Percurso de navegação

Notícias

Declaração sobre o Chipre

28/10/2011

© EU

Numa declaração em antecipação à reunião do Secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, com os líderes das duas comunidades no Chipre, Christofias e Eroglu, a 30-31 de Outubro, em Nova Iorque, o Presidente Durão Barroso disse: "Após mais de três anos de conversações de paz, chegou o momento de concluirmos todas as principais questões em aberto. Todos os cipriotas e a União Europeia beneficiarão de um Chipre unido." Acrescentou que "a Comissão Europeia espera que a reunião de Nova Iorque produza resultados tangíveis, abrindo caminho para a fase final do processo, que estou a acompanhar muito de perto. Gostaria de fazer um apelo a ambos os líderes para aproveitarem a oportunidade para chegarem agora a um acordo de paz abrangente. Os dois líderes e as Nações Unidas podem continuar a contar com o apoio total da Comissão Europeia ao seu esforço histórico."

Declaração completa

Conselho Europeu e Cimeira da Zona Euro, 26 de Outubro de 2011

O pacote acordado esta noite confirma que a Europa fará tudo o que for necessário para salvaguardar a estabilidade financeira

27/10/2011

 © EU

"O pacote acordado esta noite é um pacote abrangente que confirma que a Europa fará tudo o que for necessário para salvaguardar a estabilidade financeira," disse o Presidente Durão Barroso depois da reunião dos chefes de Estado ou de governo da zona euro. Na sua declaração, apresentou de forma detalhada as conclusões adoptadas pelos líderes. Sublinhou que a UE poderá mostrar aos seus parceiros do G20, na Cimeira a realizar em Cannes, na próxima semana, que a Europa é capaz de "chegar a um acordo para tomar medidas que restaurem a confiança no sector bancário europeu; assegurem mecanismos de protecção adequados; acelerem a nossa ambiciosa agenda para o crescimento; e, ainda, que reforcem a supervisão e a coordenação económica. Para mostrar aos nossos parceiros e aos nossos cidadãos que estamos preparados para concluir a nossa união monetária com uma verdadeira união económica."

Declaração completa

Principais resultados da Cimeira da Zona Euro

Declaração da Cimeira da Zona Euro, 26 de Outubro de 2011

Declaração dos chefes de Estado ou de governo da UE, 26 de Outubro de 2011

Principaux résultats et déclaration du sommet des chefs d'Etat ou de gouvernement de la zone Euro Bruxelles, le 27 octobre 2011

Video from the summit

Apresentação dos resultados do Conselho Europeu no PE

Apresentação dos resultados do Conselho Europeu no PE

27/10/2011

 © EU

Recordando as reuniões das cimeiras do Conselho Europeu e da Zona Euro, de 23 e 26 de Outubro de 2011, o Presidente Durão Barroso explicou as decisões corajosas tomadas nos últimos dias com base no Roteiro para a Estabilidade e o Crescimento da Comissão, de 12 de Outubro. "Temos hoje uma plataforma mais ambiciosa sobre a qual construir o futuro crescimento da Europa", disse. Descreveu os pormenores do acordo relativo à Grécia, a alavancagem do FEEF em quatro ou cinco vezes, as medidas para restaurar a confiança no sector bancário, assim como as medidas concretas para fomentar o crescimento. Neste contexto, expressou a sua satisfação pelo compromisso da Itália em implementar mais medidas estruturais, enfatizando a necessidade de as executar na sua totalidade de acordo com um calendário preciso. Anunciou também um pacote de propostas da Comissão, para Novembro, com o objectivo de aprofundar a governação económica da Europa. Mostrou-se satisfeito com o papel reforçado da Comissão na supervisão e coordenação das políticas económicas e orçamentais na Europa e na garantia da coerência entre a zona euro e os outros membros da UE. Durante o seu discurso, deu a conhecer a sua intenção de reforçar o papel de Olli Rehn como Comissário para o Euro. O Presidente Durão Barroso repetiu o seu apelo ao desenvolvimento de uma verdadeira união económica para complementar a união monetária incluindo, se necessário, através de uma alteração do Tratado, assegurando a unidade de todos os Estados-Membros. Tendo em vista a Cimeira do G20 na próxima semana, em Cannes, sublinhou que uma Europa que é determinada, responsável e unida vai esforçar-se por liderar a resposta à crise global. "A Europa vai exigir um plano de acção ambicioso para todos os membros do G20 que possa abordar os desafios e os desequilíbrios que ainda impedem o crescimento a nível mundial", e concluiu ressaltando que vai apresentar uma proposta para um imposto sobre as transacções financeiras na Cimeira do G20. "Acredito que os movimentos de contestação a que temos assistido nas últimas semanas, desde Madrid a Manhattan, demonstram que este é o tipo de acção que as pessoas esperam dos seus líderes – para garantir que o sector financeiro contribui para a sociedade."

