIES - Centro de Investigação e Estudos de Sociologia CRL
DUVIDEO-COOPERATIVA PROFISSIONAIS DE IMAGEM, CRL
Escola EB 2, 3 Bartolomeu Dias, Sacavém, Loures
Escola Secundária Professor Herculano de Carvalho
MUNICIPIO DE LOURES
EQUAL theme :Employability - (Re-)integration to the labour market 
Type of DP :Sectoral - Specific discrimination and inequality problems 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2001-103 
Application phase :Approved for action 2 
Selection date :09-09-2002 
Last update :10-01-2005 
Monitoring: 2002  2003   

Rationale

Text available in

The project E Plus integrates concerns that have been shared by an increasing number of actors which intervene in the integration of different spheres (employment, professional training, education: to identify the emergency of mediation functions in the different spheres, the opportunity of an effort for qualification for this (new) functions, the collective meaning of its construction, so that it can be socially appropriated, and the imminent discovery character from this social laboratories (which are the different intervention fields) through an objective effort and reflection about the actors knowledge and its central function on the rebuilding of social bonds and identity reconstruction, from those that due to their school, social or cultural background and circumstances in their personal and professional life are in risky situations (social exclusion).The axis programming obeys to the following fundamental goals and connections between different axis will be guaranteed. Axis 1 The importance and visibility of the partnership from different institutions (public and private) related with the help for mediation and job search has been increasing. Different researches allowed to analyse the heterogeneity of the interventions, the difficulty to conciliate common intervention strategies on a territorial scale and the difficulty of consensual and solving group situations, conducting even to the knowledge improvisation, taking the risk taking actions based only upon the common sense, and the stigmatisation of the target population involved in these structures. In the frame of deepen diagnosis, we made an enquiry with a questionnaire which involved ten private and public institutions. The principle elements of the diagnosis confirms the absence of a training in the inter mediation field, the strong disparity of academically training (sometimes the agents which perform these functions only have "relational skills"), the difficulty in defining explicitly the way of the agents functions and make an objective analyses of the above mentioned factors. The presence of a great diversity of academic training in the assumption of this inter mediation positions can not be considered an obstacle, but a positive factor, which positively intervenes in the multidisciplinary team constitution. However, different researches made at the community level underline the importance " of developing an European offer of continuous actors training" and the need to encourage "an exchange between professionals, also at the national scale". Axis 2 The tutorship constitutes a mean of integrating of the youth in a collective work, "becoming the work situations also a training, which means crating a favourable way of learning in a place of professional exercise, which allows the transmission of specific knowledge "connected to different activities branches. There are several aspects that reinforce the importance of an early integration in the work sphere, which subsequently privileges a later professional integration. This aspects can strongly influence the success of this integration: the content of the pedagogical relation which is established between the tutor and the trainee, the instruments which the tutor deposes in the exercise of the training action, the investment and the orientation of the enterprise in this process, the intensity of the trainees participation in the process, the follow up and the evaluation system built by the involved parts (despite the tutor/enterprise, the trainee, and frequently instances of (inter) mediation, as Employment Centre, UNIVAS, Employment Clubs, ADLs, etc). The process of tutorship involves two complementary and interdependent dynamics, the professional socialisation and skills acquisition. The diagnosis made in phase 1 was based upon three components: 1.Work of projects identification, researches produced over tutorship, which allow some organisation about the subject through presented technique theoretically tested proposals. 2. The field experience in the PD, in the connection with enterprises and tutorship experiences made during the last years. 3. In an exploratory questionnaire made to enterprises (businessmen responsible for human resources), to the tutors of 15 different sectors of enterprises and different dimensions, and to youngsters that benefited from a tutorship experience, actually integrated or not in their host enterprises. The diagnosis confirms the incipient instruments construction of follow up and evaluation from the function. It also obvious that when the direction board of an enterprise puts a strong effort in this function as a strategic option, this assumes totally major success probabilities. Though clearly insufficient and almost inexistent, the training of the tutors is a central tool in the tutorship organisation. The work made by this axis will search to answer to this faults, creating, always a co-production strategy, with the external participants support, and through the examples in different sectors activities (environment, communications, etc), and support instruments to the practice of tutorship and the assumed incorporation of these agents by the enterprises. It will be also considered, the possibilities of transition between the education system and the sub training system, which allows the school and training centres (from schools, employment) to participate and make this transition easier to guarantee the co-follow up of this situations, contributing, with their pedagogical skills, to the follow up of the trainees and the increasing and strengthening of the pedagogical capacities from the tutor, through a validation process of skills, which simultaneous contributes to dignify the tutor status. This liaison will be assumed by the centre RVCC of which INDE is responsible and by their partners. Axis 3 In Action 1, the E.Plus project defined its activities around one specific concern: the bias notion and its identification (over qualification, gender, age, ethnic and deficiency bias). Social marketing is like a set of tools that allow the social image evolution, the bias retrocession and the modification of human resources policy in enterprises. Social marketing can be understood as an empowerment tool that will find opportunities of its practices improvement. In this framework, we came with a technical proposal: adapted software for no bias in employment process and a sensitisation proposal: conception of a communication campaign and a communication proposal: the thematic television. Giving visibility to good practices implies the attests and reports diffusion through television. This proposal results includes a viability study concerning a TV thematic channel associated with two enterprises (Duvideo and PT partners) in a straight liaison with a transnacional partner (Changez!). Axis 4 Some professional knowledge is associated with stereotypes that devalue, know how, skills, competencies and individuals. This devaluation is not dissociated from the specific social mechanisms that are inserted in social contexts (like schools and family). As central actors in this mechanism, we find the youngsters looking for their professional future. However, the choice of a profession it is not an easy task. So, there is one of the most significant questions for the choice of a profession; the search for information and misunderstandings between new market dynamics and the wishes and perplexity of the youngsters. To support the youngsters in key moments of their educational training becomes fundamental. On the other hand the actual offer of training, and later professional integration of these youngsters is largely restrained by the representations that youngsters and their family have of their professions. It is necessary to justify the choices, which can be made through a brainstorming (with several actors: families, youngsters and school) that allows destroying stereotypes and supporting options of the professional life. To fundament the choices, search for information and to analyse possibilities depends upon, essentially, from understanding the representations that are associated to the professions. In this frame, the Teachers Training Centres as a way to transmit information and the schools as a basis of these concerns, both goals assume a protagonist role. Then the creation of methodological instruments related with the professional integration/orientation as profession maps, which can be adopted and used by other agents (employment experts from the private and public sector), this because workshops are fundamental for a possible conjugation between the educational system and the training system. Axis 5 In the social integration process of ethnic minorities, the access and application of several public services allows the exercise of citizenship, therefore it assumes a central role. However, the access to the health, social security and habitation systems by minorities do not develops in an equal form. Several facts lead to that situation: distance between the services ant the population; weak divulgation of rights and procedures to obtain them; technicians with weak intercultural formation. This situation is responsible for the ethnic minorities social rights privation, for racial phenomena and for the creation of a bad relation between the institutions and those publics what certainly can compromise their professional chances. Several studies realised with reallocation housing population can verify that those people have something in common: the difficulties to accede to the public services. Some institutions are, in fact, aware of the intercultural questions, racism and discrimination problems, however they do not always adopt a policy of proximity between the institutions ant the ethnic minorities. So, it is fundamental to promote new practices adopted by others as to create mechanisms able to transform those daily practices

