This site has been archived on (2014/11/01)
01/11/14

Percurso de navegação

Novo orçamento plurianual deve ter meios para lidar com os principais desafios sociais

Werner Faymann, Austrian Federal Chancellor and President Barroso © EU

Na reunião com o chanceler austríaco Werner Faymann, em Viena, o Presidente Durão Barroso debateu o próximo Conselho Europeu sobre o QFP 2014 -2020 como um instrumento para o crescimento, o emprego e a solidariedade. O Presidente defendeu progressos no combate ao desemprego jovem, questão que é para si uma grande preocupação.

Nas respostas às perguntas dos jornalistas depois da reunião, o Presidente Durão Barroso referiu que vai insistir para que o futuro orçamento permita um novo instrumento, por exemplo, no âmbito do Fundo Social Europeu reformulado, dedicado ao combate ao desemprego jovem.

Lamentou também que até agora o debate tenha sido sobre "cortes, cortes, cortes" em vez de se olhar para o que o orçamento – como o instrumento mais importante para o investimento europeu – pode proporcionar em termos de crescimento e emprego. O Presidente confirmou: "Ao mesmo tempo, somos realistas e estamos a trabalhar para um compromisso, um compromisso decente."

Elogiou a Áustria pelo seu papel de liderança em questões como a garantia da juventude e o sistema de formação profissional duplo. Também sublinhou que a Áustria tem sido uma força impulsionadora do Imposto sobre as Transacções Financeiras – e classificou o acordo, a ser introduzido em 11 Estados-Membros, como "uma vitória da justeza". O Presidente anunciou que a Comissão apresentará em breve a sua proposta legislativa para estes 11 Estados-Membros.

No mesmo dia, da parte da manhã, o Presidente Durão Barroso também participou na sessão de abertura da Conferência R20, em Viena, dedicada à energia sustentável e às alterações climáticas.

Ler o discurso completo do Presidente

Ver o vídeo