Discurso completo

Destaque do Conselho Europeu

Vídeo da cimeira

Roteiro para a estabilidade e o crescimento

Ver o vídeo

G20 page

Mensagem ao primeiro-ministro do Reino Hachemita da Jordânia

25/10/2011

 © EU

O Presidente Durão Barroso felicitou Awn Al Khasawneh, primeiro-ministro do Reino Hachemita da Jordânia, pela sua nomeação como novo primeiro-ministro da Jordânia, tendo afirmado: "A União Europeia vê a Jordânia como um parceiro-chave na região, e espero poder trabalhar com V. Exa., primeiro-ministro, e o seu governo, com o objectivo de desenvolver ainda mais as nossas relações no âmbito da parceria de 'estado avançado' da Política Europeia de Vizinhança."

Ler a mensagem

Reunião com o Presidente da Roménia Traian Băsescu

25/10/2011

 © EU

O Presidente Durão Barroso reuniu-se hoje com o Presidente da Roménia, Traian Băsescu, para debater questões prementes na agenda das cimeiras europeias de amanhã. "A crise económica tem um forte impacto no nível de vida das pessoas. A pouco mais de 24 horas do Conselho Europeu e da cimeira da Zona Euro, deixe-me repetir que estamos a trabalhar em soluções sólidas e convincentes para apresentar amanhã um pacote abrangente para a estabilidade e o crescimento. Temos de acabar com a incerteza," disse o Presidente Durão Barroso, acrescentando que "um dos principais elementos do pacote abrangente são as reformas para promover o crescimento". Os Presidentes também debateram a adesão da Roménia à área Schengen tendo o Presidente Durão Barroso reiterado o apoio da Comissão à entrada do país na área Schengen: "Consideramos que a Roménia cumpriu com todos os requisitos necessários, por isso, incluir a Roménia na área Schengen é uma questão de justiça."

Declaração completa

Ver o vídeo

Conselho Europeu e cimeira da Zona Euro, 23 de Outubro de 2011

Esperamos que as decisões finais sejam tomadas em 72 horas e estou confiante de que vão ser tomadas

23/10/2011

 © EU

"Queremos que a União se mantenha muito forte," disse o Presidente Durão Barroso na conferência de imprensa depois do Conselho Europeu, reconhecendo, ao mesmo tempo, que tem de ser feito mais em termos de "coerência e integração na governação da zona euro". O Presidente enviou também uma mensagem clara ao Conselho Europeu de que "a UE pode, e deve, fazer muito mais para gerar crescimento". Ressaltou que "sem crescimento, os nossos cidadãos não sentirão confiança no futuro e no futuro das economias na Europa", e referiu como "podemos fazer da crise uma oportunidade para a renovação". O Presidente Durão Barroso reiterou que "se a UE pretende continuar a liderar com credibilidade a resposta mundial no G20, em Cannes, é fundamental que esta semana sejam tomadas medidas decisivas."

O Presidente Durão Barroso anunciou "o acordo para desbloquear a contribuição europeia para a próxima tranche da assistência financeira à Grécia". Enfatizou que "a reforma ambiciosa do FEEF é um elemento essencial no combate ao contágio". O Presidente Durão Barroso elogiou os bons progressos que foram feitos sobre as medidas coordenadas para facilitar o financiamento da banca e garantir que os bancos possuem um nível de capital significativamente superior. Durão Barroso continua confiante de que na quarta-feira serão tomadas as decisões finais sobre todos os elementos da resposta abrangente.

