IMPORTANT LEGAL NOTICE
 

 IMPULS@RAIA ascii version

Portugal

 
DP Managing organisation : Centro de Acolhimento e Integração Social
Other national partners : Municipio de Sabugal
Município de Almeida
NERGA - Núcleo Empresarial da Região da Guarda - Associação Empresarial
EQUAL theme :Employability - (Re-)integration to the labour market 
Type of DP :Geographical - Rural area - CENTRO (P) 
DP Legal status :Association without legal form 
DP identification :PT-2001-032 
Application phase :Approved for action 2 
Selection date :11-09-2002 
Last update :10-01-2005 
Monitoring: 2002  2003   

Rationale

Text available in

The sub-region Raya Seca is part of Beira Interior Norte, is included in the Distric of Guarda and limits with the Spanish frontier. The territory has 1347,3 square kilometres and a population of 23.880 unhabitants, a low populated area of intervention. Actually in the territory of Raia Seca there are 23880 unhabitants. This represents very low density figures in comparison with the sub-region Beira Interior Norte and the rest of the country. This means the territory presents a disperse area with population concentration in the municipalities of Sabugal, Almeida, Souto and Vilar Formoso concentrating more than 30% of the total population The migration flows (emigration plus internal emigrations), the ageing of local population and the descend of birth index had been direct causes of the demographic behaviour. All the above jointly provokes an increase of the coefficients of dependance, situation which will worsen. This situation conditions the investment capacity of the local administrations, direct responsibles of public primary facilities as health and social protection. The traditional weak industralization in the inland of the country caused a huge emigration process of active population particulary between the 50-70, a period of strong extension of capitalist relations in agriculture, liberarization of the working force. Given a lack of the urban employment that population emigrated to other areas of the portuguese coast other european countries. The actual scene is a Very complicated one for the decrease of natural population growth, an increase of the decease rate with the consequence of the aging of the population. On the other hand there are a significant number of young population. The weak points can be summarize as, low populated and population density area, population aging process, concentration of the population in urban areas, lack of a qualified work force able to support an economic and social structure. The actual 124 urban settlements of the sub region are integrated In 94 freguesias. They are the result of the disperse structure of the concelho, the depopulation process advances firmly, except in Sabugal, Almeida and Vilar Formoso. Agricultural is the main economical activity of all sectors. There are many full time and part time employments that are dependant on agriculture. A weak industrial layer with some traditional industries,. Some tourism activity impossible to carry out efficiently due to the lack of infrastructures. As a result of the emigration flows happened in the last decades and the consecuent aging of the population the employed population is 33,45% of total population. This means that 89% of active population has an employment. The area of intervention is very rural 43.30% of the employed work in the primary sector. This sector is vital not only for its economic utility but also for its social importance. It is the main source of income for the most of the population. The industrial structure supports on a small network where clothing in Sabugal employs 57,2% of all actives. The type of production and competiviness is still based on traditional procedures and cheap labour force. These low wages do not let improve living conditions so the majority of the population has to work in another activity to complement their incomes. The main hazards for the labour market are; low qualification, use of intensive labour force based in low cost productive relation. The region lacks of qualified labour force, low qualified managers as well as inefficient management procedures with intensive family capital. The lack of modern procedures for manufacturing and management are a hazard for a true technologic reconversion. Almost 1/3 of companies are linked to the commercial sector of economy.( wide commerce, car repair, good for domestic and personal use). The main source of employment for the third sector, services. The sub-region has a lot of potential in tourism among them, the rich architectonic and natural heritage. These could be used as touristic resources that can generate some economical activity. On the other hand, the inexistent needed infrastructure eliminate that possibility. The advantages offered by an important natural heritage could be the beginning for a prosperous rural tourism sector. If quality life standars raise then it would be possible to fixed young population that left the area decades ago. On the other hand, there are no qualified employment positions that enable to integrate young population and to offer opportunities to them. This situation will cause a migration of the young to other territories where they can get the above mentioned opportunities. The migration process will go on and the economical activities will slow down for the change of generation will not be able to take place. The external investment will not choose the territory as a target so it will count with less resources. Summarizing the industrial sector concentrated in Sabugal the majority of the demographic actives. The productive layer is diversified and low traditional sector concentrated, as well as unsatisfactory qualification of the labour force that are not demanded by dynamic companies. A enterprise layer with small units with production oriented to local and regional markets with low dynamism and lack of services offered to companies.