dot Top


Objective

Text available in

Main objective: To promote employment measures and fight against vulnerability processes of excluded population by combining reflection and production of adapted tools to ease their economic and social inclusion, namely for a large number of emerging jobs of inter (mediation). Specific objectives: - To associate different types of actors intervening in different territory contexts, but with similar problems, in a reflection/production of methodology and operational tools related to central axes of social exclusion. - Production of methodology tolls for different publics that by their nature have a direct contact (namely (inter) mediation tasks) with vulnerable population, on the social point of view - Production of adapted curricula to new (inter) mediation tasks and training trainers course - Develop practices and inclusive tools, facilitators of social and economic inclusion of people and victims of discriminatory practices, based on age, sex or ethnicity bias. - Production of operational supports that allow the correct use of employment structures of professional inclusion - Clarification of (inter) mediation related tasks within several emergent professions - Production of tools to dismounting negative representations associated with professionals related to agriculture, environment, public works and family support - Pedagogic material production, with a strong emphasis on the new information technologies, adapted to training needs of emerging professions in the mediation area - Contribution to the embodiment of enterprises social responsibility, namely in the media sector.

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Guidance, counselling *
Training on work place **
Work placement *
Employment aids (+ for self-employment) **
Integrated measures (pathway to integration) **
Employment creation and support **
Training of teachers, trainers and staff **
Improvement of employment services, Recruitment structures ***
Conception for training programs, certification **
Anticipation of technical changes *
Work organisation, improvement of access to work places *
Guidance and social services **
Awareness raising, information, publicity **
Studies and analysis of discrimination features **

Type of innovation Rating
Process-oriented ***
Goal-oriented *
Context oriented **

Text available in

O projecto propõe-se a partir de diferentes situações charneira entre funções de acolhimento e públicos desfavorecidos (na área do emprego, na fronteira entre sistema de educação e sistema de formação, nas empresas através de mediação do tutor e de outras estruturas de acompanhamento, nas instituições em diferentes esferas da intervenção social, desenvolver um conjunto de instrumentos que se propõem melhorar a qualidade desta relação de intermediação/acompanhamento, rentabilizar o potencial intrínseco existente nas organizações e nomeadamente nas instituições do Estado, através de uma abordagem praxeológica, ou seja que envolve actores, agentes e suas práticas, que valorize e qualifique os actores e as organizações para enfrentarem os desafios de uma sociedade em mudança, sem se perder o sentido "social" da acção que se empreende. A abordagem que desenvolvemos valoriza uma forte encastragem societal, nas práticas dos actores. A incorporação de uma dimensão de comunicação forte responde às exigências de tornar as propostas do projecto acessíveis em diferentes escalas, e esta é também uma escolha estratégica e inovadora do projecto: a nível de parceria nacional e transnacional garantir a produção de conteúdos de comunicação (através de propostas de canais de televisão, campanhas de comunicação) e contribuição para uma construção e utilização cívica dos media. Do mesmo modo a forte incorporação de novas tecnologias e de produção de instrumentos mais tecnológicos (compatibilização com bases de dados, criação da árvore decisional) respondem a exigências de funcionalidade e operacionalidade de funcionamento do sistema (de intermediação), nomeadamente nos interfaces entre empresários, estruturas de intermediação e utentes, não sendo propostas isoladas do contexto de interacções e dinâmicas sociais. CIES mobiliza o conhecimento produzido em projectos afins, desde as transformações institucionais que estruturam a sociedade até múltiplos projectos específicos ligados às profissões e suas dinâmicas actuais. INDE propõe uma abordagem integrada, associada a um historial e experiência,. AERLIS garante a possibilidade de ligação mais larga ao mundo empresarial e competências em matéria de produtos tecnológicos PT assegura a ligação a agrupamentos de grandes empresas e, a saberes acumulados no quadro do tutorado Duvideo é fundamental para a produção e difusão de vídeos e, implementação estudo sobre um canal temático - em Portugal CFPAS assume responsabilidade de operacionalização do estudo, formação e disseminação nas escolas. EEB23BD assegura a capitalização das práticas a articulação escola-trabalho (experiência da UNIVA) escola-sociedade AFMP é uma das inst. de intermediação, com um longo historial no terreno e, que trará inputs relevantes na construção dos materiais e reflexão. GARSE garante a disseminação de uma experiência concelhia que, com a produção de materiais de divulgação, possibilitará influenciar e inflectir práticas institucionais seculares

dot Top


Budget Action 2

250 000 – 500 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  3.7%  3.6% 
Employed  28.5%  33.9% 
Others (without status, social beneficiaries...)  15.8%  14.5% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  15.1%  15.2% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  32.7%  37.0% 
  100.0%
 
Physical Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  47.9%  52.1% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  47.9%  52.1% 
  100.0% 
 
< 25 year  11.5%  10.9% 
25 - 50 year  36.4%  41.2% 
> 50 year  0.0%  0.0% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Gender discrimination **
Discrimination and inequality in employment ***
Other discriminations *
Low qualification **
Racial discrimination **
Unemployment **

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Developing collective responsibility and capacity for action
Participation in the project design
Participation in running and evaluating activities
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português
  • português
  • français
  • English

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.1%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
101 UNITED PROJECTS ACCESS ECONOMY (UPAE) PILLAR 1 AND PILLAR 3 ES ES361
IT IT-G-TRE-003
NL 2001/EQA/0106
NL 2001/EQE/0060
UKgb 18
UKgb 39
UKgb 67
1822 CHANGEZ! FR NAT-2001-10532
NL 2001/EQE/0054

dot Top


Background

 