Link para a Comunicação - Roteiro para a Estabilidade e o Crescimento pdf - 39 KB [39 KB] Deutsch (de) English (en) français (fr)

O roteiro – séries de vídeos

Declaração do Presidente Durão Barroso depois da reunião com os chefes de Estado ou de governo da zona euro

Declaração do Presidente Durão Barroso depois do Conselho Europeu

Conclusões do Conselho Europeu

Fontes do Crescimento pdf - 2 MB [2 MB] Deutsch (de) English (en) français (fr)

Antecedentes das fontes do crescimento

View the Flipbook

Condolências no seguimento do sismo no sudeste da Turquia

23/10/2011

O Presidente Durão Barroso e o Presidente Van Rompuy expressaram as suas condolências no seguimento do sismo no sudeste da Turquia, tendo afirmado: "Estamos profundamente consternados com as notícias do terrível sismo que assolou a Província de Van, no sudeste da Turquia. Os nossos pensamentos estão com os feridos e as famílias das vítimas, e gostaríamos de transmitir as nossas condolências ao povo e às autoridades da Turquia."

Mensagem completa

Conferência de alto nível sobre o Quadro Financeiro Plurianual

21/10/2011

President Barroso © EU

A conferência de alto nível de dois dias sobre o Quadro Financeiro Plurianual 2014-2020, que reuniu deputados dos parlamentos nacionais, ministros e outras partes interessadas com representantes das instituições da UE, terminou com uma convergência de opiniões sobre muitas das principais questões, demonstrando a necessidade de um diálogo alargado com base nas propostas da Comissão. Os participantes sublinharam que este evento foi uma oportunidade única para um debate com todos os principais actores sobre questões tão importantes como os futuros orçamentos da UE.

No seu discurso de abertura, o Presidente Durão Barroso deu as boas-vindas às várias personalidades importantes dos Estados-Membros, dos parlamentos nacionais, das instituições da UE e das partes interessadas, que participaram no evento co-organizado pela Comissão, a presidência polaca do Conselho e o PE. Na sua intervenção, apelou a que o próximo Conselho Europeu tome medidas decisivas e imediatas sobre todos os aspectos do roteiro apresentado pela Comissão na semana passada, nomeadamente o reforço do FEEF. Ressaltou também que a UE não pode resolver esta crise sem estimular o crescimento sustentável gerador de emprego, e sublinhou que os investimentos a nível europeu podem dar um contributo importante para isto, em particular num contexto de austeridade. Insistiu na alteração das formas de financiamento do orçamento da UE, nomeadamente através de novos recursos próprios, como o imposto sobre as transacções financeiras. Na conclusão, fez questão de clarificar que as verbas do orçamento da UE não são para Bruxelas, mas para os jovens e os investigadores, entre outros, e instou os participantes a defenderem a Europa e a não cederem ao populismo.

Opening remarks of President Barroso of 20 October -A Partnership for Progress - A Budget for Growth

European Commission's website

Video, President Barroso at High Level conference on the Multiannual Financial Framework (MFF)

Conference on the EU Financial Framework 2014-2020

Reforming the budget, changing Europe

Programme of the conference

Opening speeches

First Plenary session

Second Plenary session

Closing remarks

Speech of Commissioner Šemeta

Closing remarks of Vice President Šefčovič of 21 October

Brochure "Basic Guide to the Multiannual Financial Framework" (available in all languages)

Press material, including on European added value

EU budget myths

Converging views on key elements of the Multiannual Financial Framework 2014-2020 as a result of a high-level conference in Brussels

Lançamento dos dois primeiros satélites do Programa Galileo

21/10/2011

 © EU

A Europa lançou hoje os dois primeiros satélites Galileo, às 12h34 (Hora da Europa Central), de Kourou, Guiana Francesa, com um lançador Soyuz, que os colocará em órbita a 23 000 quilómetros. O Presidente Durão Barroso descreveu o lançamento como um passo importante para a Europa e os seus cidadãos. Durão Barroso sublinhou que este feito é "de importância estratégica, não só para a competitividade da nossa indústria e a criação de emprego, mas também para garantir a independência da Europa na tecnologia e política espacial". O Presidente explicou que o "Galileo é também um investimento no futuro industrial e na competitividade da Europa: vai beneficiar empresas de transporte marítimo, de gestão de frotas, financeiras, de electricidade e de telecomunicações, com um impacto geral estimado de 90 mil milhões de euros ao longo de 20 anos". A Comissão propôs um orçamento de 7 mil milhões de euros para o Galileo entre 2014 e 2020.

