Percurso de navegação

Debate com estudantes Erasmus sobre o Prémio Nobel da Paz e o futuro da Europa

Presidente Durão Barroso a falar com estudantes do Erasmus na Universidade de Oslo © EU

Na terça-feira, o Presidente Durão Barroso participou num debate com estudantes do programa Erasmus de toda a Europa. O debate foi sobre quatro questões: o Prémio Nobel da Paz para a UE, a atual situação económica, a juventude e o futuro da Europa.

Participaram no debate 32 estudantes atualmente a fazer o programa de intercâmbio Erasmus. Representavam todos os 27 países da UE e cinco outros países que participam no quadro do Erasmus: Suíça, Croácia, Islândia, Noruega e Turquia.

Uma das primeiras perguntas foi sobre se a UE merecia o Prémio Nobel da Paz. O Presidente Durão Barroso respondeu que, apesar de se sentir honrado e demonstrar sentido de humildade, acredita que a UE merece o prémio uma vez que "a União Europeia é o projeto mais bem sucedido de sempre em cooperação transnacional. Nunca na história da humanidade houve 27 países que tivessem decidido partilhar livremente a soberania e unir as suas capacidades em torno dos valores da paz, da liberdade e da democracia."

Sobre a atual crise económica, os estudantes expressaram as suas preocupações sobre a agitação social resultante da crise e o aumento de forças extremistas e populistas em alguns países europeus. O Presidente Durão Barroso respondeu que apesar da UE não ser a causa da crise, tem um papel vital em encontrar soluções, por exemplo, ao sancionar uma União Económica e Monetária e uma supervisão bancária europeia mais aprofundadas.

Os estudantes estavam, naturalmente, interessados no futuro do programa Erasmus e em formas de combater os elevados níveis do desemprego jovem. O Presidente Durão Barroso partilhou as boas notícias de que tinha sido alcançado um acordo para fundos adicionais necessários para 2013 e garantiu aos estudantes que o programa tem um lugar assegurado no orçamento a longo prazo da UE. De facto, a proposta da Comissão é alargar o Erasmus, tanto a estudantes universitários, como a outros jovens, tais como empresários. Reiterou que a Comissão está muito preocupada com os elevados níveis do desemprego jovem e que está a tomar várias medidas para o combater, por exemplo, o Pacote de Emprego dos Jovens adotado pela Comissão na semana passada.

O debate terminou com várias perguntas sobre o futuro da Europa, incluindo, por exemplo, o alargamento e a integração política europeia.

Ver extratos do debate (10 minutos)

Ver o vídeo completo do debate (50 minutos)