dot Top


Objective

Text available in

To create a quality environment that eases the creation of employment.As well as the capacity of professional insertion, break the tendencies of unemployment, reinforce agent capacities adopting a integrated view to promote employment, optimise all available resources to promote employment.To develop information, training and comparative analysis, evaluation and follow up techniques to the support of employment territorial strategic plan.To sensibilize and transfer all results.Any other plan to improve quality of life must be develop based on 2 wider premises, to fight against the demographic decline, rural depopulation and population aging particularly in the territories of intervention and to strength pro-active advanced strategies.This project is being elaborated within a context of an strategic development plan in an large territorial area.This development strategy comprises all sort of topics, environmental, cultural, heritage, social and economic.They will be projected in an operative plan.To create an tool based in the new technologies of information which offer an accurate, knowledge which mission will consist on coordinate efforts in order to concentrate disperse strategies and low service capacities improving the existent resources.To build up abilities on the use of information society, support the access to internet and easing the conditions to buy computers to the widest number of beneficiaries.To implement a technologic solution to the project, developing an Intranet and an extranet.To establish a network of offices with the following functions; information, project management, delivering services to citizens, promotion of the Initiative. Network of entrepreneurs.To establish a system of training and supporting actions which allow professional insertion itineraries.To validate cross border intervention model that affects directly in the coordination between local agents in different member UE states so they can be taken as a referent for future actions

dot Top


Innovation


Nature of the experimental activities to be implemented Rating
Guidance, counselling ***
Training **
Work placement **
Employment aids (+ for self-employment) **
Integrated measures (pathway to integration) **
Employment creation and support ***
Training of teachers, trainers and staff *
Improvement of employment services, Recruitment structures **
Conception for training programs, certification *
Anticipation of technical changes *
Work organisation, improvement of access to work places **
Guidance and social services **
Awareness raising, information, publicity **
Studies and analysis of discrimination features **

Type of innovation Rating
Process-oriented ***
Goal-oriented **
Context oriented **

Text available in

A inexistência de um processo de concertação social pelo emprego no território constitui em si mesmo um elemento muito original do ponto de vista dos mecanismos e formas de actuar dos agentes sociais que, até o momento, só actuaram dispersa e sectorialmente. O enfoque integrado, territorializado e transversal a todas as medidas expostas neste projecto de Iniciativa Comunitária, deve ser considerado como original, pois abarca toda a problemática em matéria de emprego da "Raia Seca" e traz soluções conjuntas às mesmas. O uso de metodologias, baseadas em tecnologias da informação ao longo de todas as medidas propostas num território excluído maioritariamente do acesso à sociedade da informação e na alfabetização de um número significativo de beneficiários, é um elemento inovador que se configura como uma medida horizontal que afecta todas as demais. O uso combinado e a mobilização dos recursos, tal como se apresentam nas medidas do projecto Impulsa, determina o carácter inovador do mesmo, já que se cria um sistema completo e permanente de inserção e emprego de base territorial com a participação de todos os agentes, sustentada em tecnologias da informação e personalizada nos últimos beneficiários. Aproxima-se à população, com um enfoque bottom-up, facilitando o acesso dos desfavorecidos à formação e inserção profissional. Personalizando a atenção, através da dinamização activa da população local.

dot Top


Budget Action 2

500 000 – 1 000 000 €

dot Top


Beneficiaries


Assistance to persons 
Unemployed  36.0%  53.0% 
Employed  0.0%  0.0% 
Others (without status, social beneficiaries...)  4.0%  7.0% 
  100.0% 
 
Migrants, ethnic minorities, …  0.0%  0.0% 
Asylum seekers  0.0%  0.0% 
Population not migrant and not asylum seeker  40.0%  60.0% 
  100.0%
 
Physical Impairment  4.0%  7.0% 
Mental Impairment  0.0%  0.0% 
Mental Illness  0.0%  0.0% 
Population not suffering from a disability  36.0%  53.0% 
  100.0% 
 
Substance abusers 0.0%  0.0% 
Homeless  0.0%  0.0% 
(Ex-)prisoners  0.0%  0.0% 
Other discriminated (religion, sexual orientation)  0.0%  0.0% 
Without such specific discriminations  40.0%  60.0% 
  100.0% 
 
< 25 year  20.0%  20.0% 
25 - 50 year  20.0%  30.0% 
> 50 year  0.0%  10.0% 
   100.0% 