 Involvment in previous EU programmes

  • Two and more partners involved in A&E

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
INDE, Organização Cooperativa para a Intercooperação e o Desenvolvimento, CRL Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
AERLIS - Associação Empresarial da Região de Lisboa
Associação Fernão Mendes Pinto
CIES - Centro de Investigação e Estudos de Sociologia CRL
DUVIDEO-COOPERATIVA PROFISSIONAIS DE IMAGEM, CRL
Escola EB 2, 3 Bartolomeu Dias, Sacavém, Loures
Escola Secundária Professor Herculano de Carvalho
MUNICIPIO DE LOURES

dot Top


Agreement Summary

Text available in

INDE is the general coordinator and member of the coordination group. It is important to refer, that the co-ordination group is constituted by INDE, AERLIS and GARSE. Though the project implies the notion of shared responsibility, which means that the final goal is to intensify the results trough different skills from each partner. It was also created a follow-up group constituted by CIES and CRSS Moscavide, IEFP, SEF, PSP, MS and IGT - organisations that stated their interest and participation in the project. This group will be connected to the co-ordination group and will promote liaison between project-institution-general society, being able to return data for a broader intervention in social policies. To achieve a better framing of the results (defined in 5 axis), the Working Groups will produce their own instruments, reflect about their procedures, structures and timings and also the results and final products. Other structures could fit in the Work Groups, namely by sharing specific tasks that aim to reinforce some intervention areas. With the purpose to deepen the discussion in internal level, the project will promote bilateral meetings in a way to reflect about the actions and about the internal organizations procedures. This option tries to understand the particularities of such organizations and therefore find and produce well succeeded experiences. A way to maximise PD results is to establish an exchange of instruments and methodologies with other projects presented to EQUAL Programme. A platform was built to share ideas with the projects "TRILHOS" and "Emprego Apoiado" inserted in an approach that promotes dialogue and openness. To partners and project participants, negotiation is considered as strategy for the internal decision making process. Therefore, a listening approach on expectations and needs, already initiated during phase 1, and the decision making procedures will be directed by work groups, bilateral meetings and the follow up structure.

Last update: 10-01-2005 dot Top


INDE, Organização Cooperativa para a Intercooperação e o Desenvolvimento, CRL

(INDE )
Av. Frei Miguel Contreiras, 54 - 3º
-
P-1700-213-LISBOA Lisboa

Tel:+351218435870
Fax:218435871
Email:-

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:08-06-2004 /

Text available in

A INDE tem como objectivo intervir com as pessoas, comunidades e instituições e/ou associações na erradicação da pobreza, da exclusão social, da injustiça, pela garantia de direitos fundamentais à democracia, à educação, ao trabalho, à cultura, à influência nas transformações sociais, i.e., à participação nas diferentes esferas de actividade e no exercício da cidadania activa. Para atingir os seus objectivos, a INDE desenvolve uma estratégia articulada assente na realização de projectos de desenvolvimento local, urbano e rural, em Portugal, UE, em P.D:, no combate à exclusão social e discriminação, na promoção da igualdade de oportunidades, incentivo à participação, promoção de direitos humanos, associativismo, incentivo ao diálogo institucional/civil, criação e animação de redes (investigação, de DL), de estudos de viabilidade técnica, social e económica, de planeamento e gestão de projectos, concepção e de difusão de métodos de DL), de estudos de viabilidade técnica, social e económica, de planeamento e gestão de projectos, concepção e de difusãode métodos de DL e na concepção de material informativo /pedagógico.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Cristina Cavaco Cristina +351218435870 ccavaco@inde.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


AERLIS - Associação Empresarial da Região de Lisboa

(AERLIS)
Rua S. Salvador da Baía, Ed. Aerlis, Pq Poetas
-
P-2780-017-OEIRAS Oeiras
-

Tel:+351210105000
Fax:210105001
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Employers' organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:06-12-2004 /

Text available in

A AERLIS é uma associação empresarial sem fins lucrativos, de utilidade pública e com âmbito distrital. A Associação foi criada em 12 de Fevereiro de 1992 e tem por fim promover o desenvolvimnto de actividades económicas do Distrito de Lisboa nos domínios técnico, económico, comercial, associativo e outros e assegurar aos seus associados uma crescente participação nas decisões e nos programas que com essas actividades se relacionam. A Missão da AERLIS tradu-ze desta forma na prestação de serviços de elevada qualidade às empresas de Lisboa, tornando-as mais competitivas nos mercados em que operam, para além da representação dos seus associados e defesa dos seus interesses.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Vitor Ventura Ramos Vitor +351210105000 v.ramos @aerlis.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Associação Fernão Mendes Pinto

