De que se trata?

A Comissão Europeia colabora com os países da UE no reforço das «competências essenciais» — os conhecimentos, as aptidões e as atitudes que contribuem para a realização pessoal dos alunos e para que estes possam, mais tarde, encontrar trabalho e participar na sociedade. Estas competências essenciais incluem aptidões «tradicionais», como a comunicação na língua materna, as línguas estrangeiras

български (bg) čeština (cs) dansk (da) Deutsch (de) eesti keel (et) ελληνικά (el) English (en) español (es) français (fr) Gaeilge (ga) hrvatski (hr) italiano (it) latviešu valoda (lv) lietuvių kalba (lt) magyar (hu) Malti (mt) Nederlands (nl) polski (pl) português (pt) română (ro) slovenčina (sk) slovenščina (sl) suomi (fi) svenska (sv) , as competências digitais, a literacia e competências básicas em matemática e ciências

български (bg) čeština (cs) dansk (da) Deutsch (de) eesti keel (et) ελληνικά (el) English (en) español (es) français (fr) Gaeilge (ga) hrvatski (hr) italiano (it) latviešu valoda (lv) lietuvių kalba (lt) magyar (hu) Malti (mt) Nederlands (nl) polski (pl) português (pt) română (ro) slovenčina (sk) slovenščina (sl) suomi (fi) svenska (sv) , além de aptidões transversais, nomeadamente aprender a aprender, responsabilidade social e cívica, espírito de iniciativa e empreendedorismo, sensibilidade cultural e criatividade.

A promoção das competências essenciais passa por:

O que foi feito até agora