Assistance to structures and systems and accompanying measures Rating
Gender discrimination **
Support to entrepreneurship ***
Discrimination and inequality in employment **
Disabilities **
Other discriminations **
Low qualification **
Unemployment **

dot Top


Empowerment

 

 With beneficiaries

Participation
Promoting individual empowerment
Developing collective responsibility and capacity for action
Changing attitudes and behavior of key actors

 

 Between national partners

N.C.

dot Top


Transnationality

 

 Linguistic skills

  • português
  • português
  • español (castellano)
  • français

 Percentage of the budget for transnational activities

  • 0.1%

 Transnational Co-operation Partnerships

Transnational Co-operation Agreement DPs involved
1534 New JobPaths ES ES366
IT IT-G-MOL-007

dot Top


Background

 

 Involvment in previous EU programmes

  • One partner involved in A&E

dot Top


National Partners


Partner To be contacted for
Centro de Acolhimento e Integração Social Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Municipio de Sabugal
Município de Almeida
NERGA - Núcleo Empresarial da Região da Guarda - Associação Empresarial

dot Top


Agreement Summary

Text available in

The working process implies promoting positive, co-operative and pro-social methods among its participants thus propitiating initiatives in order to enliven inform and persuade the population and the groups of the need to complete the general policy of the struggle against inequality and discrimination It is important to co-ordinate and attune the social behaviour of the socio-economic agents and institutions therefore implying their awareness of the fact that in order to evolve it is necessary to hold to a model of social organisation like the one that is proposed in the strategy as a base to be built upon The key task is to train the agents as to implement the initiative i.e. the undertaking agents as the subjects of the change and as impelling factors of the social and economic agents The PD is to sustain an unrelenting contact to the centres of political and economic decision-making with interests in the initiative of the Community The particular features of each district thus require the fixation of the strategic and promotional programmes including the formation of impulse groups the use of media information briefings colloquia, conferences At the same time it is necessary to detect any element that might stand as an obstacle to the implementation of the initiative. It is therefore important to identify the social agents that are interested in being included in the initiative as well as to define, as far as possible, the individual and common interests in acting and evolving It is necessary to constitute a broad experts' team, including expertise in socio-economic motivation and promotion, as well as in diagnosing the specific problems of the region, the knowledge about the instruments that are to be applied the planning and evaluation of the projects and of the general strategy.External advising from universities public administration is not to be excluded Experience shows that the most successful co-operative programmes are those with the greater flexibility

Last update: 10-01-2005 dot Top


Centro de Acolhimento e Integração Social

(CAIS)
Avenida da Europa s/n
-
P-6355-306-VILAR FORMOSO Almeida

Tel:+351271512594
Fax:271513217
Email:-

 
Responsibility in the DP: Co-ordination of experimental activities
Design of the project
DP managing organisation
Evaluation
Monitoring, data collection
Transnational partnership
Type of organisation:Organisation providing support and guidance for disadvantaged groups
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:BEIRA INTERIOR NORTE
Date of joining / leaving:20-10-2004 /

Text available in

O Centro de Acolhimento e Integração Social de Vilar Formoso, Instituição privada de Solidariedade Social a desenvolver de há 10 anos a esta parte, uma acção intensa tendo em vista a promoção do desenvolvimento económico primeiro, do concelho de Almeida, e posteriormente a sub-região de Ribacôa. Tal só foi possível graças à aprovação pelos sucessivos governos e pela comunidade europeia de todo um conjunto de projectos os quais se destacam os seguintes: 1990/1994 -AM22P - Mundo Rural em Transformação no concelho de Almeida (programa comunitário P3) -Horizon/DES 12 - Rumo Novo -NOW - Mulher e Futuro 1995/1999 -MRT - Mundo Rural em Transformação (CRNLCP) -Integrar Medida 1 - Desafio à Solidariedade Nacional e Local -Integrar Medida 4 - Desafio à Solidariedade Nacional e Local (Valorização e Desenvolvimento Pessoal) -Integrar Medida 5 - Centro Comunitário de Vilar Formoso -PIC Emprego - Eixo Integra 95 AD-004P - Rumo Novo II -Eixo Youthstart 97 - Y - 014 - Oportunidades Jovens 2001/2004 -Programa Operacional Emprego, Formação e Desenvolvimento Social - Eixo 5 "Promoção do Desenvolvimento Social": Medida 5.1 - Apoio ao Desenvolvimento Social e Comunitário Medida 5.3 - Promoção da Inserção Social e Profissional de Grupos Desfavorecidos -PIC EQUAL - Impulsaraia Tais projectos permitiram uma intervenção efectiva e de carácter multisectorial (agricultura, indústria, comércio, artesanato, cultura, educação e tempos livres, formação profissional, saúde, acção social e habitação) dirigidos a todos os grupos etários da população, a diferentes categorias sócio-profissionais (gricultores, artesãos, comerciantes, industriais, etc) e a mulheres.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Jose Antunes Vaz Jose +351271512594 caisvf@mail.telepac.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Municipio de Sabugal