(-)
Rua Dr. José Galvão, 211
-
P-3140-853-MONTEMOR-O-VELHO Montemor-o-Velho

Tel:+351239687170
Fax:239687175
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:BAIXO MONDEGO
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

A AFMP é uma IPSS, criada em 1977, sediada em Montemor-o-Velho e cujo "objectivo é a concessão de bens e a prestação de serviços de solidariedade social, podendo desenvolver outras actividades culturais, recreativas, educativas, de defesa do ambiente e de formação profissional". A AFMP defende a promoção da participação das populações, a todos os níveis, no sentido da igualdade de oportunidades, no acesso à educação, cultura, trabalho, participação social e política. As suas iniciativas promovem a (re)inserção dos cidadãos na sociedade, particularmente, os públicos em situação ou risco de exclusão social. Em 1998, passou também a ser ONGD. A AFMP aposta na constituição de filiais, na adesão a movimentos que prossigam os mesmos objectivos e no envolvimento dos actores sociais na procura de respostas para as necessidades da sociedade actual. Dispõe de uma equipa multidisciplinar que desenvolve um conjunto de programas, privilegiando nas suas intervenções a lógica do partenariado.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Susana Raquel dos Santos Rodrigues Martins Susana +351239687520 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


CIES - Centro de Investigação e Estudos de Sociologia CRL

(-)
Avenida das Forças Armadas - ISCTE
-
P-1649-026-LISBOA Lisboa

Tel:+351217903077
Fax:
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:University / Research organisation
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

O CIES é um centro universitário de investigação associado ao Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa. Desenvolve projectos de investigação nas áreas das Ciências Sociais com particular destaque para a Sociologia. Os seus investigadores são, na sua maior parte, sociólogos mas também se têm registado participações de historiadores, economistas e psicólogos. Promove a publicação científica; o intercâmbio com universidades e centros estrangeiros e nacionais; promove iniciativas de cooperação e debate científico; colabora em acções de formação profissional e desenvolve novas temáticas científicas. Alia fortemente uma concepção teórica ao desenvolvimento de pesquisa empírica.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Ana Benavente Ana +351218472664 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


DUVIDEO-COOPERATIVA PROFISSIONAIS DE IMAGEM, CRL

(DUVIDEO)
Rua Cidade de Tete, 12 atelier
-
P-1800-129-LISBOA Lisboa
-

Tel:+351218611130
Fax:218611140
Email:duvideo@mail.telepac.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:06-12-2004 /

Text available in

A Duvideo é Sócio fundador da Associação de Produtores Independentes de Televisão (APIT), e membro da Associação para a Promoção do Multimédia em Portugal (APMP). Integra uma equipa de especialistas em televisão, vídeo e multimédia e conta com técnicos e meios para assegurar produções de elevada qualidade. Possui a flexibilidade e a autonomia essenciais para fazer face aos desafios estratégicos do presente e do futuro no universo do audiovisual, com destaque para a internacionalização e selectividade crescente do mercado, as quais exigem uma permanente inovação tecnológica. Com cerca de 20 anos de existência, já produziu um total de 9.500 horas de programação, emitidas nas estações de televisão nacionais e entre os seus principais clientes destacam-se os canais de televisão nacionais e alguns internacionais, agências de publicidade, e grandes empresas ligadas aos mais variados sectores de actividade.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
João Manuel Marques da Silva João +351218611130 msilva@portugalmail.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Escola EB 2, 3 Bartolomeu Dias, Sacavém, Loures

(-)
Rua Heróis do Ultramar
-
P-2685-064-SACAVÉM Loures

Tel:+351219427820
Fax:219413809
Email:lip.bartdias@mail.telepac.pt

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Education / training organisation
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

A Escola EB 2.3 Bartolomeu Dias situa-se na cidade de Sacavém, Concelho de Loures. Foi criada em 1983, inicialmente para o 5º e 6º anos. Com o decréscimo de alunos do 2º ciclo, a escola alargou progressivamente os anos de escolaridade para o 3ª ciclo. Além das actividades lectivas a escola desenvolve várias actividades de complemento curricular. Devido às características da sua população, de baixo nível sócio-económico, com elevado número de alunos de etnias africanas e com um grande número de alunos provenientes de bairros de realojamento, pretende-se uma interacção com o meio social fora das fronteiras da escola procurando dar respostas para as dificuldades de integração social e profissional dos alunos e das suas famílias.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Maria Helena Carreira Maria +351219427820 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Escola Secundária Professor Herculano de Carvalho