Comunicado de Imprensa: Galileo: Europa lança os seus primeiros satélites para o sistema de navegação inteligente

Ler mais: Galileo vai estimular a economia e tornar a vida dos cidadãos mais fácil

Declaração do Presidente

Reunião com o Presidente do Uruguai, José Mujica Cordano

20/10/2011

President Barroso © EU

O Presidente Durão Barroso reuniu-se hoje com o Presidente do Uruguai, José Mujica. Ambos concordaram que tanto o Uruguai como a UE estão empenhados no fortalecimento da cooperação entre o MERCOSUR e a UE através do Acordo de Associação.

Ver o vídeo

Declaração sobre a morte de Muammar Kadhafi

20/10/2011

President Barroso © EU

Numa conferência de imprensa conjunta, o Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, e o Presidente do Conselho Europeu, Herman Van Rompuy, afirmaram: "A notícia da morte de Muammar Kadhafi marca o fim de uma era de despotismo e repressão que castigou durante demasiado tempo o povo líbio. Hoje, a Líbia pode virar uma página da sua história e embarcar num novo futuro democrático. Instamos o Conselho Nacional de Transição a levar a cabo um amplo processo de reconciliação que abranja todos os líbios e que permita uma transição democrática, pacífica e transparente no país."

Ler a declaração conjunta

Ver o vídeo

Mecanismo para a Interligação na Europa

O Mecanismo para a Interligação na Europa e a Iniciativa Obrigações da UE a Favor de Projectos são uma demonstração clara do valor acrescentado que a Europa pode fornecer.

19/10/2011

 © EU

A Comissão Europeia adoptou hoje um plano de 50 mil milhões de euros para estimular as redes de transportes, energéticas e digitais da Europa. Os investimentos, direccionados para infra-estruturas cruciais, vão impulsionar a criação de emprego e fomentar a competitividade da Europa numa altura em que é mais necessária. Sobre este assunto, o Presidente Durão Barroso afirmou: "O Mecanismo para a Interligação na Europa e a Iniciativa Obrigações da UE a Favor de Projectos são uma demonstração clara do valor acrescentado que a Europa pode fornecer. Estas propostas vão ajudar a construir estradas, caminhos-de-ferro, redes eléctricas e de gasodutos, assim como redes de banda larga, que são tão importantes para os nossos cidadãos e empresas. Estamos a implementar as ligações que faltam nas redes de infra-estruturas europeias que, de outra forma, não seriam construídas. Este investimento vai gerar crescimento e emprego e, ao mesmo tempo, facilitar o trabalho e as viagens a milhões de cidadãos e empresas europeias." O 'Mecanismo para a Interligação na Europa' vai também tornar a economia da Europa mais verde através da promoção de meios de transporte mais limpos, de ligações de banda larga de alta velocidade e facilitando o uso de energias renováveis em sintonia com a Estratégia Europa 2020.

Comunicação – Um pacote de crescimento para infra-estruturas europeias integradas pdf - 46 KB [46 KB] English (en)

Proposta para um regulamento do Parlamento Europeu e do Conselho a estabelecer o Mecanismo para a Interligação na Europa pdf - 708 KB [708 KB] English (en)

Directrizes para as redes de telecomunicações transeuropeias pdf - 318 KB [318 KB] English (en)

Comunicado de imprensa sobre o Mecanismo para a Interligação na Europa

Um projecto-piloto para a Iniciativa Obrigações da UE a Favor de Projectos 2020

Agenda digital: Comissão propõe mais de 9 mil milhões para investimento em banda larga

Statement by President Barroso at the press conference on Connecting Europe Facility

