Percurso de navegação

Print versionDecrease textIncrease textSubscribe to our RSS Feed
DG Interpretation Conference Video Portal
DG Interpretation Conference Streaming Portal
EU careersTREATY of Lisboneurope directItalian Presidency 2014
DG Interpretation

Indicações para os oradores

A Direcção-Geral da Interpretação da Comissão Europeia acumulou experiência ao longo de muitos anos. Os nossos intérpretes elaboraram algumas indicações para os oradores em reuniões com interpretação. Se o desejar, pode imprimir pdf - 206 KB [206 KB] български (bg) čeština (cs) dansk (da) Deutsch (de) eesti keel (et) ελληνικά (el) English (en) español (es) français (fr) italiano (it) latviešu valoda (lv) lietuvių kalba (lt) Malti (mt) Nederlands (nl) polski (pl) slovenčina (sk) suomi (fi) svenska (sv) um ficheiro pdf com essas informações.

Quando lhe derem a palavra, coloque o microfone directamente na sua frente e retire o auscultador. Seguidamente, ligue o microfone.

  • Se o regime linguístico o permitir, utilize a sua língua materna.
  • Fale a um ritmo razoável, livremente ou apoiando-se em notas ou tópicos.

A mensagem pode não passar inteiramente se o orador se limitar a ler um texto ou uma nota. Mesmo as pessoas que escutam o orador na língua original podem achar difícil assimilar a mensagem em todos os seus pormenores. Se ler textos ou declarações previamente preparados, peça ao secretariado que assegure a distribuição antecipada de cópias às cabinas. Essas cópias serão, naturalmente, tratadas com a maior confidencialidade e conferidas na entrega

  • Ao remeter para um determinado documento, cite primeiro o número da referência ou do parágrafo em causa e faça uma pausa para permitir que as pessoas encontrem a referência. É de notar que os números das páginas podem diferir de uma versão linguística para outra.
  • Cite os números pausada e claramente e repita-os, se necessário. Se tiver listas de números, faculte um texto ou transparência aos delegados e aos intérpretes.
  • Explique o significado das siglas menos conhecidas utilizadas na reunião na sua primeira ocorrência. Uma lista das siglas pode ser muito útil como documento de apoio para os intérpretes.

Por último, as reacções, positivas ou negativas, são geralmente muito apreciadas. Não hesite em contactar os intérpretes se tiver alguma pergunta ou sugestão relativa a termos correctos a utilizar.

  • Fale com naturalidade, a um ritmo razoável
  • Se possível, fale na sua língua materna
  • Falar é melhor do que ler
  • Pouse os auscultadores e fale para o microfone
  • Cite as referências dos documentos
  • Se for ler um discurso, assegure-se de que os intérpretes receberam o texto
  • Fale com os intérpretes e comunique-lhes as suas reacções
  • Indique claramente os números, nomes e siglas