(CFAS)
Av. Dr. Francisco Luís Gomes
-
P-1800-181-LISBOA Lisboa
-

Tel:+351218540486
Fax:218532167
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Education / training organisation
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:06-12-2004 /

Text available in

O Centro de Formação António Sérgio é constituído por uma associação de escolas de diferentes níveis de ensino das freguesias de Santa Maria dos Olivais, Marvila e Beato e tem como primeira função organizar a formação dos agentes educativos (professores, funcionários, administativos, auxiliares de acção educativa, pais e alunos) das escolas em referência. Para além destas funções, desenvolve ainda actividades de incrementação cultural junto da comunidade educativa com a realização de visitas e actividades de desenvolvimento do gosto pelo ambiente e pelo património local e nacional. É também o CFAS uma entidade preocupada com a intervenção social e aí ter estabelecido protocolos de colaboração e parceria em diferentes projectos com uma organização não governamental (INDE) na perseguição de uma intervenção mais específica e actuante junto da comunidade. Numa dimensão europeia o CFAS é coordenador e parceiro de projectos Comenius desde 1995.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Noémia Neves Felix Noémia +351218540486 cfasaeomb@mail.telepac.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


MUNICIPIO DE LOURES

(-)
Praça da Liberdade, 8
-
P-2674-501-LOURES Loures

Tel:+351219829800
Fax:219848051
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:GRANDE LISBOA
Date of joining / leaving:07-06-2002 /

Text available in

CMLoures - Autarquia Local/Administração Pública GARSE - Gabinete de Assuntos Religiosos e Sociais Específicos/Áreas de Intervenção: - Intervenção Comunitária/Desenvolvimento Local - Parcerias com Associações de Imigrantes - Parcerias com Instituições Religiosas - Parcerias com Instituições de Solidariedade Social - Parcerias com Centros de Estudos - Formação dos Parceiros e dos Actores - Formação de Mediadores - Articulação Institucional e Sistemas de Informação



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Isabel Vieira Isabel +351219849158 No mail submited Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

