Percurso de navegação

Aprofundar as relações com o Brasil no comércio, no investimento, na investigação e na ciência

EC

Na 6.ª Cimeira UE-Brasil os dirigentes concordaram em estabelecer um compromisso conjunto que ajudará a explorar ainda mais o potencial do investimento e de comércio bilaterais entre o Brasil e a UE. Reafirmaram também o seu compromisso em aprofundar as relações comerciais com todo o mercado comum do Mercosul.

No seu discurso proferido depois da cimeira, o Presidente Durão Barroso disse que um dos resultados mais importantes das conversações foi o compromisso partilhado renovado para concluir um Acordo de Associação entre a UE e o Mercosul (um Mercado Comum partilhado pelo Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela) – um acordo que será "abrangente, equilibrado e ambicioso," disse.

Foi tomada uma decisão concreta na cimeira para criar uma comissão ah hoc bilateral para avaliar o potencial das relações económicas entre a UE e o Brasil, nomeadamente em termos de investimento. "É uma forma pragmática de vermos o que é que podemos fazer mais para dar uma força ainda maior à relação económica, já de si tão importante, que existe entre o Brasil e a União Europeia," disse o Presidente Durão Barroso.

No mesmo dia, foi assinado um acordo entre o Centro Comum de Investigação Europeu e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação brasileiro, que permitirá uma maior cooperação em várias áreas científicas, por exemplo, na prevenção de desastres e na gestão sustentável. O acordo inclui também um programa para receber cerca de 100 pós-doutorados e investigadores seniores do Brasil que tem por objetivo reforçar um sistema de mobilidade de estudantes e investigadores "que já funciona muito bem" entre o Brasil e a UE.

Ler a declaração do Presidente em português

Ver o vídeo da visita

Ler mais sobre a cimeira

Ler mais sobre a parceria estratégica da UE com o Brasil