The Commission's energy infrastructure package

Ver o vídeo

Cerimónia de despedida de Jean-Claude Trichet, BCE, Frankfurt

19/10/2011

President Barroso © EU

O Presidente Durão Barroso esteve presente na cerimónia de despedida de Jean-Claude Trichet, Presidente do BCE, em Frankfurt, Alemanha. Na sua declaração, o Presidente Durão Barroso sublinhou que o euro é uma das principais concretizações do projecto europeu e que define a integração europeia. "Muitas instituições contribuíram para isto, mas o Banco Central Europeu esteve no centro das atenções ao longo do seu desenvolvimento." No seu discurso, o Presidente Durão Barroso descreveu o Presidente Trichet como "um homem inteligente, um homem de visão, mas também um homem de acção, que teve um papel decisivo na defesa da independência do BCE e no fortalecimento da estabilidade financeira". Saudou o sucessor do Presidente Trichet, Mario Draghi, acrescentando que "tanto ele como o BCE vão poder continuar a contar com a total confiança da Comissão". A apenas alguns dias da importante reunião do Conselho Europeu, o Presidente aproveitou a oportunidade para debater a proposta da Comissão para um Roteiro para a Estabilidade e o Crescimento com interlocutores-chave à margem do evento.

Watch the video

Cimeira Social Tripartida

17/10/2011

President Barroso © EU

No final da Cimeira Social Tripartida, o Presidente Durão Barroso disse: "A mensagem que recebemos, tanto do lado das empresas como dos sindicatos, é que devemos fazer tudo o que for necessário para proteger a estabilidade financeira da zona euro, e restaurar a confiança na zona euro e na União Europeia." O Presidente Durão Barroso sublinhou que "lançámos uma iniciativa de oportunidades para jovens e pedi aos parceiros sociais, em particular à comunidade empresarial, para a apoiar sem reservas," tendo acrescentado que "é importante que todos contribuam".

Declaração completa

Ver o vídeo

Visita oficial à Bulgária

14/10/2011

President Barroso © EU

Depois da reunião com o primeiro-ministro búlgaro Boyko Borisov, o Presidente Durão Barroso mostrou-se confiante no alcance de um acordo durante o Conselho Europeu, a 23 de Outubro, sobre a tomada de acções decisivas como resposta abrangente à crise. O Presidente reiterou o apoio inequívoco da Comissão à adesão da Bulgária à área Schengen e encorajou o primeiro-ministro a manter o seu empenho nas reformas na área judicial e no combate à corrupção e ao crime organizado. Elogiou também o elevado nível de apoio à União Europeia na Bulgária.

Ver o vídeo

Visita oficial à França

14/10/2011

President Barroso © EU

O Presidente Durão Barroso reuniu-se com o primeiro-ministro francês François Fillon, e discursou sobre a integração económica nas jornadas parlamentares da União para a Maioria Presidencial (UMP), em Saint-Cyr-sur-Loire. Durante a reunião com o primeiro-ministro foi também debatido o estado da preparação do Conselho Europeu de 23 de Outubro, assim como várias pastas da actualidade. Mais tarde, em Paris, o Presidente Durão Barroso teve uma reunião de trabalho com o Presidente da República, Nicolas Sarkozy. Neste encontro, foi apresentado o roteiro da Comissão para responder à crise económica e preparado o Conselho Europeu de 23 de Outubro.

Ver o vídeo

Reunião com a primeira-ministra dinamarquesa Thorning-Schmidt

13/10/2011

 © EU

A reunião do Presidente Durão Barroso com a primeira-ministra dinamarquesa, Helle Thorning-Schmidt, focou-se, essencialmente, no próximo Conselho Europeu. Depois da reunião, o Presidente Durão Barroso disse: "Concordámos que é necessário encontrar uma solução para romper o ciclo vicioso criado pelas dúvidas quanto à sustentabilidade da dívida pública, à estabilidade do sistema bancário e às perspectivas de crescimento da UE." Reiterou que o roteiro para a estabilidade e o crescimento, apresentado ontem, "define cinco elementos interdependentes que têm de ser implementados em conjunto e tão rapidamente quanto possível". O Presidente também afirmou que a "Dinamarca, com o seu novo governo, continuará a já longa tradição de uma contribuição dinamarquesa construtiva e valiosa para o progresso da Europa, e durante a presidência, e depois dela, a Dinamarca contribuirá para o espírito europeu que precisamos urgentemente na nossa União".