(CMS)
Praça da Republica
-
P-6324-007-SABUGAL Sabugal
-

Tel:+351271751040
Fax:271753408
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:BEIRA INTERIOR NORTE
Date of joining / leaving:03-11-2004 /

Text available in

A Câmara Municipal do Sabugal é um serviço ou organismo do estado, tendo como actividade principal a Administração Local.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Daniel Simão Daniel +351271751040 daniel@cm-sabugal.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


Município de Almeida

(MUNICÍPIO DE ALMEIDA)
Praça da Liberdade
-
P-6350-130-ALMEIDA Almeida
-

Tel:+351271570020
Fax:271570021
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Public authority (national, regional, local)
Legal status:Public organisation
Size:Staff < 10
NUTS code:BEIRA INTERIOR NORTE
Date of joining / leaving:22-10-2004 /

Text available in

Autarquia Local



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Alva de Fátima Sanches dos Santos Alva +351271571963 cm-almeida.dds@mail.telepac.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top


NERGA - Núcleo Empresarial da Região da Guarda - Associação Empresarial

(NERGA)
Parque Industrial da Guarda - Lote 37
-
P-6300-625-GUARDA Guarda
-

Tel:+351271205420
Fax:271222337
Email:-

 
Responsibility in the DP:
Type of organisation:Other
Legal status:Non-profit private organisation (including NGO...)
Size:Staff < 10
NUTS code:BEIRA INTERIOR NORTE
Date of joining / leaving:22-10-2004 /

Text available in

O NERGA tem como missão promover o estudo de todas as questões que se relacionem com os seus objectivos, prestando a adequada informação, apoio técnico e de consultoria designadamente uma crescente participação das decisões e nos programas que com essa actividade se relacionem. Os objectivos principais do NERGA-AE são o desenvolvimento das actividades económicas do respectivo distrito nos domínios técnico, económico, comercial, associativo, formativo e outros: - Promover e incentivar o associativismo empresarial; - Identificar e avaliar as carências e potencialidades dos sectores que representam a região; - Assumir o papel de interlocutor previligiado junto do poder central e local; - Garantir o apoio técnico e especializado às empresas; - Contribuir para um desenvolvimento integrado e equilibrado para o distrito da Guarda.



Contact person(s)

Name First name Phone E-mail Responsibility
Álvaro Brandão Estevão Álvaro +351271205420 nerga@nerga.pt Entity contact person responsable for this project

Last update: 10-01-2005 dot Top



 
 
 
 

 
 
 
 

 
 
 
 
Warning! This section is not meant to be read directly, but rather be navigated through from the main page above.
 
 
 
 

