This site has been archived on (2014/11/01)
01/11/14

Percurso de navegação

Relações UE-Tailândia entram numa nova era

Ryder Cup

O Presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, e o primeiro-ministro da Tailândia, Yingluck Shinawatra, reuniram-se hoje em Bruxelas. Anunciaram a conclusão das negociações do Acordo de Cooperação e Parceria e o início das negociações sobre um Acordo de Comércio Livre (ACL) entre a UE e a Tailândia.

Depois das conversações bilaterais com o primeiro-ministro da Tailândia, Yingluck Shinawatra, o Presidente Durão Barroso disse que as relações UE-Tailândia estão a avançar para "uma nova era", baseada num novo Acordo de Cooperação e Parceria (ACP) e num futuro Acordo de Comércio Livre.

O ACP, assinado à margem das conversações, "vai elevar a nossa cooperação para um nível superior, melhor adaptado aos desafios mundiais atuais e às nossas ambições políticas", disse.

Além disto, o Presidente Durão Barroso e o primeiro-ministro Shinawatra anunciaram o arranque das negociações sobre um ACL, que se espera traga "benefícios substanciais às nossas relações sólidas de investimento e comerciais".

Durante as conversações bilaterais, foram também abordadas questões regionais e internacionais, dado o papel central da Tailândia na ASEAN. "A UE quer que a integração regional do Sudeste Asiático tenha sucesso: uma ASEAN mais forte será benéfica para a prosperidade do Sudeste Asiático e benéfica para a estabilidade da região mais alargada," disse o Presidente.

No final da reunião, o Presidente Durão Barroso apresentou ao primeiro-ministro um certificado de "Indicação Geográfica" para o Khao Hom Mali Thung Kula Ronghai (um tipo de arroz tailandês). Este arroz tornou-se no primeiro produto do Sudeste Asiático reconhecido com este estatuto pela UE. Durante esta cerimónia simbólica, o Presidente Durão Barroso sublinhou como a "cooperação entre a UE e a Tailândia é eficaz e pragmática", e concluiu afirmando que "proporciona benefícios tangíveis às vidas dos nossos cidadãos".

Ler o discurso completo

Ver o vídeo