A cooperação transnacional entre territórios rurais

Sumário

 

Em poucas palavras...
Franz Fischler, Comissário Europeu responsável pela Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural

A cooperação transnacional: “terceira dimensão” do desenvolvimento local
A cooperação entre territórios rurais de diferentes países é uma iniciativa de grande fôlego, muitas vezes difícil mas sempre portadora de valor acrescentado. Mais de metade dos territórios beneficiários do LEADER II tornaram-se assim “parceiros europeus” em cerca de 400 projectos abrangendo uma grande diversidade de temas.

Uma grande diversidade de temas, à imagem da Europa rural
Turismo, produtos agro-alimentares, tecnologias, metodologias do desenvolvimento... Os temas cobertos pelos projectos de cooperação LEADER II são extremamente variados, reflectindo a grande diversidade dos próprios territórios rurais europeus.

A cooperação: um instrumento formidável ao serviço da construção europeia e do desenvolvimento rural
Anne-Marie Comparini [Presidente do Conselho Regional de Rhône-Alpes - França]

Norte e Sul, juntos, para o desenvolvimento local
Brenda Hegarty [LEADER Fermanagh, Irlanda do Norte] e Adge King [Cavan/Monaghan, Irlanda]

Cooperar com a Europa Central, uma aprendizagem mútua
Joan Asby [LEADER South Pembrokeshire, País de Gales, Reino Unido]

Diversificação, inovação e cooperação em Montaña Palentina (Castela- Leão, Espanha): Por montes e carris
O norte da província de Palencia, em Castela-Leão, desenvolveu com o LEADER um turismo de cultura e de aventura de qualidade. O grupo de acção local espera favorecer a valorização turística das vias férreas abandonadas em Espanha. Para isso, a grande arma poderá ser o “ciclocarril”, objecto de uma cooperação com os grupos LEADER Haut Allier (França) e Vogelsberg (Alemanha).

Natureza, cultura e solidariedade, a trilogia competitiva do Skogslandet (Suécia): Círculos polares LEADER
Aparentemente penalizado pela sua localização nórdica, a mais vasta das zonas LEADER conta com um ambiente excepcional, um património cultural único e com “grupos de desenvolvimento” activos em cada aldeia. Três trunfos que o GAL Skogslandet (“País das Florestas”) conjuga e pretende reforçar graças à cooperação.


European Flag

Comissão
Europeia

Direcçáo-geral
da Agricultura