E.PLUS - MEDIACAO PARA A IGUALDADE NO MERCADO DE TRABALHO

Rationale

Text available in

O Projecto E.Plus inscreve-se em preocupações que vêm sendo partilhadas por um número crescente de actores que intervêm no campo da inserção nas diferentes esferas (emprego, formação profissional, educação: identificar a emergência de funções, a oportunidade de um esforço de qualificação para essas (novas) funções, o sentido colectivo da sua construção, para que ela possa ser socialmente apropriada, e o carácter eminentemente heurístico destes laboratórios sociais (que são os diferentes terrenos de intervenção) através de um esforço de objectivação e de reflexão sobre as práticas dos actores e a centralidade da sua função na recomposição de laços sociais e na reconstrução identitária, daqueles que em razão do seu capital escolar, social ou cultural, e de contingências na sua trajectória pessoal e profissional se encontram em situações de risco (desafiliação, exclusão social). A programação por eixos obedece a objectivos de organização, as interacções e articulações entre os diferentes eixos serão garantidas. Eixo 1 Têm assumido progressivamente maior importância, as funções charneira de diferentes estruturas (públicas e privadas) que intervêm na mediação entre procura e oferta de emprego. Diferentes estudos permitiram constatar a heterogeneidade das formas de actuação, a dificuldade em conciliar estratégias comuns de intervenção à escala dificulta a visibilidade e a lisibilidade sobre a natureza e o alcance dos diferentes tipos de intervenção. No aprofundamento do diagnóstico, realizámos um inquérito junto de 10 estruturas públicas e privadas. Os principais elementos de diagnóstico confirmam a ausência de uma formação no campo da intermediação, a forte disparidade de formações académicas (por vezes os agentes que desempenham estas funções só têm "competências relacionais"), a dificuldade em definir de modo explicito as funções dos agentes e objectivar os descritores comuns. A presença de uma grande diversidade de formações académicas na assunção destes cargos de intermediação não deve ser considerada um obstáculo, mas antes um factor positivo, que intervém favoravelmente na constituição de equipas multidisciplinares. No entanto, diferentes estudos realizados a nível comunitário sublinham a importância "de se desenvolver uma oferta europeia comum de formação contínua de actores". Eixo 2 O Tutorado constitui um meio de realizar a integração dos jovens num colectivo de trabalho. Vários são os aspectos que merecem ser considerados e que podem condicionar fortemente o sucesso desta integração: o conteúdo da relação pedagógica que se estabelece entre tutor e formando, os instrumentos de que dispõe o tutor no exercício da acção formativa, o investimento e as orientações da empresa neste processo, a margem de participação dos formandos, o acompanhamento e dispositivo de avaliação construído pelas partes envolvidas. O processo de tutoria envolve duas dinâmicas complementares e interdependentes, a socialização profissional e a aquisição de competências. O diagnóstico realizado na fase 1 baseou-se em três componentes: 1. trabalho de identificação de projectos, estudos e produtos realizados sobre o tutorado, que permitiu alguma sistematização na matéria e partir de propostas técnicas e teóricas já testadas 2. A experiência de terreno da PD, na sua relação com as empresas e de tutorado realizadas ao longo destes últimos anos 3. de um trabalho exploratório de questionário às empresas (empresários ou responsáveis RH), aos tutores de 15 empresas de sectores e dimensões diferentes e a jovens tendo beneficiado de uma experiência de tutorado. O diagnóstico vem confirmar a incipiente construção de instrumentos de acompanhamento e avaliação da função; quando a direcção da empresa investe fortemente esta função, como uma opção estratégica, esta assume-se plenamente e com maiores probabilidades de sucesso; embora claramente insuficiente e quase inexistente, a formação dos tutores é uma peça central na organização do tutorado. O trabalho realizado neste eixo procurará responder a estas lacunas, criando, sempre numa lógica de co-produção, mas com o apoio de intervenientes exteriores, instrumentos de apoio à prática de tutorado e à incorporação assumida desta figura pelas empresas, bem como as possibilidades de transição educação/formação, ou seja de que forma, se pode favorecer a transição e garantir o co-acompanhamento destas situações, através de um processo de validação de competências, que simultaneamente contribuirá para dignificar o estatuto do tutor. Esta ligação será assumida concretamente pelo centro RVCC de que a INDE é responsável e pelos seus parceiros. Eixo 3 Num quadro geral de diagnóstico de luta contra a discriminação que corresponde a valores e enquadramentos muito diferentes e abordagens específicas a da dimensão legal, a da dimensão do mercado, a da dimensão da responsabilidade social, a noção de "responsabilidade social da empresa" tem