Percurso de navegação

Print versionDecrease textIncrease textSubscribe to our RSS Feed
DG Interpretation Conference Video Portal
DG Interpretation Conference Streaming Portal
EU careersTREATY of Lisboneurope directItalian Presidency 2014
DG Interpretation

Pense na interpretação quando planeia a sua reunião

Decidiu realizar uma reunião com interpretação. Uma longa experiência e recentes pesquisas no domínio da comunicação revelaram que, na preparação de uma reunião desse tipo, importa ter em conta os aspectos a seguir indicados. Verifique esses aspectos antes de avançar nos preparativos :

Questões de comunicação

Relativamente à sua última experiência de reunião com interpretação, solicitou mais línguas activas e passivas do que as necessárias? Em vez dessas, teriam sido mais úteis outras línguas?

  • Adapte o seu pedido de línguas às necessidades reais da reunião.
  • No convite enviado aos participantes, dê informações acerca das línguas que podem falar/ouvir (após confirmação da DG da Interpretação). Incentive-os a falar livremente, se possível na sua própria língua materna, e, se o tempo for limitado, a ser breve em vez de falar depressa.
  • Brief them as follows:

- A mensagem pode não passar inteiramente se o orador se limitar a ler um texto ou uma nota. Mesmo as pessoas que ouvem na língua original podem achar difícil assimilar a mensagem em todos os seus pormenores.

- Se a intervenção for longa, para poupar tempo, pode ser mais adequado enviar o texto integral ao secretariado, para registo, e fazer oralmente apenas um breve resumo.

  • O título da reunião é suficientemente claro para que os intérpretes se preparem correctamente ou poderia ser útil acrescentar um subtítulo?.
  • Anote claramente os pontos da ordem de trabalhos (informações, debate, votação, etc.).
  • Se possível, indique as horas no projecto de ordem de trabalhos.
  • Organize uma breve reunião de informação com os intérpretes. Um intérprete bem informado é um intérprete mais integrado.

Documentos

  • Verifique se os documentos estarão prontos com antecedência bastante e num número de línguas suficiente para que a reunião seja bem sucedida.
  • Verifique se são necessárias clarificações (siglas, termos técnicos, etc.). .
  • Verifique se os documentos estão claramente numerados/marcados (ponto da ordem de trabalhos, estatuto jurídico, código oficial, instituição ou país de proveniência, etc.).
  • Regra geral, os documentos e a ordem de trabalhos encontram-se, nas cabinas dos intérpretes, mas se forem apresentados novos documentos no decurso da reunião, assegure-se de que os intérpretes também recebem uma cópia desses documentos antes de os mesmos serem discutidos.
  • Conserve alguns exemplares dos documentos em papel na reunião, mesmo se já os tiver enviado à DG da Interpretação.

Auxílios visuais/equipamento e cabinas

Antes da reunião

  • Certifique-se de que a DG da Interpretação foi informada de qualquer eventual alteração da hora de início..
  • Assegure-se de que o presidente é capaz de explicar em poucas palavras, durante a reunião, o que está em causa em cada ponto da ordem de trabalhos (assim ajudará os intérpretes e os participantes a situarem-se).
  • Ver outras indicações práticas na lista de verificação a efectuar pelo presidente, fornecida pela DG da Interpretação.
  • Procure facultar aos intérpretes uma cópia da ordem de trabalhos anotada, que inclua o objectivo de cada ponto da ordem de trabalhos, perguntas previsíveis e respostas preparadas, etc.