Declaração completa

Ver o vídeo

Mesa redonda dos Friends of Europe

13/10/2011

 © EU

O Conselho Europeu de 23 de Outubro pretende assegurar que "existe vontade política para assumir um compromisso decisivo e essencial, assim como decisões concretas," disse hoje o Presidente Durão Barroso. Referindo a Letónia e a Irlanda como países cujas economias cresceram durante a austeridade, "a Comissão não acredita que os cortes sejam a solução para os desafios da Europa. Contudo, as finanças públicas sólidas são uma parte essencial do crescimento sustentável." Temos de continuar a investir nas pessoas e nas infra-estruturas, enquanto que o mercado único é "a mina de ouro à qual a Europa não deve virar as costas".

Discurso completo

Ver o vídeo

Reunião com o primeiro-ministro irlandês Enda Kenny

13/10/2011

 © EU

O Presidente Durão Barroso reuniu-se com o primeiro-ministro Enda Kenny para debater questões económicas em antecipação ao Conselho Europeu de 23 de Outubro. Depois da reunião, o Presidente Durão Barroso disse: "Acreditamos que temos de ser mais vigorosos na nossa resposta. Acredito numa resposta decisiva e abrangente." O Presidente Durão Barroso afirmou que "é de importância crucial chegarmos a acordo sobre uma abordagem comunitária mais forte com as instituições europeias trabalhando em estreita cooperação com os Estados-Membros e definindo o futuro da nossa União".

Ver o vídeo

Declaração sobre os recentes desenvolvimentos políticos na Eslováquia

12/10/2011

 © EU

Os Presidentes Durão Barroso e Van Rompuy emitiram uma declaração sobre os recentes desenvolvimentos políticos na Eslováquia, sublinhando que "estamos confiantes de que as autoridades e o parlamento eslovacos estão plenamente conscientes da importância crítica de um FEEF melhorado e mais flexível para manter a estabilidade financeira na zona euro. E que isto é do interesse de todos os países da zona euro, incluindo do povo eslovaco. A nossa moeda comum tem um papel crucial nas decisões sobre investimentos, no crescimento e no emprego. É a prosperidade de todos que está em jogo." Os Presidentes apelaram a "todos os partidos no parlamento eslovaco para ultrapassarem posições políticas de curto prazo, e aproveitarem a próxima oportunidade para garantirem uma adopção rápida do novo acordo".

Declaração completa

Roteiro para a estabilidade e o crescimento

Este roteiro mostra-nos o caminho para a Europa poder sair da crise económica.

12/10/2011

 © EU

O Presidente da Comissão Europeia, Durão Barroso, apresentou hoje um roteiro para a estabilidade e o crescimento. No seu discurso ao Parlamento Europeu, sublinhou que "para romper o ciclo vicioso criado pelas dúvidas quanto à sustentabilidade da dívida pública e às perspectivas de crescimento, precisamos de soluções abrangentes agora". O Presidente reiterou que, tal como garantiu no seu discurso sobre o Estado da União, há duas semanas, "estamos a desenvolver os compromissos assumidos". Disse: "A Comissão acabou de adoptar um roteiro para a estabilidade e o crescimento. E definimos termos e prazos concretos para o implementar."

Link para a Comunicação do Roteiro para a Estabilidade e o Crescimento pdf - 39 KB [39 KB] Deutsch (de) English (en) français (fr)

Comunicado de imprensa - "Um roteiro para a estabilidade e o crescimento"

Discurso completo

Ver o vídeo

Reunião com Andris Berzins, Presidente da Letónia

12/10/2011

Mr Andris Berzins e President Barroso © EU

O Presidente Durão Barroso reuniu-se hoje com Andris Berzins, Presidente da Letónia. Debateram a situação económica na União Europeia e, em particular, na Letónia. Os Presidentes também abordaram o próximo Quadro Financeiro Plurianual e os aspectos de interesse particular para a Letónia, nomeadamente as propostas recentemente apresentadas pela Comissão para o futuro da política agrícola e de coesão.