IMPULS@RAIA

Rationale

Text available in

A sub-região da Raia Seca insere-se, num contexto português, na região da Beira Interior Norte, pertence ao distrito da Guarda e confina no quadrante leste, numa grande extensão, com a Espanha. Com uma área aproximada de 1347,3 Km2 e um quantitativo populacional de 23880 habitantes, a área de intervenção é fracamente povoada. Nesta viragem do século, na sub-região em análise residem 23880 habitantes , apresentando valores de densidade populacional bastante baixos, se comparados com a Região da Beira Interior e do Continente . Trata-se de um território de aglomeração dispersa, aglutinando as Vilas de Sabugal, Almeida e ainda Souto e Vilar Formoso com mais de 30% da população total. Os movimentos migratórios (emigração mais migrações internas), o envelhecimento da população residente e o decréscimo das taxas de natalidade têm sido factores determinantes do comportamento demográfico. A conjugação daqueles factores tem determinado o aumento do coeficiente de dependência, situação que tenderá a agravar-se se não se registarem variações crescentes ao nível das taxas de natalidade e redução dos activos potenciais emigrados, comprometendo, a prazo, a recomposição da população potencialmente activa. Esta situação afigura-se preocupante, porque condiciona o potencial de investimento das autarquias, dadas as crescentes exigências em matéria de dotação de equipamentos de saúde e de mecanismos de protecção social. A débil industrialização tradicional do interior do País levou a uma "sangria" da população activa para a emigração, particularmente nos anos 50-70, período de forte extensão das relações de produção capitalistas na agricultura, com libertação de mão-de-obra. Dada a falta de "trabalho urbano" ao nível local e regional, essa população emigrou para as regiões do litoral e, principalmente, para outros países da Europa. O cenário que se perspectiva é pois de um agravamento do crescimento natural, pela manutenção de acentuadas quebras da fecundidade e evolução crescente da taxa de mortalidade, em consequência do envelhecimento das estruturas etárias e da manutenção de saldos migratórios nulos ou negativos. Já na última década, ao contrário do que se esperava, foi um período de significativa "repulsão". A população da sub-região é envelhecida e continua-se a assistir a um certo abandono/despovoamento dos pequenos lugares do território em análise. A capacidade de substituição de gerações é um fenómeno que deverá ser seriamente avaliado. Assim, como pontos fortes, tem-se ainda a existência de um número significativo de jovens, e o carácter das suas gentes: francas, determinadas e trabalhadoras. Os pontos fracos podem resumir-se ao reduzido número de habitantes (e densidades populacionais baixas), envelhecimento da população, deslocamento populacional para as sedes de concelho (restrita aos aglomerados rurais), falta de pessoal qualificado para dinamizar o sistema económico e social. Os actuais 124 aglomerados urbanos da sub-região, integrados em 69 freguesias, que resultam da estruturação dispersa dos concelhos, são hoje, à excepção das vilas do Sabugal, Soito, Almeida e Vilar Formoso, aglomerados pouco povoados, onde diariamente avança um perigoso processo de desertificação. Como características gerais dos sectores económicos da sub-região apontam-se: - Importância muito significativa das actividades agrícolas, traduzida no elevado número de efectivos envolvidos, quer trabalhando a tempo inteiro, quer a tempo parcial; - Tecido industrial fraco, com dominância de actividades de carácter tradicional; - Limitação de certas actividades, como o turismo, dadas as insipientes redes de serviço de apoio ao mesmo; - Como factor limitativo do êxito das políticas e programas de crescimento económico indica-se o fraco desenvolvimento das acessibilidades intra e inter - regionais. .Como resultado dos movimentos populacionais gerados nas décadas passadas e, portanto, ao sucessivo envelhecimento da população residente e às elevadas taxas de dependência, a população empregada representa apenas 33,45% da população total. Contudo, 89% da população activa tem emprego. A área de intervenção apresenta uma estrutura económica de grande ruralidade: 43,30% dos activos trabalham no sector primário, constituindo um domínio de importância social vital que ultrapassa a sua função económica, entendida esta no estrito sentido de fonte de rendimentos e de subsistência. A mão-de-obra libertada nos concelhos, nos anos 70, não foi suficiente para ocupar os postos de trabalho criados por outros sectores de actividade (em 1981, mais de 60% dos activos estavam ligados ao sub-sector agro-pecuário).A estrutura industrial apoia-se numa rede de pequenas empresas de onde se destaca o sector têxtil, só existente no concelho do Sabugal, que emprega 57,2% dos activos das indústrias transformadoras aí existentes. O tipo de produção é ainda, no geral, baseada em tecnologias tradicionais e a sua capacidade concorrencial está apoiada em mão-de-obra barata. Os (relativamente) baixos níveis salariais impedem a efectiva melhoria das condições de vida dos residentes, razão pela qual a maior parte das famílias trabalha noutra actividade complementar. Como principais estrangulamentos do sector tem-se: - a qualificação da mão de obra: privilegiou-se a instalação do estabelecimentos de mão de obra intensiva com as capacidades concorrenciais baseadas em baixos custos do factor produtivo trabalho. A região carece ainda de mão-de-obra especializada. Quanto às acessibilidades: deverá privilegiar-se uma política que radique na melhoria das ligações aos principais eixos de comunicação interna (ligação directa Sabugal - Souto e fecho da malha radioconcêntrica) e inter- regional (ligação aos Itinerários Principais - IP5 e IP2). Da correcta gestão das redes dependerá a sobrevivência das actividades transformadoras, dado que condicionam o acesso aos mercados de produtos finais e aos factores produtivos e ainda à circulação da mão-de-obra; - a formação deficiente dos empresários: quer os modos de gestão, quer o capital intensivo são por vezes de carácter familiar. A ausência de processos modernos de produção/gestão constitui outro obstáculo à reconversão tecnológica. Cerca de 1/3 das empresas existentes estão ligadas ao sector comercial (que engloba o comércio por grosso e a retalho, reparação de veículos automóveis, motociclos e de bens de uso pessoal e doméstico). Este absorve uma parte significativa da população activa do terciário. A sub-região apresenta grandes potencialidades turísticas, entre as quais se destacam a riqueza natural e arquitectónica que favorecem determinados tipos de turismo cultural. Contudo, a inexistência de uma forte capacidade hoteleira, bem como a degradação da paisagem urbana, introduzem carências importantes ao nível deste sector. As vantagens oferecidas pelo património natural e edificado poderão constituir uma inegável potencialidade da área de intervenção e podem induzir o desenvolvimento do turismo rural nas suas variadas vertentes. A qualidade de vida, factor de competitividade deste espaço rural, poderá gerar, não apenas a fixação dos mais jovens, mas um refluxo populacional especialmente das populações que, em décadas passadas, abandonaram a sub-região. Mas, a não existirem postos de trabalho que consigam absorver população jovem mais qualificada, capaz de encontrar realização nas oportunidades oferecidas pelo tecido económico local, continuará a sair gente e as actividades sentirão dificuldades em substituir a força de trabalho pelo escasso número de efectivos residentes. Também o investimento externo terá dificuldades em seleccionar estes locais como sítios privilegiados do seu investimento. Em resumo, o sector industrial aglutina, sobretudo no concelho do Sabugal,, os maiores quantitativos demográficos activos. A estrutura produtiva é diversificada, o que embora concentrada em sectores tradicionais de baixa tecnologia, não deixa de ser um ponto forte a assinalar. Como pontos fracos, apontam-se: a insatisfatória qualificação da mão-de-obra no tocante à procura de competências profissionais mais exigentes por parte de empresas dinâmicas; um tecido empresarial com predomínio das pequenas unidades; a concentração da actividade económica em sectores tradicionais com produções orientadas para os mercados locais e regionais e escasso dinamismo da procura; o défice de oferta de serviços às empresas.