vindo a ganhar relevância devido nomeadamente à publicação do "Livro Verde" da Comissão Europeia em Julho de 2001. Na base do trabalho efectuado na Acção 1, o projecto E.Plus orientou a definição das actividades centrado num eixo de trabalho em torno da noção de preconceito e da sua identificação (o preconceito da sobre-qualificação, o preconceito da pertença étnica, o preconceito de género, o preconceito da idade, o preconceito da deficiência). O marketing social constitui um conjunto dos instrumentos que permitem a evolução das representações, o recuo dos preconceitos e a modificação das práticas dos responsáveis pela gestão dos recursos humanos na empresa. Representa uma ferramenta de emporwerment para este grupo, que irá encontrar oportunidades de valorização do melhoramento das suas práticas. Neste quadro insere-se uma proposta técnica : software de ajuda à contratação sem preconceito, uma proposta de sensibilização : concepção de uma campanha de comunicação e uma proposta de comunicação : a televisão temática A possibilidade de valorizar publicamente as boas práticas passa por uma proposta de difundir, na televisão, reportagens e testemunhos. Este é uma proposta resultante da Acção 1. Inclui um estudo de viabilidade sobre um canal televisivo temático associando uma produtora (Duvideo) e um actor do cabo (Portugal Telecom), em estreita ligação com uma parceria transnacional ("Changez!). Eixo 4 As profissões de hoje inserem-se num imaginário social caracterizado de imagens positivas e negativas, de status e de hierarquias. A algumas práticas profissionais encontram-se associados estereótipos que desvalorizam, saberes, competências e mesmo indivíduos. Ora, essa desvalorização não se encontra divorciada dos próprios mecanismos sociais que se encontram em contextos mais ou menos distintos como as escolas e as estruturas familiares. Como actores centrais nestes mecanismos, encontram-se os jovens à procura do seu rumo e do seu percurso profissional e aqui reside uma das questões fulcrais para a escolha de uma profissão: a procura de informação e os encontros e desencontros entre as novas dinâmicas do mercado de trabalho e as aspirações, as dúvidas e perplexidades dos jovens. Apoiar os jovens em momentos chave das suas escolhas torna-se decisivo. A actual oferta de formação, e a posterior integração profissional destes jovens estão largamente condicionadas pelas representações que os jovens e as suas famílias têm das profissões É necessário fundamentar as escolhas, o que pode passar por um espaço de discussão (com vários a actores como as famílias, os jovens, a escola, os orientadores) que permita desmontar estereótipos e assim apoiar as opções face à vida profissional. Assim, a criação de instrumentos metodológicos relacionados com a inserção/orientação profissional como os mapas de profissões, que poderão ser adoptados e reutilizados por outros agentes (sector privado e público), assim como as oficinas de trabalho são fundamentais e para uma melhor definição e fundamentação de escolhas profissionais. Eixo 5 No processo de integração social das minorias étnicas, o acesso e a utilização dos diversos serviços públicos desempenha um papel central, uma vez que permite o usufruto dos direitos básicos de cidadania. O acesso à saúde, segurança social, habitação, etc. não se desenvolve em condições de igualdade para a população maioritária e para as minorias étnicas, assentando esta situação em vários factores de bloqueio: distanciamento entre os serviços e a população, fraca divulgação dos direitos e procedimentos para os obter, formação intercultural deficiente ou inexistente dos técnicos que prestam atendimento público. Esta situação é responsável pela privação de direitos das minorias étnicas, pela sua guetização, por formas de comunitarismo exacerbadas, por fenómenos de racismo explícito e implícito e pela criação de um clima de suspeição mútua entre as instituições e a população que impede um relacionamento normal e pode contribuir para comprometer gravemente a capacidade e condições de empregabilidade desta população. A análise realizada com a população da Quinta da Fonte - Apelação, dos Terraços da Ponte - Sacavém e da Quinta da Serra - Prior Velho permitiu verificar que os problemas de acesso da população aos serviços públicos são um ponto comum. Apesar de, em muitas situações, os quadros superiores das instituições estarem sensibilizados para a dimensão de interculturalidade, da discriminação e do racismo, nem sempre a instituição consegue interiorizar uma política que promova e facilite o acesso das minorias aos serviços. Dado que o primeiro contacto (muitas vezes decisivo) da população com a instituição se faz através, por exemplo, do vigilante, pessoal administrativo ou pessoal de atendimento, é fundamental a sensibilização destes grupos não só através da disponibilização de informação sobre as práticas adoptadas por outras instituições, mas também criando mecanismos que permitam alterar as práticas quotidianas.