Ver o vídeo

Ler o discurso completo

Reunião com o primeiro-ministro holandês Mark Rutte

11/10/2011

 © EU

O Presidente Durão Barroso reuniu-se hoje com o primeiro-ministro dos Países Baixos, Mark Rutte, para debater questões cruciais para a zona euro e para o futuro da União Europeia. "Debati com o primeiro-ministro algumas ideias que estamos a desenvolver para a governação da zona euro, assim como algumas medidas para resolver a actual situação," afirmou o Presidente Durão Barroso. Referiu que um dos pontos importantes debatidos "foi o problema da governação na zona euro. Precisamos de uma governação forte, precisamos de mais disciplina." O Presidente Durão Barroso sublinhou: "Precisamos de integração e disciplina."

Ver o vídeo

Cimeira do G20: carta dos Presidentes Durão Barroso e Van Rompuy

Esta cimeira tem de restaurar a confiança, apoiar o crescimento e a criação de emprego, e manter a estabilidade financeira.

10/10/2011

G20 logo

O Presidente Durão Barroso, juntamente com o Presidente do Conselho Europeu, Van Rompuy, enviaram uma carta aos outros membros do Conselho Europeu a fim de partilharem as suas opiniões sobre os principais tópicos da Cimeira do G20, em Cannes, de 3 a 4 de Novembro de 2011. Na carta, expressaram a sua esperança de que estas orientações constituam uma base construtiva para o nosso debate preparatório na reunião do Conselho Europeu, em Outubro. Apelaram a uma "renovação do espírito colectivo do G20" e sublinharam que "o facto da França presidir este ano ao G20 confere uma responsabilidade particular à Europa. Temos de fazer da Cimeira de Cannes uma Cimeira do G20 que restaure a confiança, apoie o crescimento e a criação de emprego, e mantenha a estabilidade financeira."

Ler a carta

Discurso na Fundação Jean Monnet, Lausana, Suíça

10/10/2011

 © EU

É nos momentos mais difíceis que a Europa sempre soube encontrar a via do progresso na integração, lembrou o Presidente Durão Barroso pela ocasião do 30.º aniversário da Fundação Jean Monnet, em Lausana. Segundo Jean Monnet, disse, "'os homens só aceitam a mudança em momentos de necessidade, e só vêem a necessidade em momentos de crise'. E hoje, precisamente, a necessidade é mais Europa e a liderança deverá tornar possível aquilo que é necessário."

Ler o discurso

Ver o vídeo

9.as Jornadas Abertas

10/10/2011

 © EU

O Presidente Durão Barroso discursou sobre a política de coesão europeia na abertura das Jornadas Abertas 2011. No seu discurso, apelou aos líderes europeus para explicarem na sua região e no seu país em que medida a política regional e de coesão é importante, sublinhando que as verbas investidas através desta política "não são para Bruxelas; são verbas para as regiões da Europa. São verbas para os trabalhadores da Europa, para os agricultores e para todos aqueles que querem ter um futuro na Europa. São verbas para os cidadãos da Europa, para os desempregados e para aqueles que têm receio de ficarem desempregados." Concluiu, ressaltando que "é este apelo que desejo fazer, para que possamos trabalhar com os nossos Estados-Membros e explicar que não existe um excesso de política regional na Europa, que não existe excesso de coesão na Europa e que não existe excesso de Europa, pelo contrário, o que precisamos na Europa é de mais solidariedade e mais responsabilidade. Na verdade, precisamos de mais Europa."

Mais sobre as Jornadas Abertas 2011

Ler o discurso completo

Ver o vídeo

Entrevista ao vivo no YouTube/Euronews com o Presidente Durão Barroso

Vou apelar a todos os líderes do G20 para apoiarem um imposto sobre as transacções financeiras a nível mundial, cuja parte das receitas poderia ser direccionada para as pessoas mais pobres no mundo.