dot Top


Objective

Text available in

Criar um ambiente de qualidade que favoreça o emprego, capacidade de inserção profissional, acabar com tendências do desemprego, reforçar capacidades dos agentes, promover postos de trabalho, optimizar os recursos ao emprego.Desenvolver instrumentos de informação, formação, análise, avaliação e seguimento em apoio ao plano estratégico de emprego, sensibilizar a todos os níveis, transferir os resultados a nível local, regional e internacional Qualquer outro plano para melhorar a qualidade de vida destes municípios, terá que: combater o declive demográfico, o despovoamento rural e envelhecimento da população, particularmente nos Municípios nos quais o projecto se centra, apostar em estratégias pro - activas. Este projecto não pode ser visto à margem de uma estratégia geral pelo desenvolvimento desta área. Esta estratégia, envolve, meios ambientais, culturais, patrimoniais, sociais e económicos e há-de projectar-se num plano operativo de acções que promova um desenvolvimento do território e da população que o sustenta.As acções desse plano, configuram-se em eixos e blocos de actuação, que serão os definidores dos projectos susceptíveis de apresentação aos vários instrumentos de desenvolvimento que constituem as iniciativas comunitárias do actual QCA Conseguir a colaboração de todos os agentes sociais e económicos, superar as tendências negativas do mercado de trabalho. Formalizar o compromisso no PACTO TERRITORIAL PELO EMPREGO Criar um instrumento de informação virtual. Estudo e pesquisa dos recursos humanos e dos itinerários de inserção profissional.Criar um Sistema de Informação Geográfica do Emprego. Alfabetizar, dotar com equipamento informático e acesso à Internet, o mais amplo sector da população, agentes sociais e económicos.Aplicar uma solução tecnológica ao projecto, intranet e extranet Criar uma rede de escritórios de cobertura municipal.Estabelecer um sistema de acções formativas, acompanhamento e ajuda à contratação que possibilitem a inserção profissional.

dot Top



Logo EQUAL

Home page
DP Search
TCA Search
Help
Set Language Order
Statistics