Percurso de navegação

Crianças e jovens em acção para defender os seus direitos - 08/09/2008

Desenhos de crianças a cantar, a jogar futebol e vestidas com um fato

No âmbito de uma campanha de promoção dos direitos da criança, crianças e jovens são convidados a participar num concurso de cartazes. Vários prémios e uma viagem a Bruxelas recompensarão os vencedores.

O concurso deste ano é subordinado à ideia de que as crianças têm o direito de ser protegidas contra maus tratos e negligência. Os participantes deverão desenhar um cartaz que transmita esta ideia.

A Comissão espera que o concurso leve as crianças a falar das situações em que podem - e devem - procurar ajuda. Os participantes serão divididos em duas categorias em função da idade (10-14 anos e 15-18 anos) e deverão constituir equipas de, pelo menos, quatro elementos. Os adultos que queiram ajudar receberão material didáctico.

O concurso, que vai na sua terceira edição, contou com a participação de mais de 6000 concorrentes no ano passado (três vezes mais do que em 2006).

As obras serão primeiro julgadas a nível nacional, sendo os prémios atribuídos numa cerimónia organizada em cada país no dia 20 de Novembro, "Dia internacional dos Direitos da Criança".

Os vencedores a nível nacional participarão numa nova selecção a nível europeu. Em Dezembro, as três equipas vencedoras de cada grupo etário serão convidadas a visitar Bruxelas para participar numa cerimónia de entrega de prémios e para descobrir a cidade e as instituições europeias.

Os melhores cartazes serão apresentados nos sítios Web da UE e das representações da Comissão nos Estados-Membrose poderão ser utilizados em futuras campanhas europeias de defesa dos direitos da criança.

O concurso inscreve-se numa estratégia europeia de âmbito mais lato que tem por objectivo assegurar que as crianças cresçam num ambiente seguro. Nesta perspectiva, foram adoptadas outras medidas destinadas a:

  • tornar a Internet mais segura (por exemplo, foi lançado um mecanismo para bloquear compras em linha de pornografia infantil);
  • tornar a protecção das crianças uma prioridade a nível mundial;
  • lutar contra o tráfico e a exploração sexual das crianças, nomeadamente através de uma linha directa EnglishPDF para as crianças desaparecidas.

 

Ver página em alto contraste Texto tamanho normal Aumentar texto 200 % Enviar esta página a um amigo Imprimir esta página

 

Encontrou a informação que procurava?

Sim Não

O que procurava?

Tem alguma sugestão?

Ligações úteis