06/10/2011

President Barroso © EU

Como parte da série de entrevistas do YouTube World View com líderes mundiais, o Presidente Durão Barroso participou hoje numa entrevista ao vivo, transmitida em 11 línguas. Os assuntos económicos dominaram as principais perguntas. A pergunta mais popular foi sobre o que correu mal na Grécia e como estimular a economia grega. O Presidente Durão Barroso respondeu que, "Um país, tal como uma família ou uma empresa, não pode viver durante muito tempo acima das suas possibilidades. E a Grécia estava precisamente a fazer isso." Também sublinhou que no futuro existirá uma maior integração dos orçamentos nacionais e dos programas económicos, assim como sanções para aqueles que não cumprirem com as regras. Mais uma vez, o Presidente reiterou que é necessário um imposto sobre as transacções financeiras para que os bancos contribuam de forma justa para os custos da crise, e referiu que as receitas do imposto poderiam ser usadas para financiar a ajuda ao desenvolvimento. A entrevista foi transmitida ao vivo em http://www.youtube.com/worldview, Europe by Satellite e na Euronews TV.

Ler as principais mensagens da entrevista do Presidente

Watch the video (available in all languages)

Visita do primeiro-ministro finlandês Jyrki Katainen

06/10/2011

 © EU

O Presidente Durão Barroso e o primeiro-ministro finlandês Jyrki Katainen debateram as principais questões da agenda económica, em antecipação ao Conselho Europeu de 17 a 18 de Outubro. O Presidente Durão Barroso referiu a Finlândia como um exemplo para as reformas económicas, afirmando que "a Finlândia mostrou a todos nós que é possível tornar uma crise numa oportunidade. É exactamente isso que estamos a fazer agora na Europa e acredito que vamos ter sucesso."

Ler a declaração completa

Reunião com a chanceler alemã, Angela Merkel

A Europa não pode ter sucesso sem a Alemanha, e estou também convicto de que a Alemanha não pode ter sucesso sem a Europa

05/10/2011

EU

Juntamente com o Colégio, o Presidente Durão Barroso recebeu hoje a chanceler Merkel. Na conferência de imprensa realizada no final da reunião, o Presidente Durão Barroso sublinhou que "somente através de uma renovação europeia, somente com mais Europa e com uma liderança da União Europeia mais comprometida, poderemos criar confiança na nossa capacidade conjunta para actuar," e ressaltou que "a renovação exige liderança e determinação. É por isso que temos de dizer sem ambiguidade 'sim' a uma Europa mais unida, com instituições comunitárias fortes e que trabalhe com base numa parceria estreita e leal com os nossos Estados-Membros... A contribuição da Alemanha continua a ser decisiva." Anunciou também que juntamente com a chanceler Merkel vai encorajar um imposto a nível mundial sobre as transacções financeiras na Cimeira do G20, em Novembro.

Ler a declaração completa

5.a Cimeira UE-Brasil

04/10/2011

EU

Na conclusão da 5.ª Cimeira UE-Brasil, onde foi adoptado um novo Plano de Acção Conjunto para os próximos três anos, o Presidente Durão Barroso sublinhou que "a UE e o Brasil são parceiros estratégicos naturais que partilham valores e objectivos comuns". "Estamos ambos convictos de que a UE e o Mercosur podem gerar grandes ganhos políticos e económicos para as nossas duas regiões," disse, tendo explicado que a UE é já hoje o principal parceiro comercial do Brasil e o principal investidor no Brasil. O Mercosur é o destino de mais investimento directo europeu do que a Rússia, a China e a Índia em conjunto.

Antecedentes

Ler o discurso do Presidente depois da Cimeira (em português)

Ver o vídeo

Full speech from the EU-Brazil Business Summit (in Portuguese)

Felicitações à primeira-ministra dinamarquesa Thorning-Schmidt

03/10/2011

Photo: Mogens Engelund

Em nome da Comissão Europeia, o Presidente Durão Barroso expressou as suas cordiais felicitações a Helle Thorning-Schmidt, recentemente nomeada primeira-ministra dinamarquesa. "O seu governo assume funções num dos períodos mais críticos das últimas décadas. A situação económica é grave e a promoção da estabilidade e do retorno ao crescimento sustentável devem continuar a ser as principais prioridades do programa da União Europeia nos próximos meses e anos," afirmou o Presidente Durão Barroso, tendo acrescentado que "a Dinamarca tem aqui um contributo importante a dar".

Ler a mensagem