dot Top


Objective

Text available in

Objectivo geral: Promover a empregabilidade, lutando contra os processos de vulnerabilização das populações excluídas, associando a reflexão e a produção de instrumentos adaptados facilitadores da sua inserção social e económica, nomeadamente, para um vasto leque de funções emergentes da (inter)mediação. Objectivos específicos: - Associar actores de natureza diferente e intervindo em contextos territoriais distintos, mas com problemáticas comuns, numa reflexão/produção sobre instrumentos pedagógicos, metodológicos e operacionais, relativos a eixos centrais dos processos de luta contra a exclusão social - A produção de instrumentos metodológicos, destinados a diferentes públicos que, pela sua natureza, têm uma relação directa (nomeadamente funções de (inter)mediação) com as populações mais vulneráveis do ponto de vista social - A produção de curricula adaptados a novas funções de (inter)mediação e à formação de formadores - O desenvolvimento de práticas e instrumentos inclusivos, facilitadores dos processos de inserção social e económica das populações e vítimas de práticas discriminatórias, fundadas na idade, sexo ou pertença étnica. - A produção de suportes operacionais permitindo o correcto funcionamento das estruturas de inserção profissional - A clarificação das funções de várias profissões emergentes no campo da (inter)mediação - A criação de instrumentos que permitam a desmontagem das representações negativas associadas a profissões no campo da agricultura, do ambiente, da construção civil e do apoio às famílias - A produção de material pedagógico, com uma forte incorporação das TIC, adaptado às necessidades de formação de novas profissões emergentes na área da mediação - Uma contribuição para uma maior incorporação da responsabilidade social das empresas, nomeadamente no sector dos media

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics